Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Schünke SISTEMA ARTERIAL  DA CABEÇA  E DO PESCOÇO
A. CARÓTIDA COMUM A. VERTEBRAL Sobotta O suprimento sangüíneo da cabeça e do pescoço é realizado por ramos das artérias ca...
ARTÉRIA CARÓTIDA EXTERNA ARTÉRIA CARÓTIDA INTERNA ARTÉRIA CARÓTIDA COMUM <ul><li>VERTEBRAL </li></ul><ul><li>A. SUBCLÁVIA ...
a. carótida interna a. vertebral Netter O suprimento sangüíneo do encéfalo é realizado pelas artérias carótida interna e v...
Sobotta <ul><li>carótida externa </li></ul>A artéria Carótida Comum bifurca-se, ao nível do osso hióide, em  a. carótida i...
<ul><li>tireóidea  </li></ul><ul><li>superior </li></ul>Schünke <ul><li>lingual </li></ul>A artéria carótida externa emite...
a. faríngea ascendente Sobotta a. occipital a. auricular posterior a. facial A artéria carótida externa emite vários  ramo...
a. sublingual <ul><li>profunda  </li></ul><ul><li>da língua </li></ul>A. LINGUAL ramo dorsais da língua Schünke ramos  sup...
a. palatina  ascendente ramos  glandulares a. submentual Schünke A. FACIAL a. labial  superior a. labial  inferior a. angu...
a. temporal superfícial <ul><li>maxilar </li></ul>Netter A  Artéria Carótida Externa  após emitir todos os ramos colaterai...
Sobotta A. Temporal Superfícial  <ul><li>transversa </li></ul><ul><li>da face </li></ul>ramo frontal ramo parietal A  Arté...
A. MAXILAR Madeira A  Artéria Maxilar  emite vários ramos colaterais e um terminal,  supre a irrigação das regiões profund...
<ul><li>meníngea média </li></ul>Sobotta Schünke A artéria maxilar emite vários  ramos colaterais : Irriga a dura-máter e ...
a. alveolar inferior ramos dentais e peridentais Netter ramo  milo-hióideo a. mentual <ul><li>A artéria maxilar emite vári...
a. temporal  profunda posterior ramos pterigóideos a.   massetérica a. temporal  profunda anterior a. bucal Schünke A arté...
a. infraorbital a. esfenopalatina a. alveolar superior posterior Schünke A artéria maxilar emite dois  ramos colaterais , ...
Netter a. palatina descendente  a. palatina menor  a. palatina maior  <ul><li>Observando a artéria maxilar por medial temo...
a. esfenopalatina  Netter a. esfenopalatina  A artéria maxilar emite seu ramo terminal que penetra na fossa pterigopalatin...
Converte-te  numa pessoa melhor e assegura-te de  saber  quem és antes de conhecer mais alguém e esperar  que essa  pessoa...
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

33 sistema arterial

24.803 Aufrufe

Veröffentlicht am

  • Slides muito bons! Utilizei em uma aula e referi como (Borges, 2011).
       Antworten 
    Sind Sie sicher, dass Sie …  Ja  Nein
    Ihre Nachricht erscheint hier

