Apresentação lógica e criatividade nov 08

1.268 Aufrufe

Veröffentlicht am

  • Als Erste(r) kommentieren

Apresentação lógica e criatividade nov 08

  1. 1. 
  2. 2. DINÂMICA DE APRESENTAÇÃO E ESQUENTA
  3. 3. REGRAS DE CONVIVÊNCIA• Desligar o celular • Dedicação e Participação• Não sair com dúvidas• Confidencialidade
  4. 4. QUAIS EXPECTATIVAS Verdadeiras contribuições
  5. 5. EVOLUÇÃODO MUNDO
  6. 6. O SÉCULO XX TROUXEGRANDES MUDANÇAS ETRANSFORMAÇÕES QUE INFLUENCIARAM AS ORGANIZAÇÕES E OCOMPORTAMENTO DAS PESSOAS
  7. 7. O tempo de permanência de um profissional hoje numa empresa é muito curto comparado há alguns anos... PORQUE?
  8. 8. GLOBALIZAÇÃODESAFIOS DO TERCEIRO MILÊNIOMudanças cada vez mais velozes e intensas nas pessoas, nos ambientes, nas empresas, no mundo... Tecnologia Informação Conhecimento Serviços Ênfase no Cliente Qualidade Produtividade COMPETITIVIDADE
  9. 9. GLOBALIZAÇÃOO profissional PRECISA inovar e criar estratégias para obter sucesso driblando os concorrentes... “O analfabeto do novo milênio será aquele que não souber aprender, desaprender e reaprender novamente”. Alvin Toffler
  10. 10. GLOBALIZAÇÃOGerou uma GRANDE necessidade de profissionais: Competentes Criativos Aprimoramento constante
  11. 11. GLOBALIZAÇÃOO EMPREENDEDOR precisa executar a regra dos 6 C’s Companhia Concorrentes Canais de vendas Consumidores Custos Contexto
  12. 12. GLOBALIZAÇÃO Qual o perfil ideal HOJE de um profissional? Especialista ou Generalista
  13. 13. PENSAMENTO
  14. 14. O CONCEITO DE INTELIGÊNCIA O CONCEITO MUDOU ATRAVÉS DO TEMPO AMPLIAÇÃO DO CONCEITO DE INTELIGÊNCIA MAXIMIZAR O POTENCIL QUE O CÉREBRO TEM
  15. 15. ENTENDENDO O CÉREBROLÓGICA E RAZÃO EMOÇÃO E INTUIÇÃOVISÃO DA PARTE VISÃO DO TODOCONHECIMENTO SABEDORIACRIATIVIDADE CRIATIVIDADE ARTÍSTICAOPERACIOANAL COOPERAÇÃOCOMPETIÇÃO SENSAÇÕESLINGUAGEM VERBAL ESPIRUTUALIDADEVALOR À MATÉRIA ESPONTANEIDADE
  16. 16. INTELIGÊNCIAS MÚLTIPLAS
  17. 17. EXPLICAR CADA UMA DAS INTELIGÊNCIAS
  18. 18. VOCÊ É ÚNICO, COM POTENCIAL ÚNICO
  19. 19. O APRENDIZADOINFORMAÇÃO: matéria primaPERCEPÇÃO DO SIGNIFICADO ELO AFETIVO CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO PRODUTO PERECÍVEL PROPRIEDADE DE QUEM O POSSUI
