Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

5w1h livro 1 licoes 1 a 10

As 10 primeiras lições para quem quer buscar desenvolver sua carreira e atingir seus objetivos profissionais, usando a Ferramenta 5W1H como guia do plano de carreira!

  • Als Erste(r) kommentieren

5w1h livro 1 licoes 1 a 10

  1. 1. Dicas para acelerar sua carreira. Livro 1 Lições de 1 a 10 Fabiano Caxito
  2. 2. 5W1H da carreira. Quero te passar algumas tarefas para desenvolver sua carreira. Você aceita? Existem milhares de livros, artigos, sites e dicas sobre como direcionar sua carreira, construir network, fazer marketing pessoal. Eu mesmo já lancei o livro Não Deixo a Vida Me Levar, A Vida Levo Eu!, pela ed. Saraiva, que aborda o assunto, além de já ter desenvolvido o projeto Acelere sua carreira em diversas mídias, como na TV UOL , Revistas como a Exame, Podcasts e sites como o Administradores.com Como consultor, utilizo diversas ferramentas de planejamento e gestão. Dentre elas, uma de minhas preferidas, pelos resultado que permite alcançar, é o 5W1H, uma ferramenta de Gestão de Processos e Qualidade Total usado em conjunto com outras ferramentas, como o Diagrama de Ishikawa. A ferramenta 5W1H permite construir um plano de ação que leva em consideração todas as tarefas a serem executadas ou selecionadas de forma cuidadosa e objetiva, assegurando sua implementação de forma organizada, levando-se em consideração os seguintes itens: • What? O que será feito? • When? Quando será feito? • Where? Onde será feito? • Why? Por que será feito? • Who? Quem o fará? • How? Como será feito? O plano de ação, após serem definidas todas as etapas acima, serve para guiar as ações e prazos que precisam ser executados para se atingir o objetivo. Decidi utilizar a ferramenta para falar de carreira por que vejo muito conteúdo sobre o tema, mas muitas pessoas tem a dificuldade de colocar em práticas as dicas e orientações.
  3. 3. Em Minas Gerais, chamamos o trabalho que a professora passa para que seja realizado na residência dos alunos de PARA CASA. Em outros estados, chamamos de Lição de Casa, Dever de Casa. A minha ideia aqui é essa. Te dar um trabalho, uma obrigação a ser cumprida, com o objetivo de desenvolver sua carreira. Daqui a pouco vou postar sua primeira Lição de Carreira. NOTA DE ESCLARECIMENTO: Não atuo como coach e esse não é um processo de coach. Meu objetivo aqui é apenas dar algumas dicas sobre como redirecionar sua carreira. Caso considere necessário fazer um processo mais aprofundado, sugiro buscar um profissional da área.
  4. 4. Lição de Casa 1. Onde você estará profissionalmente daqui a 5 anos? What: Definir meu Objetivo profissional para daqui a 5 anos Who: Quem sou e quem quero ser como Profissional Why: Para orientar minhas ações, aprendizagens e experiências Where: Onde fazer: Sugiro que não faça esse exercício em seu trabalho. Você será interrompido e para que possa pensar com profundidade, precisa de concentração. Fique em casa sozinho, vá para uma biblioteca. When: Quando. Pela minha experiência, você levará algumas horas para fazer esse processo. Portanto, faça em um final de semana ou feriado. Explique para as pessoas que precisa se algumas horas sozinho. É importante que você não seja influenciado por outras pessoas em seu planejamento. Essa é uma decisão pessoal intransferível. How: Separe algumas horas para definir seu objetivo profissional. Não faça isso com pressa. É de seu futuro que estamos falando. Passo 1: relembre onde você estava profissionalmente há cinco anos. • Em que empresa atuava? • Qual era seu cargo? • O que o motivava? • O que o incomodava? • Quais eram suas frustrações? • Ao analisar minha vida, minhas realizações e meus sonhos, o que me dá orgulho? Passo 2: refaça essas perguntas, mas agora pensando em sua situação atual. Passo 3: Agora se imagine daqui a 5 anos.
  5. 5. • Qual será sua idade? De seus filhos? • Em que empresa, profissão ou negócio gostaria de atuar? • Qual será seu cargo. • O que o motivará? Passo 4: Agora, vamos transformar esse sonho em uma meta. Transcreva seu objetivo em uma frase, com a seguinte estrutura: Deixe-me dar um exemplo: Quando fiz 30 anos, mesmo bem-sucedido profissionalmente, comecei a me questionar se aquilo era o que eu queria para o resto de minha vida. E desenhei um plano de 5 anos: Tornar-me um professor universitário. E minha experiência com o planejamento de carreira surgiu desta vontade de mudar de vida. E posso dizer: Valeu a pena! Hoje, amo o que faço.
  6. 6. Lição de Casa 2. Escreva seu currículo VERDADEIRO. Ou melhor, sua autobiografia profissional What: Escrever seu currículo verdadeiro. Ou melhor, sua autobiografia profissional. Who: Um currículo sincero possibilitará que você realmente possa se enxergar como o profissional que é, para poder entender como se transformará no profissional que deseja ser. Why: o currículo que escrevemos com o objetivo de buscar uma nova colocação muitas vezes não reflete quem você realmente é. Muitas vezes, colocamos as frases da moda ou aquilo que o recrutador quer ler. Where: Sugiro que faça esse processo em um lugar reservado, sem a presença de outras pessoas. When: Que tal no próximo feriado? How: Siga os seguintes passos Passo 1: Não leia seu currículo atual. Normalmente, ele não reflete realmente que você é como profissional. Sua carteira de trabalho e suas agendas, arquivos, relatórios, apresentações e documentos que desenvolveu durante o tempo em que esteve em cada cargo ou empresa são um retrato muito mais fiel de suas realizações. Passo 2 No primeiro momento, não use o computador. Desligue seu celular, fique off-line. Use folhas soltas, uma para cada cargo e empresa na qual atuou. Assim você pode depois reorganizá-las por atividades e não por cronologia.
  7. 7. Passo 3 – Seja sincero. Você não vai mostrar esse currículo para ninguém. Ele é sua autobiografia profissional. Passo 4 – Em cada cargo, descreva: • As atividades que realizou. • O que aprendeu • Com que se relacionava • Como era seu líder • O que achava que podia fazer de melhor, mas que não conseguiu implantar • Qual era seu sentimento em relação a sua função • Quais eram suas frustrações • O que o motivava • Que resultados obteve e o que o fez se sentir orgulhoso à época • O que essa experiência trouxe de positivo e negativo para você. Passo 5 - Após descrever cada cargo Releia cada uma delas e tente fazer correlações entre as diversas fases de sua carreira. • Em que cargos você se sentiu mais realizado? O que eles tinham em comum? • Em que cargos você se sentiu mais frustrado? O que eles tinham em comum? • Em que empresas você realmente gostava de trabalhar? Como eram as relações entre as pessoas dessa empresa • Em que empresas e cargos você não gostou de atuar? E qual o motivo. • Quais são os seus maiores orgulhos profissionais?
  8. 8. Passo 6 - Separe as folhas em três pilhas • Os cargos que você realmente gostou e se sentiu recompensado • Os cargos nos quais você apenas cumpriu suas tarefas, mas não se sentia motivado. • Os cargos que você não gostou de ocupar. • Agora você está começando a se conhecer um pouco mais. E se preparando para o próximo passo. Quando fiz esse processo, em minha mudança de carreira, descobri que o que eu realmente gostava de fazer era treinar equipes. Sem perceber, já estava alimentando meu sonho de ser professor. Mas só quando analisei cada uma de minhas atividades, ficou claro para mim qual era meu propósito de vida.
