Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Considerando-se as flexões (variações de
forma) que os verbos podem apresentar
quando são conjugados, eles se classificam ...
Verbos Regulares
Acompanhe o exemplo do verbo FALAR:
Presente Pretérito Perfeito
Radical Terminação Radical Terminação
Fal...
Verbos Irregulares
 Veja o exemplo do verbo MEDIR:
Presente Pretérito Perfeito
Radical Terminação Radical Terminação
meç ...
Verbos Regulares X Verbos Irregulares
Regulares Irregulares
 São aqueles que não
apresentam alterações no
radical e as te...
Verbos Anômalos
 São aqueles que durante a conjugação apresentam
transformações profundas no radical.
 Os verbos SER e I...
Ser X Ir
SER IR
Presente Pretérito Perfeito Presente Pretérito Perfeito
sou fui vou fui
és foste vais foste
é foi vai foi
...
Verbos Abundantes
 São aqueles que apresentam mais de uma forma em
uma mesma flexão.
 Isso ocorre geralmente no particíp...
INFINITIVO PARTICÍPIO PARTICÍPIO
IRREGULAR
aceitar aceitado Aceito, aceite
acender acendido aceso
eleger elegido eleito
en...
Emprego do Verbo Abundante
 Normalmente, usa-se o particípio regular com os
verbos auxiliares ter e haver .
Ex. Ainda não...
Emprego do Verbo Abundante
Particípio regular: TER e HAVER Particípio curto: SER e ESTAR
 Eu já havia limpado a cozinha.
...
 Embora a norma culta não recomende, na linguagem
cotidiana há preferência pelas formas curtas de certos
verbos.
 É o ca...
Atenção:
1)Não existe a forma chego (de chegar), apenas chegado.
(verbo regular).
Ex. Eu tinha chegado quando você saiu.
t...
Verbos Defectivos
 Defectivo significa imperfeito, defeituoso. São aqueles
verbos que não apresentam conjugação completa....
Verbos que indicam vozes de animais: latir, mugir,
miar, cacarejar, relinchar etc.
OBS: Tais verbos só se conjugam na 3ª ...
Verbos que não apresentam algumas formas,
normalmente por motivos eufônicos; a maioria é
de 3ª conjugação (ir).
1) abolir...
OBS: falir, precaver, reaver (no presente do
indicativo só têm 1ª e 2ª pessoas do plural –
nós, vós – ).
Ex:
nós falimos n...
OBS: Os verbos ADEQUAR-SE e
EXPLODIR, ainda considerados defectivos
pela maioria das gramáticas, já constam no
Houaiss (di...
Verbos regulares e irregulares,
anômalos, abundantes e defectivos
1. Leia a frase e responda às questões.
a. Nessa frase, o emprego do particípio está adequado
ou não?
b. Justifique sua re...
2. Discorra sobre a afirmação: os verbos Ser e Ir, além de verbos irregulares,
também recebem a denominação de verbos anôm...
5. O verbo Estar mantém, durante toda a sua
conjugação, o mesmo radical. Conjugando-o no
presente do indicativo tem-se: es...
Verbos classificacao
Sie haben dieses Dokument abgeschlossen.
Lade die Datei herunter und lese sie offline.
Nächste SlideShare
Slides aula verbos
Weiter

