Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.

Minicurso de Composição Fotográfica - Aula 1

12

Teilen

Wird geladen in …3
×
1 von 16
1 von 16

Minicurso de Composição Fotográfica - Aula 1

12

Teilen

Beschreibung

Primeira parte do curso, disponibilizado em www.ecoclics.com.br/minicurso/ juntamente com outras aulas e teste de avaliação. O Site, que trata da interrelação entre fotografia e meio ambiente, além de suas finalidades didáticas, apresenta exemplos de como a câmera pode ser empregada na preservação do meio ambiente e farta documentação fotográfica, especialmente de santuários ecológicos brasileiros. Inclui, também, resenhas de clássicos da literatura relativa ao papel que vem sendo exercido pela fotografia, de autoria de Susan Sontag, Vilém Flusser e Roland Barthes.

Transkript

  1. 1. Composição Fotográfica AULA 1 Generalidades, Regra dos Terços
  2. 2. Introdução • Objetivo do curso Apresentar regras tradicionalmente empregadas para obter imagens de maior impacto visual. • Pré-requisitos Não são necessários conhecimentos prévios e qualquer câmera pode ser utilizada, desde que você saiba utilizá-la. Tenha-a por perto...
  3. 3. Definições • Composição é o processo de dispor harmoniosamente os elementos que formam a foto. Isso consiste, inicialmente, no enquadramento do assunto da foto pela tela ou visor da câmera. • Enquadramento é o ato de escolher o que comporá a foto. Diferentemente do pintor, que põe algo numa tela em branco, o fotógrafo “tira” uma parte do seu campo visual para ser capturada pela câmera.
  4. 4. Considerações Iniciais Na prática, o enquadramento e a composição são realizados simultaneamente. Você instintivamente experimenta diversos enquadramentos até conseguir uma composição que lhe satisfaça. Essa operação pode significar desde a simples mudança no ângulo da câmera até caminhar quilômetros para se atingir um ponto de vista satisfatório. Assim, entre o momento da decisão de fotografar algo até o instante do clic são gastos segundos ou horas, dependendo do fotógrafo e da imagem que se deseja criar.
  5. 5. Exercício 1 A fotografia é uma atividade essencialmente prática. Pegue então sua câmera e vá à luta! A atividade proposta é simples: • Defina no mínimo um assunto que possa ser facilmente revisitado por você ao longo do curso; • Considerando o que foi explicado até aqui, fotografe e arquive a(s) imagem(s) para posterior análise.
  6. 6. A Regra dos Terços Essa fundamental técnica de composição tem sido utilizada há séculos por pintores. Baseia-se no princípio de que: O centro do quadro não se constitui num local visualmente favorável! A regra dos terços consiste em olhar para a tela (visor) da câmera e imaginar duas linhas verticais e horizontais compondo uma grade semelhante ao jogo da velha. O enquadramento é, então, realizado posicionando-se elementos importantes da foto ao longo dessas linhas e, principalmente, em uma de suas interseções. Estas são denominadas pontos de ouro. Veja nos slides seguintes exemplos de aplicação desse procedimento.