  9. 9. Lição de Casa 3. Faça uma avaliação 360 graus e se conheça melhor What: Pedir que colegas de trabalho o avaliem Who: • Relacionamentos que teve em cargos anteriores: Pelo menos 2 antigos chefes, 2 antigos colegas de trabalho e 2 antigos subordinados. • Relacionamentos no cargo atual: Seu atual Chefe, um colega de trabalho e um subordinado Why: Aumentar o conhecimento que você tem sobre como as outras pessoas o enxergam Where: Você pode fazer pessoalmente, visitando as pessoas, ou por meio de um questionário eletrônico When: Normalmente esse processo leva cerca de uma semana. How: Siga os passos abaixo Passo 1 – Definir o Formulário Existem diversos formulários que podem ser utilizados. Alguns mais complexos, outros mais simples. Indico o teste no final do artigo, disponível no site Agendor, no qual fiz algumas pequenas alterações. Passo 2 – Contatar as pessoas • Seguindo a lista sugerida no item WHO, entre em contato com antigos colegas.
  10. 10. • Tente selecionar tanto as empresas nas quais gostou de trabalhar quanto aquelas em que não se sentia motivado. • Quanto mais formulários conseguir que sejam respondidos, maior a percepção que terá de suas características. Mas evite um número muito excessivo para não tornar esse passo muito demorado. • Explique para as pessoas que responderão o formulário o que você está buscando. Peça a elas que sejam sinceras. O ideal é que os formulários sejam anônimos, pois assim as pessoas serão mais sinceras. • Se possível, entregue pessoalmente o formulário em um envelope em branco sem identificação e agende para retirá-los daí a alguns dias. Peça a pessoa para responder e lacrar o envelope. Assim você manterá o anonimato delas • Outra opção é usar um site de formulários online, como SURVIO , Wufoo, JotForm, FormFacil Alpha, FormSite ou o próprio Google Docs Passo 3 – Tabular as respostas. O processo de avaliação 360 graus pode ser bastante estressante, mas também muito revelador. Esteja preparado para conhecer um lado seu que não conhece. Mas essa é exatamente a função dessa ferramenta
  11. 11. O Formulário é uma lista de perguntas às quais o respondente deve assinalar uma das 5 alternativas: Nunca, Pouco, Algumas Vezes, Muito, Quase Sempre. 1. Liderança Consegue influenciar os demais colaboradores e motivá-los a participar dos projetos propostos? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) Às Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Entende a diversidade de personalidades e consegue despertar o melhor de cada uma? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) Às Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 2.Integridade Moral Trabalha de forma ética ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) Às Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Busca a imparcialidade e a justiça quando há desavença de opiniões? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 3.Versatilidade Motiva a equipe que faz parte a buscar soluções para os problemas do departamento? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Enfrenta novas responsabilidades e as dificuldades com criatividade? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre.
  12. 12. 4. Relacionamento Sabe unir os colaboradores na busca do verdadeiro trabalho em equipe? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Procura conciliar as opiniões e reaproximar as pessoas quando ocorrem conflitos? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 5.Olhar Sistêmico Enxerga necessidades de soluções para clientes e da empresa e pede auxílio dos líderes? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Se conecta com os outros departamentos da organização para cumprir suas tarefas? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 6. Trabalho em Equipe Busca o diálogo e opiniões no grupo para que todos encontrem juntos a melhor solução? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Consegue trabalhar em grupo sem causar conflitos e estimula a participação coletiva? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 7.Responsabilidade Cumpre seus prazos e busca atingir seus objetivos ao desempenhar seu trabalho? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre.
  13. 13. Procura alcançar níveis de qualidade conforme o padrão estabelecido pela empresa? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 8. Comunicação Passa as informações necessárias para seu grupo de trabalho? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Comunica-se com lealdade, sem esconder fatos ou omitir informações? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 9.Foco em resultados Engaja o grupo em busca do atingimento dos objetivos? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. Direciona seus esforços para atingir os objetivos da empresa? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre. 10.Organização Define prioridades e aloca seu tempo para desempenhar várias tarefas ao mesmo tempo de forma eficiente? ( ) Nunca, ( ) Pouco, ( ) As Vezes, ( ) Muito, ( ) Quase Sempre.
  14. 14. Em um determinado período de minha vida profissional assumi a gestão de uma equipe na qual eu havia sido vendedor. No final do dia, os vendedores vinham até minha mesa para negociar e eu os respondia olhando para a tela do sistema, como forma de ganhar tempo. Como todos me conheciam, nunca tive problemas e era bem avaliado pela equipe. Na sequência, assumi uma nova equipe e continuei atuando da mesma forma que fazia com a equipe anterior. Quando fui avaliado pela equipe. Recebi grandes críticas, por que os vendedores me achavam arrogante, por que, segundo eles, eu não olhava para eles quando negociavam comigo. Tive que reformular minha forma de atendê-los no final do dia para reconquistar a confiança deles.
  15. 15. Lição de Casa 4. Escreva o currículo dos seus sonhos. Ou melhor: do seu objetivo! What: Escrever seu Currículo para daqui a 5 anos. Who: Pessoas que estejam na posição profissional que você deseja estar em seu objetivo de 5 anos. Why: Para saber claramente quais competências precisa desenvolver, quais experiências precisa ter, quais cursos precisa fazer para se transformar no profissional que deseja ser. Where: Sugiro que faça esse processo em um lugar reservado, sem a presença de outras pessoas.Você vai precisar de um computador com acesso à internet para pesquisar cursos, eventos e outras informações. When: Normalmente esse processo algumas horas. Use o seu final de semana. How: Siga os passos abaixo Passo 1 – Converse com profissionais que estão na posição que descreveu em seu objetivo. Pergunte: • Que competências ele possui que acha mais importante para o sucesso da sua atividade • Que competências ele não possui e que seriam importantes • Qual foi sua formação? Que cursos fez? Que cursos gostaria de fazer • O que ele normalmente lê? Quais os livros indica como fundamentais para sua formação? • Que relacionamentos ele desenvolveu que foram importantes para atingir a posição atual • Quais são os maiores desafios do cargo?
  16. 16. • Como é seu cotidiano de trabalho. • Onde ele sonha estar daqui a cinco anos? Passo 2 – Pesquise qual seria o currículo de um profissional que atua no cargo ou na profissão que você deseja ter? • Que cursos precisa fazer • Qual a formação ideal • Que experiências teve • Que competências são necessárias para desempenhar bem o cargo ou atividade. Passo 3 – Agora, se imagine daqui a cinco anos, na posição que deseja ter. • Escreva seu currículo ideal para daqui a 5 anos. • Coloque os cursos que terá, as experiencias que desenvolverá, suas realizações. • Inclua competências que você já tem e as que você precisará desenvolver. • Imagine-se entregando esse currículo a um headhunter daqui a cinco anos. Ele precisa ser irresistível: conter tudo aquilo que um selecionador busca em um candidato para o cargo. Na próxima lição, vamos desenvolver o seu plano de ação Quando desenhei meu currículo dos sonhos, escolhi alguns profissionais de destaque como "modelos" daquilo que eu gostaria de ser: Um professor, um palestrante, um autor e um consultor. Analisei o currículo deles para desenhar o meu. Me ajudou muito!
  17. 17. Lição de Casa 5. Crie seu plano de ação! E nessa lição, vamos usar um H a mais: How Much What: Montar o seu Plano de Ação para os próximos 5 anos Who: Você. Peça também a ajuda e orientação das pessoas que conhece que já desenvolveram as competências que identificar como necessárias. Why: Para saber exatamente quando e como desenvolver cada uma das competências necessárias para se transformar no profissional que deseja ser Where: Em sua casa. Você precisará ter acesso a internet para pesquisar dados sobre como desenvolver cada competência. When: Normalmente esse processo algumas horas. Use o seu final de semana. How: Siga os passos abaixo Passo 1 – Analise e compare dois documentos que você já desenvolveu: • Sua autobiografia Profissional, que desenvolveu na Lição de Casa 2. • Seu Currículo daqui a 5 anos, que desenvolveu na Lição de casa 4 • Identifique que competências, experiências, contatos, cursos e vivências você precisa ter daqui a cinco anos que não tem hoje. • Assim, você listará tudo que precisa desenvolver para se tornar o profissional que deseja, ou seja, os gaps de seu currículo. Passo 2 –Analise cada um dos gaps que você identificou no passo anterior • Quanto tempo é necessário para adquirir essa competência? • Como você vai desenvolver cada uma dessas necessidades: • Por Exemplo: Um curso é simples de ser realizado. Basta buscar uma instituição. Mas é uma experiencia? Se você determinou que precisa passar alguns meses
  18. 18. em outro país para desenvolver uma segunda língua, como você se organizará para obter essa experiência; se você precisa desenvolver um contato específico, como chegará a essa pessoa? Passo 3: Pesquise locais, processos, valores e períodos de tempo necessários para desenvolver cada um dos gaps Seja bastante detalhista, pesquise diversas opções para cada um dos gaps. Assim, fica mais fácil desenvolver um cronograma viável. Passo 4: Crie um cronograma de desenvolvimento. Partindo do ponto final – seu currículo daqui a 5 anos – organize um cronograma • Um exemplo: se você determinar que precisa fazer uma graduação, lembre-se que em geral, o bacharelado tem duração de 4 a 5 anos. Assim, para alcançar seu plano de 5 anos, você precisa começar o curso no próximo ano. • Algumas competências são pré-requisitos para outras (você precisa fazer uma graduação antes de cursar um MBA). Assim. elas precisam estar colocadas no cronograma de forma sequencial. • Seu cronograma será seu guia para cada uma das ações que precisa realizar. Você saberá o que precisa fazer amanhã, daqui a um mês, daqui a seis meses, um ano, até chegar a seu objetivo profissional • Imprima diversas copias de seu cronograma e coloque em locais que você sempre vê. Assim. Vai se lembrar sempre dos próximos passos. • A cada passo realizado, comemore! Assim, sua motivação se mantém alta. How Much: Esse é um passo novo em nosso processo. Mas como você precisará investir em sua carreira, é importante levantar quanto vai custar preencher cada um dos gaps de desenvolvimento. Levante os custos, alternativas, formas de pagamento e financiamento de cada uma das atividades que você precisará desenvolver.
  19. 19. Quando desenhei meu plano de ação, vi que uma das experiências que eu gostaria de ter custaria muito. Eu não tinha como pagar naquele momento. Mas havia uma campanha na empresa na qual eu trabalhava que daria um automóvel como prêmio ao primeiro colocado. Me dediquei muito e consegui ganhar o prêmio. E nem mesmo peguei a chave: investi todo o valor em um curso de MBA na FIA. Pode ter certeza: esse carro já retornou muitas vezes.
