Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Cultura e os Sistemas      de Saúde          Luís Fernando Tófoli  Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família          ...
Sistemas de Saúde:         uma Visão Antropológica  Os sistemas de saúde não podem ser estudados isoladamente da sociedad...
Hegemonia e Pluralismo  A maioria das sociedades têm um sistema de saúde hegemônico Porém, ele nunca é único Quanto mai...
Kleinman e os três setores dos     cuidados em saúde   Informal (‘Popular’)   Popular (‘Folk’)   Profissional (‘Profess...
FONTE: Adaptado de Kleinman (1981, p. 50)
Setor Informal    Autotratamento/automedicação    Conselhos de conhecidos/parentes    Atividades de auxílio mútuo e aut...
Setor Informal As mulheres se destacam como cuidadoras Crenças populares sobre saúde e doença são importantes Envolve t...
Setor Informal    Fontes de Informação     Doentes experientes     Pessoas com experiência de vida     Paramédicos con...
Setor Popular                (“folk”) Particularmente importante em contextos não industrializados Envolve curas secular...
Setor Popular   Rezadeira (quase informal)   Curandeiros   Raizeiros   Pais de santo que façam atendimentos   Curiosas
Setor PopularNo mundo Xamãs Injecionistas Feiticeiros Parteiras
Setor Popular  Abordagem holística: corpo-mente-ambiente-moral-espiritual O diagnóstico muitas vezes envolve facetas esp...
O Xamã    Curador cuja cura envolve o contato    com o mundo espiritual    A consulta envolve o transe, que pode    ser ...
Setor Popular - Formação Herança Sinais ou presságios   Revelação ou ‘Dom’   Aprendizagem   Auto-aprendizagem
Setor PopularPrós Envolvimento da família Envolvimento da sociedade Visão holística Não necessariamente se opõem à   b...
Setor PopularContras Impedir diagnóstico de patologia que   pode ser tratada biomedicamente Evitar o tratamento de trans...
Curandeiros e o             Sistema de Saúde  OMS encoraja a harmonização Há experiências positivas na incorporação no S...
Medicina Tradicional    Sistemas médicos originais não-    ocidentais:     Medicina chinesa     Medicina ayurvédica Se...
Medicina Alternativa         e/ou Complementar    Medicinas tradicionais exportadas para    outros países    Não são heg...
Medicina Alternativa       e/ou Complementar   Homeopatia   Medicina Antroposófica   Massoterapia, Osteopatia, Quiropra...
Medicina Alternativa          e/ou Complementar    Conjuntos profissionalizados    Alternativas de dieta e estilo de vid...
Setor Profissional               (‘Formal’)     Etnomedicina do mundo    industrializado    Reconhecido formalmente (lei...
Sistema Médico    A estrutura de um Sistema Médico de    reproduz a estrutura de sua sociedade    Saúde é direito univer...
Sistema Médico As desigualdades sociais costumam estar expostas dentro dos sistemas médicos Há diferenças dentro da biom...
Profissão da Saúde     Profissão: grupo organizado,    legalmente constituído, que controla a    entrada em seu meio, ide...
Profissão da Saúde     Hierarquização na Saúde: em geral,    categoria com maior autonomia e poder    (inclusive sua remu...
O Hospital   Segregação por categorias de doentes   Perda da individualidade   Relações pessoais insatisfatórias   Há ...
Medicina e Tecnologia    Fascinação dos clientes    Encarecimento dos tratamentos    Novas questões do nascer ao morrer...
Redes Terapêuticas    Crise na Medicina Ocidental    Redes complexas e não    autoexcludentes de cuidados    A compreen...
Cultura e Sistemas de Saúde
Cultura e Sistemas de Saúde
Cultura e Sistemas de Saúde
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

Cultura e Sistemas de Saúde

7.220 Aufrufe

Veröffentlicht am

Disciplina ‘Cultura, Saúde e Doença’;
Programa de Pós em Saúde da Família;
UFC-Sobral, CE

Veröffentlicht in: Gesundheit & Medizin
  • Loggen Sie sich ein, um Kommentare anzuzeigen.

