Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Fusos horarios completo

Aula completa sobre Fusos-horários

  • Loggen Sie sich ein, um Kommentare anzuzeigen.

Fusos horarios completo

  1. 1. - Facilitar as comunica��es e o planejamento das viagens nas diversas partes do mundo; - Possibilitar a integra��o de empresas transnacionais e mercados de valores no mundo; - Padronizar as horas conforme o movimento de rota��o da Terra e a incid�ncia dos raios solares;
  2. 2. - Antes da divis�o da terra em fusos-hor�rios, a Europa possu�a 27 horas diferentes, atualmente s�o apenas 3, e a Am�rica, 74 fusos-hor�rios, hoje s�o 5. - Como a principal refer�ncia para a contagem do tempo era a posi��o do Sol, regi�es pr�ximas tinham hor�rios diferentes, pois cada lugar definia a sua hora, com a inexist�ncia de um par�metro universal. - Atualmente, cada grau, no movimento de rota��o equivale a 4 minutos no rel�gio.
  3. 3. - S�o o resultado da divis�o da circunfer�ncia terrestres, 360 graus, pela quantidade de horas de um dia, 24 horas; - A Terra tem 24 fusos-hor�rios; - Cada fuso-hor�rio ocupa 15� de longitude; - Como a Terra gira no sentido Oeste-Leste, a cada 15� no sentido Leste adiciona-se uma hora, e para Oeste subtrai-se uma hora.
  4. 4. - Na Confer�ncia Internacional do Meridiano, em 1884, realizado em Washington (EUA), definiu- se, por vota��o, um meridiano que seria o ponto zero, o Meridiano de Greenwich; - Divide a Terra de forma perpendicular em dois hemisf�rios, denominados leste ou oriente e oeste ou ocidente. - Seu nome � proveniente do Observat�rio Astron�mico Real, localizado em um distrito de Londres chamado de Greenwich.
  5. 5. - HORA LEGAL: Tem por base o meridiano de Greenwich; - HORA LOCAL: � determinada pelo movimento aparente do Sol; - HOR�RIO DE VER�O: Consiste em adiantar a hora legal em 1 hora, no per�odo de maior insola��o, o ver�o, com o objetivo de reduzir o consumo de energia. � adotado nas regi�es de m�dias latitudes.
  6. 6. - O objetivo � aproveitar melhor a luz natural, j� que durante o ver�o o Sol nasce mais cedo e morre mais tarde. - A medida provoca uma importante redu��o no consumo de energia, chegando a uma m�dia de 5% nos hor�rios de pico. - Em �reas muito pr�ximas do Equador, a varia��o de Luz � m�nima ao longo do ano, n�o compensado a ado��o do hor�rio de ver�o. - Tem in�cio � 0h do terceiro domingo de outubro, e vai at� o terceiro domingo de fevereiro.
  7. 7. - � uma linha imagin�ria que atravessa o Oceano Pac�fico, estabelecendo quando come�a o pr�ximo dia. Essa linha se op�e ao meridiano de Greenwich, por isto � tamb�m chamada de anti-meridiano. - � refer�ncia para a mudan�a de data. - O primeiro pa�s a receber os raios solares de um novo dia � a Rep�blica de Kiribati, um min�sculo pa�s-arquip�lago.
  8. 8. - Mestre em Geografia - UFES, Vit�ria/ES. - Especialista em Doc�ncia do Ensino Superior - FIJ, Jacarepagu�/RJ. - Graduado em Geografia - UFES, Vit�ria/ES. - Professor em diversas redes de ensino desde 2001, atuando tanto no Ensino Regular como em Cursos Preparat�rios. profkeliton.blogspot.com

×