  20. 20. Lição de Casa 6. Detalhe seu plano de Ação. Escolher as experiências certas fará toda diferença no futuro. What: Detalhar o seu plano de ação. Who: Você. Busque informações com profissionais que já atuam na área em que deseja atuar. Peça opiniões das pessoas que já realizaram os cursos que deseja fazer. Why: para começar a construir uma imagem e uma rede de relacionamentos que vai ajudá-lo a atingir seu objetivo profissional, é importante que você se exponha ao mercado e construa boas relações. Assim, precisa escolher as experiências certas. Where: Em sua casa. Você vai precisar de um computador com acesso à internet para pesquisar cursos, eventos e outras informações. When: Normalmente esse processo algumas horas. Use o seu final de semana. How: Siga os passos abaixo Passo 1 – Analise o plano de ação que você desenvolveu na Lição 5. Para cada curso, evento ou experiência que listou como necessárias, pesquise qual oferece a melhor oportunidade de aprendizagem a aquela na qual poderá se relacionar com pessoas com as quais acredita que a ajudarão a alcançar seu objetivo. Lembre-se: é importante desenvolver as competências corretas e também uma rede de relacionamentos que o ajude a se desenvolver. Passo 2 – Pesquise os valores, datas, períodos ou duração de cada experiência. Você terá que tomar decisões muito sérias nesse momento. As melhores experiências e as que realmente farão diferença em seu currículo geralmente são mais caras e exigem
  21. 21. maior dedicação. Mas não economize nesse momento. É de seu futuro que estamos falando. Passo 3 – pesquise outras formas de desenvolver as mesmas competências O trabalho voluntário pode ser uma boa forma de aprender algo novo ou de fazer bons relacionamentos. Participar de órgãos representativos da classe, Associações de profissionais, fóruns de discussão, palestras, Feiras e outros eventos também e fundamental para desenvolver competências e conhecer novas pessoas. Passo 4: Para cada um dos itens de seu plano de ação, crie uma ficha com • Descrição do Item • A importância desse item para seu objetivo final • Competência que irá desenvolver • Relacionamentos que criará • Instituição ou evento escolhido • Data de realização • Período • Data de Finalização • Custo Essas fichas serão fundamentais para que você possa acompanhar corretamente o desenvolvimento de seu plano de ação. Na próxima lição falaremos sobre a importância da gestão para transformar seu plano em realidade.
  22. 22. Um dos grandes ganhos de um curso, evento, palestra ou feira é a rede de relacionamentos que você desenvolve. Assim, é importante escolher as experiências pensando também no público que estará presente. Além de desenvolver sua experiência, também conhecerá pessoas importantes. Quando fui ao aluno do MBA de RH da FIA conheci pessoas com as quais me relaciono até hoje, uma década depois.
  23. 23. Lição de Casa 7. Crie um Conselho de Administração da Sua Carreira What: Crie um conselho de administração. Who: Profissionais, amigos e contatos que se destaquem em suas áreas de atuação Why: é importante ter um grupo de pessoas com que possa conversar, discutir ideias, projetos, pedir conselhos, orientações e dicas Where: Crie uma agenda de encontros com essas pessoas. Podem ser almoços, reuniões no seu local de trabalho. When: Agende pelo menos um encontro por semana, e fale com cada um de seus conselheiros pelo menos uma vez por mês. How: Siga os seguintes passos Passo 1 – Faça uma lista de pessoas que você considera que possam colaborar com seu crescimento profissional • Pense em professores, profissionais de destaque, colegas de escola. • Não se atenha apenas à sua área de atuação. • Busque ter em seu conselho de administração pessoas que atuem em áreas que lidem com criatividade, como artistas, designers. • Escolha também pessoas de idades diferentes e com formações e experiências diferentes. Passo 2 – Convide essas pessoas formalmente. Ligue para elas, marque um encontro. Explique seus objetivos. Mostre a importância que a opinião dessa pessoa terá para seu projeto.
  24. 24. Passo 3 – Crie uma agenda mensal de encontros. Se possível, marque também reuniões com mais de um de seus conselheiros ao mesmo tempo. Passo 4 – Durante cada um desses encontros, • Relate suas realizações do período anterior. • Fale dos objetivos e ações a serem realizadas no próximo período. • Peça orientações e dicas. • Confirme a data do próximo encontro. Na próxima Lição, vamos falar de gestão de tempo. Há muitos anos montei meu "conselho de administração", um grupo de pessoas com as quais sempre converso sobre minha carreira. Mesmo assim ainda cometo alguns erros e desvios no meu caminho. E na maioria das vezes, são meus gurus que me apontam os erros e me trazem novamente para o meu plano.