Cultura e Sistemas de Saúde

  1. 1. Cultura e os Sistemas de Saúde Luís Fernando Tófoli Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família UFC-Sobral
  2. 2. Sistemas de Saúde: uma Visão Antropológica Os sistemas de saúde não podem ser estudados isoladamente da sociedade da qual fazem parte O sistema de saúde tem dois aspectos inter-relacionados:  Cultural (conceitual, prático)  Social (organizacional, normativo)
  3. 3. Hegemonia e Pluralismo A maioria das sociedades têm um sistema de saúde hegemônico Porém, ele nunca é único Quanto mais complexa for a sociedade, maior a chance de apresentar visões plurais nos cuidados à saúde
  4. 4. Kleinman e os três setores dos cuidados em saúde Informal (‘Popular’) Popular (‘Folk’) Profissional (‘Professional’)
  5. 5. FONTE: Adaptado de Kleinman (1981, p. 50)
  6. 6. Setor Informal Autotratamento/automedicação Conselhos de conhecidos/parentes Atividades de auxílio mútuo e auto- ajuda Consulta com leigo que tenha padecido do mesmo problema
  7. 7. Setor Informal As mulheres se destacam como cuidadoras Crenças populares sobre saúde e doença são importantes Envolve também a “promoção da saúde” Incompreensões entre paciente e cuidador são relativamente raras
  8. 8. Setor Informal Fontes de Informação  Doentes experientes  Pessoas com experiência de vida  Paramédicos consultados informalmente  Cônjuges de médicos  Pessoas que interagem com o público  Facilitadores de grupos de auto-ajuda  Membros de igrejas/cultos
  9. 9. Setor Popular (“folk”) Particularmente importante em contextos não industrializados Envolve curas seculares ou sagradas “Intermediário” entre o setor informal e profissional Grande variabilidade de cenários e abordagens.
  10. 10. Setor Popular Rezadeira (quase informal) Curandeiros Raizeiros Pais de santo que façam atendimentos Curiosas
  11. 11. Setor PopularNo mundo Xamãs Injecionistas Feiticeiros Parteiras
  12. 12. Setor Popular Abordagem holística: corpo-mente-ambiente-moral-espiritual O diagnóstico muitas vezes envolve facetas espirituais A maioria dos curandeiros compartilha os valores culturais de suas comunidades
  13. 13. O Xamã Curador cuja cura envolve o contato com o mundo espiritual A consulta envolve o transe, que pode ser mediado por psicoativos O “ser doente” pode ser comunitário Neoxamanismo
  14. 14. Setor Popular - Formação Herança Sinais ou presságios Revelação ou ‘Dom’ Aprendizagem Auto-aprendizagem
  15. 15. Setor PopularPrós Envolvimento da família Envolvimento da sociedade Visão holística Não necessariamente se opõem à biomedicina
  16. 16. Setor PopularContras Impedir diagnóstico de patologia que pode ser tratada biomedicamente Evitar o tratamento de transtornos mentais severos Risco de lesões Risco de exploração
  17. 17. Curandeiros e o Sistema de Saúde OMS encoraja a harmonização Há experiências positivas na incorporação no Sistema de Saúde  SIDA, parteiras, planejamento familiar, reidratação oral, rezadeiras, doença mental etc. Associações podem ser recursos interessantes (África)
  18. 18. Medicina Tradicional Sistemas médicos originais não- ocidentais:  Medicina chinesa  Medicina ayurvédica Seu países de origem as reconhecem como profissionais Em outros países...
  19. 19. Medicina Alternativa e/ou Complementar Medicinas tradicionais exportadas para outros países Não são hegemônicas, mas são extremamente comuns, inclusive nos países industrializados
  20. 20. Medicina Alternativa e/ou Complementar Homeopatia Medicina Antroposófica Massoterapia, Osteopatia, Quiropraxia Acupuntura Reflexologia Fitoterapia Naturopatia
  21. 21. Medicina Alternativa e/ou Complementar Conjuntos profissionalizados Alternativas de dieta e estilo de vida Curas ‘Nova Era’ (Reiki, Qi-Dong) Intervenções ‘mentais’ Bases científicas não convencionais  (ortomolecular, ozonioterapia, auto-hemoterapia, urinoterapia, iridologia) Medicinas regionalizadas
  22. 22. Setor Profissional (‘Formal’) Etnomedicina do mundo industrializado Reconhecido formalmente (lei) