Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Gêneros Textuais

34.072 Aufrufe

Veröffentlicht am

Essa apresentação faz uma breve visitação a um dos mais importantes temas da prática escolar contemporânea, em língua portuguesa: os Gêneros Textuais.

Veröffentlicht in: Bildung, Technologie

Gêneros Textuais

  1. 1. Gêneros Textuais Prof. Ewerton Rezer Gindri
  2. 2. “ A apropriação dos gêneros é um mecanismo fundamental de socialização, de inserção prática nas atividades comunicativas humanas...” (Bronckart)
  3. 3. “ Os gêneros são atividades discursivas socialmente estabilizadas...” (Bronckart)
  4. 4. “ O aspecto discursivo vai muito além do objetivo de comunicação e de informação. É muito mais uma forma de vida e uma forma de ação.” (Wittgenstein)
  5. 5. Os Gêneros na Escola
  6. 6. O trabalho com gêneros de texto na escola é uma extraordinária oportunidade de se lidar com a língua em seus mais diversos usos autênticos no dia-a-dia.Pois nada do que fizermos linguisticamente estará fora de ser feito em algum gênero. (Marcuschi)
  7. 7. Objetivo da Escola <ul><li>Trabalhar a produção de texto como uma forma de dizer o mundo, buscando a competência discursiva do aluno. </li></ul>
  8. 8. Capacidades a serem alcançadas <ul><li>Perceber a produção de textos como uma atividade significativa de linguagem. </li></ul><ul><li>Desenvolver constantemente a competência discursiva de usuário da língua portuguesa. </li></ul><ul><li>Mobilizar conhecimentos e procedimentos em situações diversas. </li></ul><ul><li>Produzir competentemente textos dos gêneros que circulam nos variados ambientes discursivos da sociedade para viver de forma autônoma e cidadã. </li></ul>
  9. 9. Gêneros de texto na escola (Schneuwly e Dolz) <ul><li>É por meio dos gêneros que as práticas de linguagem se materializam nas atividades dos alunos. </li></ul><ul><li>Gênero -> megainstrumento ( suporte nas situações de comunicação e referência aos alunos). </li></ul><ul><li>Utilização na realidade escolar -> como objeto de ensino/aprendizagem e forma de comunicação em uma determinada situação social. </li></ul>
  10. 10. Gêneros de texto na escola (Schneuwly e Dolz) <ul><li>Trabalhar gênero na escola envolve um modelo didático de gênero e a arquitetura interna dos textos (folhado textual). </li></ul><ul><li>Considerar: </li></ul><ul><ul><li>Conhecimentos existentes sobre o gênero </li></ul></ul><ul><ul><li>Objetivos de ensino </li></ul></ul><ul><ul><li>Capacidades observadas dos alunos </li></ul></ul><ul><li>Elaboração da sequência didática (plano de trabalho) referente às atividades a serem desenvolvidas. </li></ul>
  11. 11. Gêneros de texto na escola (Schneuwly e Dolz) <ul><li>Os modelos didáticos de gêneros devem ser vistos como uma possibilidade dentre outras, não como definitivos e intocáveis. </li></ul><ul><li>Devem ser orientados pelos objetivos educacionais pretendidos. </li></ul><ul><li>Trabalhar com gêneros na escola possibilita ao professor quebrar o paradigma da ação didático-pedagógica monológica com a redação escolar. </li></ul>
  12. 12. A questão do suporte de gêneros textuais

×