  25. 25. Lição de Casa 8. Aprenda a gerenciar seu tempo. Ou não vai ter tempo de atingir seu objetivo profissional What: Aprenda a Organizar seu tempo Who: Você Why: Para conseguir realizar todas as atividades que incluiu em seu plano de carreira, você precisará aprender a organizar seu tempo. Where: Cursos e livros sobre o tema Organização do tempo When: Imediatamente, antes que se sinta sobrecarregado de tarefas e desista de seu tempo. How: Siga os seguintes passos Passo 1 – Estude Compre Livros, assista a cursos online sobre gestão do tempo Passo 2 - Conheça sua rotina Durante uma semana, liste todas as atividades que fizer no seu dia. Você pode usar uma agenda, ou algum aplicativo de gestão de tempo. Passo 3 – Após anotar sua rotina, Analise como você usa seu tempo: • No trabalho • Em deslocamentos • Em momentos de aprendizagem • Em momentos de lazer • Em momentos de descanso
  26. 26. Passo 4 – Crie tempo • Analise o relatório que fez sobre sua semana e o cronograma de desenvolvimento que escreveu na Lição 5. • Inclua as atividades que precisa realizar para cumprir seu plano de ação na sua agenda atual. • Verifique: há tempo disponível? • Que mudanças precisará fazer em sua agenda • Como poder fazer alterações na sua agenda para que possa incluir as atividades de seu plano de ação Quando comecei a fazer minha transição de carreira, eu atuava como gerente comercial em um distribuidor Ambev. Mas meu plano era audacioso: eu precisava desenvolver muitas competências ao mesmo tempo. Assim, comecei a cursar o mestrado (aulas terças, quintas à noite e Sábados o dia todo), e a dar aulas (segundas, quartas e sextas a noite). Mas faltava um ponto importante: Um MBA na FIA. Para conseguir fazê-lo, negociei com a empresa de tirar duas férias que eu tinha não de uma vez só: tirei um dia por semana, todas as segundas feiras. Assim pude participar de uma turma de MBA que tinha aula durante o dia.
  27. 27. Lição de Casa 9. Visualize cada passo de seu plano. E isso não tem nada de esotérico ou de autoajuda. Como esse artigo pode ser um pouco mais polêmico que os demais, por não parecer ser algo prático, vou inverter o formato e colocar a seção Na Prática no início do texto. Sempre tive o hábito de imaginar cada momento de uma apresentação, cada conversa que terei durante o dia, como argumentar com cada pessoa. Achava que isso era uma característica ruim, ligada a ansiedade: eu estaria me preocupando, ou seja, me ocupando antes de algo acontecer. Mas quando percebi que os atletas de ponta usam a visualização para atingir a perfeição em uma prova, entendi que essa é uma característica positiva. O vídeo de Michael Phelps se preparando para uma prova mostra muito bem o conceito Essa não é uma característica somente de Phelps. Vários atletas de alto desempenho usam a visualização antes das provas. Assim, perdi o medo de visualizar e uso essa ferramenta sempre que vou começar um novo projeto. What: Visualize cada passo de seu plano de ação Who: Você Why: Para se motivar e perceber cada um dos desafios que precisará enfrentar para alcançar seus objetivos
  28. 28. Where: Em um espaço tranquilo. Pode ser em sua casa ou em algum local que se sinta confortável When: Sempre que for iniciar um novo passo de seu plano de ação How: Siga os seguintes passos Passo 1 – Analise o passo que precisará realizar Você montou seu plano de ação. Cada meta a ser alcançada foi dividida em passos necessários para alcançar mais um patamar de seu caminho até seu objetivo profissional. Antes de começar a realizar cada passo, analise novamente seu plano e entenda a importância desse passo em direção a seu objetivo final. Passo 2 – Imagine Visualize cada uma das dificuldades, passos, negociações, apresentações, conversas, trabalhos e atividades que precisará realizar. Passo 3 – Prepare-se Se perceber que não está preparado para algumas das situações que visualizar, estude, busque informações, se prepare. A visualização tem essa função. Não é algo esotérico ou com um objetivo transcendental: ao visualizar, você pode identificar as dificuldades, seus pontos fracos e poderá se preparar adequadamente. Quanto mais detalhistas for sua visualização, mas você estará preparado!
