Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Die SlideShare-Präsentation wird heruntergeladen. ×

Deriva continental e tectónica de placas

Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Nächste SlideShare
Tectonica Placas
Tectonica Placas
Wird geladen in …3
×

Hier ansehen

1 von 28 Anzeige
Anzeige

Weitere Verwandte Inhalte

Diashows für Sie (20)

Andere mochten auch (20)

Anzeige

Ähnlich wie Deriva continental e tectónica de placas (20)

Weitere von Cláudia Moura (20)

Anzeige

Deriva continental e tectónica de placas

  1. 1.  A história da Terra tem revelado que o nosso planeta é um planeta dinâmico.  No início do século XX, alguns geólogos aceitavam que os continentes tinham-se deslocado.  Esse movimento era responsável pelas mudanças que ocorriam à superfície do nosso planeta.
  2. 2. Alfred Wegener (1880-1930): meteorologista e geofísico alemão. Autor da Teoria da deriva continental. Wegener – é o autor da teoria da deriva continental. Teoria da deriva continental - afirma que os continentes se movimentam através do globo terrestre.
  3. 3. Segundo Alfred Wegener: •Há cerca de 300 milhões de anos os continentes estiveram unidos numa única grande massa de terra firme (supercontinente) que denominou de Pangeia, rodeado por um único oceano – Pantalassa. •A Pangeia fragmentou-se dando origem a novos continentes sujeitos a deformação e deriva que ainda perdura. Alfred Wegener não soube explicar qual a causa do movimento dos continentes
  4. 4. Dinâmica interna da Terra 1. Argumentos Morfológicos: semelhança do encaixe entre as margens dos continentes. “Não encaixariam as costas de África e da América do Sul como duas peças de um puzzle se as aproximarmos, fechando o oceano Atlântico?” Na figura os continentes parecem ajustar-se uns aos outros. O que podemos concluir?
  5. 5. 2. Argumentos Geológicos: Segundo Wegener, existem “rochas antigas” que existem em África e na América do Sul, hoje separadas pelo Atlântico. Existe também continuidade entre as cadeias montanhosas da América e da Europa.
  6. 6. 3. Argumentos Paleontológicos: presença dos mesmos fósseis em regiões hoje completamente separadas. Mesosaurus: pequeno réptil fluvial do Carbónico e Périco. Cynognathus: réptil parecido com um mamífero. Viveu no Triásico, media 1 m. Lystrosaurus: réptil parecido com um mamífero. Viveu no Glossopteris: planta Triásico. fóssil do Paleozoico.
  7. 7. 4. Argumentos Paleoclimáticos: Indícios de glaciares em continentes actualmente com clima tropical.
  8. 8. Litosfera
  9. 9. Segundo a Teoria da Tectónica de Placas, a superfície sólida da Terra (litosfera) encontra-se dividida em várias placas – placas litosféricas ou tectónicas que se movem.  A teoria da deriva continental admitia o movimento os continentes.  A teoria da Tectónica de placas é um modelo que admite o movimento da litosfera, que flutua sobre o manto quente e semi-fluido (astenosfera).
  10. 10.  O "motor" que gera este movimento de convecção (desconhecido na época de Wegener), capaz de deslocar a litosfera, é o calor produzido no interior da Terra.
  11. 11. 1. O magma do manto, situado sob a litosfera, ascende à superfície através do rifte. 2. Ao atingir a superfície, esse magma arrefece e empurra as placas de cada lado da dorsal, em sentidos opostos, em direcção às margens dos continentes. 3. À medida que o novo fundo do oceano se produz, o mais antigo mergulha e funde-se na zona de subducção. Dá-se, assim, a destruição da placa oceânica. 4. O material fundido ascende . 5. Este movimento ocorre continuamente e deve-se às correntes de convecção do manto.
  12. 12. As rochas que constituem a A crusta oceânica é muito mais litosfera são tanto mais jovens recente que a crusta continental quanto mais próximas se (não existe crusta oceânica com encontram dos rifte. mais de 200 M.a.
  13. 13.  Ao nível do rifte das dorsais, as duas placas tectónicas, que se estão constantemente a formar, afastam-se em sentidos opostos.  Nas dorsais gera-se, continuamente, nova litosfera.
  14. 14.  Placa Oceânica – Placa oceânica Nas zonas de subducção, as placas tectónicas convergem e colidem. Nestas zonas, destrói-se, continuamente, a litosfera.
  15. 15.  Placa Oceânica – Placa continental
  16. 16.  Placa Continental – Placa continental
  17. 17.  As zonas onde duas placas tectónicas deslizam, horizontalmente, uma em relação à outra.
  18. 18. Dinâmica interna da Terra Consequências da mobilidade das placas litosféricas
  19. 19. Revisão: 1. Como se chamava a Teoria de Wegener 2. Como se chamava o supercontinente de Wegener? 3. Como se chamava o super Oceano? 4. Há quantos anos existiu esse Supercontinente? 5. Como resumirias a Teoria da deriva continental de Wegener? 6. De que provas se serviu Wegener para sustentar a sua teoria? 7. Qual foi a grande falha da teoria da deriva continental?

×