Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Nome: Aline de Souza Martins Nº 2 3°A
A elétrica consiste no movimento ordenado de elétrons é corrente
formada quando há uma diferença de potencial (ddp) em um ...
No inicio do século IX, o físico alemão Georg Simon Ohm (1787-1854)
descobriu duas leis que determinam a resistência elétr...
Dessa maneira, além de definir o conceito de resistência elétrica, com sua
experiência, Georg Ohm demostrou que no conduto...
Graficamente, para resistores ôhmicos, a primeira lei de Ohm mostra:
É importante destacar que essa lei nem sempre é válid...
Entre 1825 e 1827, Ohm, investigando o funcionamento de vários
condutores, chega a conclusão que a resistência elétrica de...
A primeira lei de Ohm nos apresentou uma nova grandeza física, a resistência
elétrica. A segunda lei de Ohm nos dirá de qu...
Através de suas análises, este cientista concluiu que a resistividade de cada
material é constante para qualquer campo elé...
https://www.todamateria.com.br/leis-de-ohm/
http://educacao.globo.com/fisica/assunto/eletromagnetismo/r
esistores-e-leis-d...
https://www.todamateria.com.br/leis-de-ohm/
http://educacao.globo.com/fisica/assunto/eletromagnetismo/r
esistores-e-leis-d...
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

"Somos Físicos" Leis de Ohm

525 Aufrufe

Veröffentlicht am

Ensino Médio

Veröffentlicht in: Wissenschaft
  • Als Erste(r) kommentieren

"Somos Físicos" Leis de Ohm

  1. 1. Nome: Aline de Souza Martins Nº 2 3°A
  2. 2. A elétrica consiste no movimento ordenado de elétrons é corrente formada quando há uma diferença de potencial (ddp) em um fio condutor. E esse movimento no condutor fica sujeito a uma oposição que é conhecida como resistência elétrica. A resistência elétrica é medida sob a grandeza Ω (Ohm), que a capacidade que um condutor tem de se opor à passagem de corrente elétrica. Em outras palavras, a função da resistência elétrica é de dificultar a passagem de corrente elétrica. Observe que a resistência de 1 Ω (ohm) equivale a 1V/A (Volts/Ampére) Resistores Os resistores são dispositivos eletrônicos cuja função é a de transformar energia elétrica em energia térmica (calor), por meio do efeito joule com a finalidade de limitar a corrente elétrica em um circuito.
  3. 3. No inicio do século IX, o físico alemão Georg Simon Ohm (1787-1854) descobriu duas leis que determinam a resistência elétrica dos condutores. Essas leis, em alguns casos, também valem para os semicondutores e os isolantes.  a partir de suas medidas experimentais, chegou a conclusão de que todos os materiais sujeitos a uma diferença de potencial apresentam uma resistência de valor constante à passagem da corrente elétrica.
  4. 4. Dessa maneira, além de definir o conceito de resistência elétrica, com sua experiência, Georg Ohm demostrou que no condutor, a corrente elétrica é diretamente proporcional à diferença de potencial aplicada, postulando assim, a Primeira Lei de Ohm. sendo a resistência elétrica uma constante, a intensidade da corrente elétrica cresce proporcionalmente ao valor da tensão aplicada, obedecendo à seguinte expressão: U = i.R • R: resistência, medida em Ohm (Ω) • U: diferença de potencial elétrico (ddp), (ou tensão)medido em Volts (V) • I: intensidade da corrente elétrica, medida em Ampére (A). ou                  ou                     
  5. 5. Graficamente, para resistores ôhmicos, a primeira lei de Ohm mostra: É importante destacar que essa lei nem sempre é válida, ou seja, ela não se aplica a todos os resistores, pois depende do material que constitui o resistor. Quando ela é obedecida, o resistor é dito resistor ôhmico ou linear. A expressão matemática descrita por Simon vale para todos os tipos de condutores, tanto para aqueles que obedecem quanto para os que não obedecem a lei de Ohm. Fica claro que o condutor que se submete a esta lei terá sempre o mesmo valor de resistência, não importando o valor da voltagem. E o condutor que não obedece, terá valores de resistência diferentes para cada valor de voltagem aplicada sobre ele.
  6. 6. Entre 1825 e 1827, Ohm, investigando o funcionamento de vários condutores, chega a conclusão que a resistência elétrica de um fio dependia de suas características geométricas e do material. Suas conclusões levaram ao que é chamado de segunda Lei de Ohm:  “A resistência elétrica de um material é diretamente proporcional ao seu comprimento e inversamente proporcional à sua área” Onde a constante de proporcionalidade ρ é chamada de resistividade do material, sendo uma característica da substância.
  7. 7. A primeira lei de Ohm nos apresentou uma nova grandeza física, a resistência elétrica. A segunda lei de Ohm nos dirá de que fatores influenciam a resistência elétrica. De acordo com a segunda lei, a resistência depende da geometria do condutor (espessura e comprimento) e do material de que ele é feito. A resistência é diretamente proporcional ao comprimento do condutor e inversamente proporcional a área de secção (a espessura do condutor). Observe a figura abaixo: A figura apresenta a segunda lei de Ohm, onde •R: resistência (Ω) •ρ: resistividade do condutor (depende do material e de sua temperatura, medida em Ω.m)​ •L: comprimento (m) •A: área de secção transversal (mm2 ) Essa equação mostra que se aumentarmos o comprimento do fio, aumentaremos a resistência elétrica, e que o aumento da área resultará na diminuição da resistência elétrica.
  8. 8. Através de suas análises, este cientista concluiu que a resistividade de cada material é constante para qualquer campo elétrico aplicado, e desta forma, poderia obter uma expressão para determinar a resistência elétrica. Esta propriedade, segundo Ohm, é diretamente proporcional à resistividade do material, ao comprimento e inversamente proporcional à área de seção transversal reta do respectivo objeto, e é enunciada como segue: “A resistividade (ou condutividade) de um material é independente da intensidade, direção e sentido do campo elétrico”. Matematicamente, assume a forma: R =ρ.l/S É válido lembrar que apenas esta última é verdadeiramente condizente com o enunciado da lei de Ohm. Esta lei é válida para certas faixas de temperaturas e de campo elétrico aplicados. Desta forma, os resistores são considerados ôhmicos porque obedecem à lei de Ohm dentro dos limites de tensão aplicados no local do circuito ao qual compõe. Alguns dispositivos à base de semicondutores, como diodos e transistores não são ôhmicos.
  9. 9. https://www.todamateria.com.br/leis-de-ohm/ http://educacao.globo.com/fisica/assunto/eletromagnetismo/r esistores-e-leis-de-ohm.html http://brasilescola.uol.com.br/fisica/a-lei-ohm.htm http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/fisica/lei-ohm.htm https://www.mundodaeletrica.com.br/lei-de-ohm/ http://educacao.uol.com.br/disciplinas/fisica/leis-de-ohm- resistencia-eletrica-resistividade-e-leis-de-ohm.htm
  10. 10. https://www.todamateria.com.br/leis-de-ohm/ http://educacao.globo.com/fisica/assunto/eletromagnetismo/r esistores-e-leis-de-ohm.html http://brasilescola.uol.com.br/fisica/a-lei-ohm.htm http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/fisica/lei-ohm.htm https://www.mundodaeletrica.com.br/lei-de-ohm/ http://educacao.uol.com.br/disciplinas/fisica/leis-de-ohm- resistencia-eletrica-resistividade-e-leis-de-ohm.htm

×