  7. 7. REGRA DOS TERÇOS Linhas Imaginárias e Pontos de Ouro Para documentar o estado do manguezal de Guaratiba, foram incluídos dois elementos no quadro: o barco, coincidindo com a linha imaginária horizontal superior, e o arbusto solitário, no ponto de ouro inferior direito.
  8. 8. REGRA DOS TERÇOS Céu Atraente Como o céu do entardecer na baía de Guanabara apresentava grande impacto visual, resolveu- se posicionar a linha do horizonte no terço horizontal inferior.
  9. 9. REGRA DOS TERÇOS Céu Entediante O céu monotonamente azul dos Lençois Maranhenses (ver fotovídeo) levou a essa composição, onde a linha do horizonte foi posicionada no terço superior da foto. A inclusão do casal num ponto de ouro, permite avaliar a dimensão da duna, além de transmitir sensação de isolamento.
  10. 10. REGRA DOS TERÇOS Grandes Temas No caso de assuntos que ocupam a maior parte do quadro, posicionar elementos de interesse nos pontos de ouro, a exemplo desta foto das Cataratas do Iguaçu, na qual foram privilegiadas as quedas d’água.
  11. 11. REGRA DOS TERÇOS Tema em Movimento Neste flagrante, foi deixado um espaço para onde caminham mãe e filha. Isso também se aplica a pessoa ou a animal que esteja parado, cujo olhar deve se dirigir para o “vazio” da foto.
  12. 12. REGRA DOS TERÇOS Enquadramento Vertical A regra dos terços também se aplica a enquadramentos verticais que, diferentemente desta foto, são mais utilizados na fotografia de temas em que a altura é maior que a largura.
  13. 13. REGRA DOS TERÇOS Objetos Simétricos Nesta foto a regra dos terços é quebrada com a centralização do assunto da foto, para se tirar partido da simetria da sempre-viva da Serra do Cipó (ver fotovídeo).
  14. 14. Exercício 2 Olhe atentamente para a foto tirada por você no Exercício 1, considerando a grade imaginária da Regra dos Terços, e responda ao seguinte: • Como os elementos de interesse de sua foto se distribuem em relação aos Pontos de Ouro? • O que poderia ser feito numa segunda foto do mesmo assunto para melhorar a composição da imagem?
  15. 15. Exercício 2 (final) Volte a fotografar o mesmo assunto considerando a última resposta e compare as duas fotos, de preferência colocando-as lado a lado. Se você não conhecia a Regra dos Terços e aplicou o que foi ensinado, provavelmente conseguiu uma imagem mais equilibrada e harmoniosa na última foto.
  16. 16. Final da Aula 1 Aqui encerra-se a primeira das três aulas deste curso. Você pode seguir para a <Aula 2>, mas sugiro que se permita uma interrupção do curso, para empregar o que foi ensinado. Fotografe bastante e treine até mesmo sem câmera, observando fotos de jornais, revistas etc. (etc inclui as fotos do Site, naturalmente). Em todos os casos treine o olhar segundo a Regra dos Terços e procure por elementos que você considere atraentes nas imagens. Até breve!