Verbos classificacao

  1. 1. Considerando-se as flexões (variações de forma) que os verbos podem apresentar quando são conjugados, eles se classificam em cinco tipos: regulares, irregulares, anômalos, defectivos e abundantes.
  2. 2. Verbos Regulares Acompanhe o exemplo do verbo FALAR: Presente Pretérito Perfeito Radical Terminação Radical Terminação Fal o fal ei fal as fal aste fal a fal ou fal amos fal amos fal ais fal astes fal am fal aram
  3. 3. Verbos Irregulares  Veja o exemplo do verbo MEDIR: Presente Pretérito Perfeito Radical Terminação Radical Terminação meç o med i med es med iste med e med iu med imos med imos med is med istes med em med iram
  4. 4. Verbos Regulares X Verbos Irregulares Regulares Irregulares  São aqueles que não apresentam alterações no radical e as terminações seguem o modelo de sua conjugação.  Falo, falas, fala, falamos, falais, falam.  Falei, falaste, falou, falamos, falastes, falaram.  São aqueles que se afastam do modelo de conjugação dos verbos regulares, apresentando alterações no radical e/ou nas desinências.  Trago, trazes, traz, trazemos, trazeis trazem.  Trouxe, trouxeste, trouxe, trouxemos, trouxestes, trouxeram.
  5. 5. Verbos Anômalos  São aqueles que durante a conjugação apresentam transformações profundas no radical.  Os verbos SER e IR são os únicos chamados de anômalos.  No verbo SER, existem radicais diferentes: sou, és, era, fui.  O mesmo acontece com o verbo IR, que apresenta as formas: vou, fui e irei.
  6. 6. Ser X Ir SER IR Presente Pretérito Perfeito Presente Pretérito Perfeito sou fui vou fui és foste vais foste é foi vai foi somos fomos vamos fomos sois fostes ides fostes são foram vão foram
  7. 7. Verbos Abundantes  São aqueles que apresentam mais de uma forma em uma mesma flexão.  Isso ocorre geralmente no particípio, que tem uma forma regular (ou forma longa) e uma forma irregular (ou forma curta):
  8. 8. INFINITIVO PARTICÍPIO PARTICÍPIO IRREGULAR aceitar aceitado Aceito, aceite acender acendido aceso eleger elegido eleito entregar entregado entregue enxugar enxugado enxuto expressar expressado expresso expulsar expulsado expulso extinguir extinguido extinto ganhar ganhado ganho imprimir imprimido impresso isentar isentado isento matar matado morto salvar salvado salvo tingir tingido tinto
  9. 9. Emprego do Verbo Abundante  Normalmente, usa-se o particípio regular com os verbos auxiliares ter e haver . Ex. Ainda não havia expressado minha gratidão. verbo HAVER + particípio regular (forma longa)  A forma curta (irregular) é usada com os verbos ser e estar. Ex. Minha gratidão não será expressa por palavras. verbo SER + particípio irregular (forma curta)
  10. 10. Emprego do Verbo Abundante Particípio regular: TER e HAVER Particípio curto: SER e ESTAR  Eu já havia limpado a cozinha.  A cozinheira tinha acendido o forno.  João havia imprimido o arquivo ontem.  A cozinha foi limpa por mim.  A fogueira de São João foi acesa pelos rapazes da festa.  O arquivo foi impresso por João ontem.
  11. 11.  Embora a norma culta não recomende, na linguagem cotidiana há preferência pelas formas curtas de certos verbos.  É o caso de pago, gasto, ganho e pego, usados com qualquer auxiliar (eu tinha pago, tinha ganho) que, mesmo não sendo uma forma recomendada pelos gramáticos tradicionais, é consagrada pelo uso. Ex. O rapaz tinha pago a conta ao padeiro. A conta foi paga pelo rapaz.
  12. 12. Atenção: 1)Não existe a forma chego (de chegar), apenas chegado. (verbo regular). Ex. Eu tinha chegado quando você saiu. tinha chego ( não existe) 2) Não existe a forma falo ( de falar), apenas falado. Ex. Eu tinha falado com você sobre isso. tinha falo (não existe)
  13. 13. Verbos Defectivos  Defectivo significa imperfeito, defeituoso. São aqueles verbos que não apresentam conjugação completa. É o caso de:  Verbos impessoais: que indicam fenômenos da natureza, tempo decorrido e o verbo haver no sentido de existir. OBS: Tais verbos só se conjugam na 3ª pessoa do singular. Ex. 1) No Canadá, neva muito nesta época do ano. 2) Havia muitos alunos na cantina. 3) Faz dez anos que não te vejo.
  14. 14. Verbos que indicam vozes de animais: latir, mugir, miar, cacarejar, relinchar etc. OBS: Tais verbos só se conjugam na 3ª pessoa do singular e do plural. Ex. O cão de João late todas as noites. 3ª pessoa singular Ex. Os gatos miaram durante toda a noite. 3ª pessoa do plural
  15. 15. Verbos que não apresentam algumas formas, normalmente por motivos eufônicos; a maioria é de 3ª conjugação (ir). 1) abolir, banir, colorir, extorquir (não têm a 1ª pessoa do singular do presente do indicativo); Ex.Colorir – Eu a tela. Eu pinto a tela. Eu estou colorindo a tela. coloro
  16. 16. OBS: falir, precaver, reaver (no presente do indicativo só têm 1ª e 2ª pessoas do plural – nós, vós – ). Ex: nós falimos nós reavemos vós falis vós reaveis.
  17. 17. OBS: Os verbos ADEQUAR-SE e EXPLODIR, ainda considerados defectivos pela maioria das gramáticas, já constam no Houaiss (dicionário) como não defectivos. Essa dicionarização se deve ao uso reiterado, que muitos vezes, por causa da dinamicidade da língua, altera os critérios do que é aceito pela normatização.
  18. 18. Verbos regulares e irregulares, anômalos, abundantes e defectivos
  19. 19. 1. Leia a frase e responda às questões. a. Nessa frase, o emprego do particípio está adequado ou não? b. Justifique sua resposta e corrija a frase, se necessário. O rapaz havia expulso os cães de seu jardim.
  20. 20. 2. Discorra sobre a afirmação: os verbos Ser e Ir, além de verbos irregulares, também recebem a denominação de verbos anômalos. 3. Exemplifique sua resposta anterior conjugando os verbos no presente, no pretérito perfeito e no pretérito perfeito do indicativo. 4. Complete as frases com o particípio regular ou irregular do verbo abundante entre parênteses. a. O rapaz havia ______________ os cartazes no quadro. (fixar) b. Os atletas tinham _____________ Felício o capitão do time. (eleger) c. Os melhores candidatos serão ______________ pelo povo. (eleger) d. Se esse inseticida fosse bom, ele teria ____________ os insetos. (matar) e. Os peixes foram ______________ pela poluição das águas. ( matar)
  21. 21. 5. O verbo Estar mantém, durante toda a sua conjugação, o mesmo radical. Conjugando-o no presente do indicativo tem-se: estou, estás, está, estamos, estais, estão. Trata-se de um verbo regular ou irregular? Justifique. 6. Se possível, construa frases com os verbos abaixo, conjugando-os na 1ª pessoa do singular. Reflita: os verbos mencionados, quando conjugados na 1ª pessoa do singular, são aceitos pela norma padrão ? Justifique. Colorir - Falir - Nevar - Haver – Cacarejar
  • CianeLima2

    Oct. 6, 2020
  • antrocenos

    Mar. 1, 2020
  • MariaMarcileneVieira

    Aug. 21, 2017
  • dinarcosta5

    May. 18, 2016

Aufrufe

Aufrufe insgesamt

4.658

Auf Slideshare

0

Aus Einbettungen

0

Anzahl der Einbettungen

2

Befehle

Downloads

195

Geteilt

0

Kommentare

0

Likes

4

×