Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und relevantere Anzeigen zu schalten. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

HornetQ - 2.Arquitetura do HornetQ

938 Aufrufe

Veröffentlicht am

  • Als Erste(r) kommentieren

  • Gehören Sie zu den Ersten, denen das gefällt!

HornetQ - 2.Arquitetura do HornetQ

  1. 1. Treinamento HornetQ
  2. 2. Agenda • • • • • O que é o HornetQ? Arquitetura baseada em POJOs APIs de Comunicação Persistent Journal Tipos de Uso
  3. 3. Arquitetura do HornetQ • O que é o HornetQ? – Projeto open source mantido pela JBoss. – Características: • • • • • • 100% open source Projetado com usabilidade em mente Escrito em Java (roda com Java 6 ou superior) Performático Arquitetura baseada em POJOs Suporta mecanismos de cluster e HA.
  4. 4. Arquitetura do HornetQ • O que é HornetQ? – O que significa arquitetura baseada em POJOs? • Permite ser injetado dentro da aplicação • Pode ser instanciado por vários frameworks de DI, como por exemplo: JBoss Microcontainer, Google Guice e Spring
  5. 5. Arquitetura do HornetQ • APIs de Comunicação – Os clientes se comunicam com o HotnetQ através de duas APIs, são elas: • Core Client – Conjunto de componentes fornecidos com o servidor, que permite a iteração das aplicações com o MOM através das várias funcionalidades disponíveis. • JMS Client – Padrão JMS de comunicação.
  6. 6. Arquitetura do HornetQ • APIs de Comunicação Apenas faz a tradução para a API nativa.
  7. 7. Arquitetura do HornetQ • Persistent Journal – A razão da alta performance no HornetQ está no seu mecanismo de persistencia. – Não utiliza banco de dados. – Baseado no conceito Journals – Persistência baseada em código nativo para Linux
  8. 8. Arquitetura do HornetQ • Tipos de Uso – Standalone • Independente de um servidor de aplicação JEE • Tem mecanismo de bootstrap próprios • Pode ser integrado com o servidor de aplicação JEE – Embedded • Devido a sua natureza modular ele pode ser embutido dentro de uma aplicação. • Aplicações podem instanciá-lo e utilizá-lo com frameworks de Dependency Injection.
  9. 9. Arquitetura do HornetQ • Tipos de Uso – Iniciando o servidor embedded

×