Beschreibung

Primeira parte do curso, disponibilizado em www.ecoclics.com.br/minicurso/ juntamente com outras aulas e teste de avaliação. O Site, que trata da interrelação entre fotografia e meio ambiente, além de suas finalidades didáticas, apresenta exemplos de como a câmera pode ser empregada na preservação do meio ambiente e farta documentação fotográfica, especialmente de santuários ecológicos brasileiros. Inclui, também, resenhas de clássicos da literatura relativa ao papel que vem sendo exercido pela fotografia, de autoria de Susan Sontag, Vilém Flusser e Roland Barthes.

Transkript

  1. 1. Composição Fotográfica AULA 1 Generalidades, Regra dos Terços
  2. 2. Introdução • Objetivo do curso Apresentar regras tradicionalmente empregadas para obter imagens de maior impacto visual. • Pré-requisitos Não são necessários conhecimentos prévios e qualquer câmera pode ser utilizada, desde que você saiba utilizá-la. Tenha-a por perto...
  3. 3. Definições • Composição é o processo de dispor harmoniosamente os elementos que formam a foto. Isso consiste, inicialmente, no enquadramento do assunto da foto pela tela ou visor da câmera. • Enquadramento é o ato de escolher o que comporá a foto. Diferentemente do pintor, que põe algo numa tela em branco, o fotógrafo “tira” uma parte do seu campo visual para ser capturada pela câmera.
  4. 4. Considerações Iniciais Na prática, o enquadramento e a composição são realizados simultaneamente. Você instintivamente experimenta diversos enquadramentos até conseguir uma composição que lhe satisfaça. Essa operação pode significar desde a simples mudança no ângulo da câmera até caminhar quilômetros para se atingir um ponto de vista satisfatório. Assim, entre o momento da decisão de fotografar algo até o instante do clic são gastos segundos ou horas, dependendo do fotógrafo e da imagem que se deseja criar.
  5. 5. Exercício 1 A fotografia é uma atividade essencialmente prática. Pegue então sua câmera e vá à luta! A atividade proposta é simples: • Defina no mínimo um assunto que possa ser facilmente revisitado por você ao longo do curso; • Considerando o que foi explicado até aqui, fotografe e arquive a(s) imagem(s) para posterior análise.
  6. 6. A Regra dos Terços Essa fundamental técnica de composição tem sido utilizada há séculos por pintores. Baseia-se no princípio de que: O centro do quadro não se constitui num local visualmente favorável! A regra dos terços consiste em olhar para a tela (visor) da câmera e imaginar duas linhas verticais e horizontais compondo uma grade semelhante ao jogo da velha. O enquadramento é, então, realizado posicionando-se elementos importantes da foto ao longo dessas linhas e, principalmente, em uma de suas interseções. Estas são denominadas pontos de ouro. Veja nos slides seguintes exemplos de aplicação desse procedimento.
  7. 7. REGRA DOS TERÇOS Linhas Imaginárias e Pontos de Ouro Para documentar o estado do manguezal de Guaratiba, foram incluídos dois elementos no quadro: o barco, coincidindo com a linha imaginária horizontal superior, e o arbusto solitário, no ponto de ouro inferior direito.
  8. 8. REGRA DOS TERÇOS Céu Atraente Como o céu do entardecer na baía de Guanabara apresentava grande impacto visual, resolveu- se posicionar a linha do horizonte no terço horizontal inferior.
  9. 9. REGRA DOS TERÇOS Céu Entediante O céu monotonamente azul dos Lençois Maranhenses (ver fotovídeo) levou a essa composição, onde a linha do horizonte foi posicionada no terço superior da foto. A inclusão do casal num ponto de ouro, permite avaliar a dimensão da duna, além de transmitir sensação de isolamento.
  10. 10. REGRA DOS TERÇOS Grandes Temas No caso de assuntos que ocupam a maior parte do quadro, posicionar elementos de interesse nos pontos de ouro, a exemplo desta foto das Cataratas do Iguaçu, na qual foram privilegiadas as quedas d’água.
  11. 11. REGRA DOS TERÇOS Tema em Movimento Neste flagrante, foi deixado um espaço para onde caminham mãe e filha. Isso também se aplica a pessoa ou a animal que esteja parado, cujo olhar deve se dirigir para o “vazio” da foto.
  12. 12. REGRA DOS TERÇOS Enquadramento Vertical A regra dos terços também se aplica a enquadramentos verticais que, diferentemente desta foto, são mais utilizados na fotografia de temas em que a altura é maior que a largura.
  13. 13. REGRA DOS TERÇOS Objetos Simétricos Nesta foto a regra dos terços é quebrada com a centralização do assunto da foto, para se tirar partido da simetria da sempre-viva da Serra do Cipó (ver fotovídeo).
  14. 14. Exercício 2 Olhe atentamente para a foto tirada por você no Exercício 1, considerando a grade imaginária da Regra dos Terços, e responda ao seguinte: • Como os elementos de interesse de sua foto se distribuem em relação aos Pontos de Ouro? • O que poderia ser feito numa segunda foto do mesmo assunto para melhorar a composição da imagem?
  15. 15. Exercício 2 (final) Volte a fotografar o mesmo assunto considerando a última resposta e compare as duas fotos, de preferência colocando-as lado a lado. Se você não conhecia a Regra dos Terços e aplicou o que foi ensinado, provavelmente conseguiu uma imagem mais equilibrada e harmoniosa na última foto.
  16. 16. Final da Aula 1 Aqui encerra-se a primeira das três aulas deste curso. Você pode seguir para a <Aula 2>, mas sugiro que se permita uma interrupção do curso, para empregar o que foi ensinado. Fotografe bastante e treine até mesmo sem câmera, observando fotos de jornais, revistas etc. (etc inclui as fotos do Site, naturalmente). Em todos os casos treine o olhar segundo a Regra dos Terços e procure por elementos que você considere atraentes nas imagens. Até breve!

Weitere Verwandte Inhalte

×