  29. 29. Lição de Casa 10. Aprenda a falar em público. What: Aprenda a falar em Público. Who: Você Why: a competência da oratória faz a diferença na carreira de profissionais de sucesso. Essa competência envolve tanto Saber dialogar com uma pessoa ou com um grupo pequeno, quanto a capacidade de fazer apresentações para públicos diversos, desde a venda de uma proposta comercial a um grupo de clientes, passando pelas reuniões com funcionários ou participantes de um grupo de trabalho, até as palestras motivacionais que os líderes precisam fazer para suas equipes. Where: Cursos e livros sobre o tema Oratória When: Em todas as oportunidades que tiver de se apresentar. How: Siga os seguintes passos Passo 1 – Compre Livros, assista a cursos online sobre Oratória Existem centenas de materiais sobre o assunto. Mas a melhor forma de aprender é praticando! Passo 2 – Escolha um tema de que realmente gosta Monte uma apresentação sobre ele. Bons oradores desenvolvem um bom autoconhecimento e domínio de si, além de um profundo conhecimento do tema sobre o qual precisam falar. Passo 3 – Se ofereça para fazer uma apresentação sobre o tema. Pode ser na escola, na igreja, na empresa, em ONGs ou qualquer outro local em que haja a possibilidade de se apresentar.
  30. 30. Passo 4 – Grave sua palestra Peça a um amigo para gravar sua palestra. De preferência, do ponto de vista da plateia. Passo 5 – Assista, de forma crítica, sua apresentação. Peça a opinião de amigos, profissionais de sua empresa, professores e oradores. Passo 6 – Repita os passos 3 a 5 quantas vezes for possível Como professor, eu já vi a cena diversas vezes: um grupo de alunos se reúne para fazer um trabalho. Dois ou três se dedicam, enquanto os demais vão para o bar da esquina. Na hora da apresentação, os que se dedicaram não tem coragem de falar em público. E normalmente, um dos que foi para o bar assume a apresentação, se sai bem e acaba ganhando os pontos do trabalho. A mesma situação ocorre nas empresas: quem tem uma boa capacidade de se apresentar normalmente vai se destacar, principalmente em grandes empresas, nas quais as pessoas não se conhecem intimamente. Vão aqui mais algumas dicas: • Planeje sua fala de forma a utilizar o ambiente e os recursos de que dispõe para exprimir suas ideias e convicções e atrair a atenção e o interesse do público. • Utilize a voz de forma ritmada, evitando o tom monocórdico, alterando a altura, intensidade vibração e o entusiasmo para enfatizar os pontos mais importantes do discurso, com um tom amigável e sem exagero. • Seja modesto e despretensioso. Arrogância afasta o público.
  31. 31. • O bom palestrante estabelece um diálogo, por meio da percepção da reação do público às suas opiniões. • Comunicar e Comungar são palavras com origens semelhantes, e expressam a ideia de dividir, compartilhar. • O respeito deve ser total, mesmo que o público seja formado por subordinados hierárquicos • Faça contato visual com público, uma pessoa por vez, e busque pessoas que apoiam. • Não se fixe nem fique pulando o olhar muito rapidamente, para não passar a impressão de que está perdido ou nervoso. • Não olhe para o fundo da plateia ou para o nada, pois o público o achará arrogante. • Seja oportuno. Amarre suas observações ao jornal de hoje. Atualize constantemente seu material. • Identifique como o tema de sua palestra é impactado pelas mais recentes notícias. • Muitos livros sobre oratória sugerem que uma boa forma de começar uma palestra é contar uma piada, para “quebrar o gelo”. Eu acredito que piadas são muito boas para o seu grupo de amigos. Mas não para falar com um público que você não conhece. • Você pode (e com certeza, vai) ofender alguém da plateia. O que pode ser desastroso. Principalmente se a piada for preconceituosa. • Auxílios audiovisuais ajudam, mas devem ser claros e simples. • Pratique. Sempre

×