  20. 20. O APRENDIZADO PERCEBER SIGNIFICA “ APODERAR-SE DE UMA IMAGEM”. “ APRENDER PELOS SENTIDOS. E OS SENTIDOS VARIAM MUITO ENTRE INDIVÍDUOS. TODO PENSAMENTO TENDE A SER PARTE DE UMA CONSCIÊNCIA PESSOAL. O RACÍOCINIO DERIVA DAS EXPERIÊNCIAS E DAS PERCEPÇÕES SOBRE SI MESMO. DENTRO DE CADA CONSCIÊNCIA PESSOAL, O PENSAMENTO ESTÁ SEMPRE SE TRANSFORMANDO.
  21. 21. O PROFISSIONAL CRIATIVO
  22. 22. DEFINIÇÃO
  23. 23. CRIATIVO POTENCIAL INOVA R INOVA R INOVAFERRAMENTA R INOVA FUNDAMENTAL E RINDISPENSÁVEL INOVA REM UM MUNDO INOVA RONDE INOVA A PALAVRA CHAVE RÉ INOVA R
  24. 24. É PRECISO VER SOB TODOS OSASPECTOSENXERGAR TODAS AS POSSIBILIDADES
  25. 25. É PRECISO MUDAR!
  26. 26. Sala dos sonhos
  27. 27. É FÁCIL MUDAR????
  28. 28. RESISTÊNCIA À MUDANÇABarreiras para a Mudança 1. Hábito 2. Segurança 3. Fatores Econômicos 4. Medo do Desconhecido 5. Processamento Seletivo de Informações
  29. 29. PARA VENCER ARESISTÊNCIA A MUDANÇA
  30. 30. A MUDANÇA Para mudar é necessário quebrar PARADÍGMAS!!
  31. 31. “Não julgue ninguém pelo primeiroolhar. Aprofunda tua visão e observe com o coração, pois do contrário, perderá mais uma oportunidade de enxergar o universo novo, e maravilhoso, que existe dentro de cada ser.”
  32. 32. AS LEIS DA CRIATIVIDADE
  33. 33. PROCESSO CRIATIVO  ESPÍRITO ABERTO  SEM MEDO DE ERRAR  CURIOSO
  34. 34. PROCESSO CRIATIVO
  35. 35. PROCESSO CRIATIVO
  36. 36. O PROCESSO CRIATIVOO DESENVOLVIMENTO , A ESCOLHA DISSO OU DAQUILO, O COZIMENTO, DEPENDE DE TODA A SUA HISTÓRIA, TRAJETÓRIA.
  37. 37. O PROCESSO CRIATIVO TRANSFORMAÇÃO DO ORDINÁRIO NO EXTRAORDINARIO! E QUALQUER UM PODE FAZER ISSO. (ANTÔNIO PETICOV)
  38. 38. EXPLORADOR  COLETA INFORMAÇÕES  VISITA CAMPOS DESCONHECIDOS  DESCOBRIR NOVOS PADRÕES  LEVANTAR DIVERSOS TIPOS DE INFORMAÇÕES  AVENTURAR-SE  ABRIR-SE AO MUNDO “ A melhor maneira de ter uma boa idéia é ter um monte de idéias”.“ Procurar idéias é garimpar ouro”.
  39. 39. ARTISTA EXPERIMENTA SEGUE A INTUIÇÃO TRANSFORMA PERGUNTA: E SE...?
  40. 40. GUERREIRO  LEVA A SUA IDÉIA AO MUNDO.  DESENHA PLANO ESTRATÉGICO  DISCIPLINA  FORÇA  CORAGEM
  41. 41. JUIZ AVALIA , PESA CRITICAMENTE OS PRÓS E CONTRAS. PROCURA FALHAS NA IDÉIA E IMAGINA SE O MOMENTO É PROPÍCIO. FAZ ANÁLISE DOS RISCOS, QUESTIONA PRESSUPOSTOS E FORMA UM JUÍZO. TOMA A DECISÃO. AVALIA E DECIDE SOBRE OS DESTINOS DE UMA IDÉIA. O JUIZ PRECISA PENSAR EM DUAS POSSIBILIDADES ENQUANTO ESTÁ AVALIANDO UMA IDÉIA. O QUE HÁ DE ERRADO COM ESTA IDÉIA? E SE NÃO DER CERTO?
  42. 42. PROCESSO CRIATIVO JUIZ