33 sistema arterial

  1. 1. Schünke SISTEMA ARTERIAL DA CABEÇA E DO PESCOÇO
  2. 2. A. CARÓTIDA COMUM A. VERTEBRAL Sobotta O suprimento sangüíneo da cabeça e do pescoço é realizado por ramos das artérias carótida comum e vertebral (ramo da a. subclávia).
  3. 3. ARTÉRIA CARÓTIDA EXTERNA ARTÉRIA CARÓTIDA INTERNA ARTÉRIA CARÓTIDA COMUM <ul><li>VERTEBRAL </li></ul><ul><li>A. SUBCLÁVIA </li></ul>Relembrando: cada a. carótida comum se bifurca, na altura do osso hióide, em a. carótida interna e a. carótida externa.
  4. 4. a. carótida interna a. vertebral Netter O suprimento sangüíneo do encéfalo é realizado pelas artérias carótida interna e vertebral. As ramificações destas artérias formam o polígono arterial do cérebro.
  5. 5. Sobotta <ul><li>carótida externa </li></ul>A artéria Carótida Comum bifurca-se, ao nível do osso hióide, em a. carótida interna e a. carótida externa. A Artéria Carótida Externa irriga a maior parte dos tecidos moles da cabeça. Ela emite vários ramos colaterais durante seu percurso ascendente e na altura do colo da mandíbula emite seus ramos terminais.
  6. 6. <ul><li>tireóidea </li></ul><ul><li>superior </li></ul>Schünke <ul><li>lingual </li></ul>A artéria carótida externa emite vários ramos colaterais : Irriga a gl. tireóide e a laringe Possui várias ramificações para irrigar a língua
  7. 7. a. faríngea ascendente Sobotta a. occipital a. auricular posterior a. facial A artéria carótida externa emite vários ramos colaterais : Possui várias ramificações para irrigar grande parte da face Irriga a faringe Irriga os músculos da região e o couro cabeludo Irriga orelha interna,céls mastóideas, pavilhão da orelha, gl. parótida e ATM
  8. 8. a. sublingual <ul><li>profunda </li></ul><ul><li>da língua </li></ul>A. LINGUAL ramo dorsais da língua Schünke ramos supra-hióideos A artéria lingual (ramo colateral da A. Carótida Externa) por sua vez também ramifica-se: Irriga os músculos supra-hióideos Irriga os músculos da porção posterior da língua Irriga a região sublingual e a gl. sublingual Ramo terminal da a. lingual. Irriga os músculos da porção anterior e média da língua
  9. 9. a. palatina ascendente ramos glandulares a. submentual Schünke A. FACIAL a. labial superior a. labial inferior a. angular A artéria facial (ramo colateral da A. Carótida Externa) por sua vez também ramifica-se: Irriga o palato mole Irriga a gl. submandibular Irriga músculos da região Irrigam a região dos lábios Ramo terminal da a. facial que realiza a ansatomose com a A. Carótida Interna
  10. 10. a. temporal superfícial <ul><li>maxilar </li></ul>Netter A Artéria Carótida Externa após emitir todos os ramos colaterais termina próximo ao colo da mandibula em dois ramos terminais .
  11. 11. Sobotta A. Temporal Superfícial <ul><li>transversa </li></ul><ul><li>da face </li></ul>ramo frontal ramo parietal A Artéria Temporal Superficial segue um trajeto ascendente, emite dois ramos colaterais, sendo o mais importante a a. transversa da face, e dois ramos terminais (frontal e parietal). Irrigam a gl parótida, m. masseter e pele da região zigomática Irriga o couro cabeludo da região frontal Irriga o couro cabeludo da região parietal
  12. 12. A. MAXILAR Madeira A Artéria Maxilar emite vários ramos colaterais e um terminal, supre a irrigação das regiões profundas da face, inclusive dos dentes superiores e inferiores.
  13. 13. <ul><li>meníngea média </li></ul>Sobotta Schünke A artéria maxilar emite vários ramos colaterais : Irriga a dura-máter e o gânglio trigeminal
  14. 14. a. alveolar inferior ramos dentais e peridentais Netter ramo milo-hióideo a. mentual <ul><li>A artéria maxilar emite vários ramos colaterais , dentre eles a </li></ul><ul><li>alveolar inferior, que por sua vez emite </li></ul><ul><li>ramos colaterais (ramo milo-hióideo, ramos dentais e peridentais) </li></ul><ul><li>e um ramo terminal (a.mentual). </li></ul>Irriga polpa e periodonto dos dentes inferiores Irriga lábio inferior e gengiva vestibular anterior inferior Irriga o m. milo-hióideo e o ventre anterior do digástrico.
  15. 15. a. temporal profunda posterior ramos pterigóideos a. massetérica a. temporal profunda anterior a. bucal Schünke A artéria maxilar emite vários ramos colaterais : Estes ramos colaterais irrigam os músculos da mastigação Irriga o m. bucinador e a bochecha
  16. 16. a. infraorbital a. esfenopalatina a. alveolar superior posterior Schünke A artéria maxilar emite dois ramos colaterais , um na região da tuberosidade maxilar (a. alveolar superior posterior) e outro que penetra na fissura orbital inferior (a. infraorbital). Por esta vista podemos tb observar o ramo terminal da a. maxilar que é a a. esfenopalatina Irriga a polpa e peridonto dos pré-molares e molares, e possui um ramo extra-ósseo para a gengiva vestibular posterior Emitir ramos colaterais (a. alveolar superior anterior e média) para a polpa dos dentes anteriores. E seu ramo terminal exterioriza-se no forame infraorbital para suprir a irrigação dos tecidos moles do 1/3 médio da face.
  17. 17. Netter a. palatina descendente a. palatina menor a. palatina maior <ul><li>Observando a artéria maxilar por medial temos o ramo colateral </li></ul><ul><li>palatina descendente que ramifica-se em a. palatina maior e </li></ul><ul><li>a.palatina menor para suprir a irrigação da parte posterior do palato duro </li></ul><ul><li>e palato mole </li></ul>
  18. 18. a. esfenopalatina Netter a. esfenopalatina A artéria maxilar emite seu ramo terminal que penetra na fossa pterigopalatina para atravessar o forame esfenopalatino e atingir a cavidade nasal. Percorre o septo nasal juntamente com o n. nasopalatino, ambos atravessam o forame incisivo. A a. esfenopalatina supre a irrigação da porção anterior do palato duro.
  19. 19. Converte-te numa pessoa melhor e assegura-te de saber quem és antes de conhecer mais alguém e esperar que essa  pessoa saiba quem és.

×