  43. 43. PROCESSO CRIATIVO JUIZ
  44. 44. É A ELABORAÇÃO DE NOVAS CONEXÕES.
  45. 45. AS PRESSÕES DA EXPERIÊNCIARACIONAL  TENDEMOS A VER O MUNDO EM TERMOS DO QUE É NORMAL, PROVÁVEL OU PLAUSÍVEL( E TAMBÉM DO QUE PRECISAMOS E PODEMOS FAZER).  A RAZÃO PELA QUAL AS PRIMEIRAS IMPRESSÕES SÃO COMO SÃO É UMA SIMPLES QUESTÃO DE FAMILIARIDADE.  ASSIM O SEU CÉREBRO DÁ A MELHOR OPÇÃO, NO PRIMEIRO CASO E NO SEGUNDO CASO. O CÉREBRO NÃO TEM INFORMAÇÃO SUFICIENTE PARA DECIDIR QUAL DAS SUAS INTERPRETAÇÕES É A MAIS ADEQUADA E TENDE A ALTERNAR UMA E OUTRA.
  46. 46. AS PRESSÕES DA EXPERIÊNCIARACIONAL MANTIDAS AS MESMAS CONDIÇÕES, O CÉREBRO PROVAVELMENTE APRESENTARÁ INTERPRETAÇÕES QUE TENHAM SENTIDO NO CONTEXTO. ELE PROCURA O PADRÃO GERAL MAIS ACEITÁVEL EM TERMOS DE EXPERIÊNCIA ACUMULADA E ADAPTA OS DETALHES À SUA INTERPRETAÇÃO. RABO DO TIGRE!
  47. 47. PROCESSAMENTO CEREBRALASCENDENTE DESCENDENTE O CÉREBRO FUNCIONA COMO UM MÉDICO MODALIDADE RÁPIDA E EFICIENTE DESDE QUE NÃO TENHA NENHUMA DOENÇA INCOMUM.
  48. 48. PROCESSAMENTO CEREBRAL
  49. 49. O PERIGO DAS IMPRESSÕES INICIAIS QUANDO DIZEMOS ISSO É...ADOTAMOS UMA ATITUDE EM RELAÇÃO A ESSE OBJETO QUE NOS IMPEDE DE VÊ-LO COMO QUALQUER OUTRO COISA. ENQUANTO QUE SE DISSÉSSEMOS “ ISSO PODERIA SER...” ESTARÍAMOS CONVIDANDO A NÓS MESMOS A PERGUNTAR: BEM...E O QUEMAIS PODERIA SER? PODERIA SER????
  50. 50. EXPERIÊNCIAS DE HAVARD OBJETO DE BORRACHA DESCONHECIDO ESSE É UMA DAS FORMAS POSSÍVEIS DE SEGURAR A RAQUETE VÍDEO SOBRE FÍSICA
  51. 51. SER CRIATIVO É FAZER O MAIOR USO POSSÍVEL DE TODO TIPO DE INFORMAÇÃO DISPONÍVEL: NÃO-VERBAL, INTUITIVA,IMPERCEPTÍVEL, VERBALIZADA E CONCRETA.
  52. 52.  RESOLVER UM PROBLEMA É PERMITIR QUE SUA MENTE CIRCULE CALMAMENTE ENTRE TODOS OS DADOS RECOLHIDOS. VOCÊ DEVE OBSERVAR TANTO QUANTO PROCURAR IMAGENS E PADRÕES.
  53. 53. A IMPORTÂNCIA DO FEEDBACK Estar perto demais para enxergar!
  54. 54. PRAXIS
  55. 55. TRANSFORMANDO AS ADVERSIDADE DA VIDA EM PONTOS POSITIVOS
  56. 56. O meu olhar é nítido como um girassol.Tenho o costume de andar pelas estradasOlhando para a direita e para a esquerda,E de vez em quando olhando para trás…E o que vejo a cada momentoÉ aquilo que nunca antes eu tinha visto... Alberto Caeiro, em “O guardador de rebanhos”
  57. 57. RESILIÊNCIA
  58. 58. Re aça Re programe f ReproduzaRe defina te edesenhe inven RRe Re visu Re imagine al ize

×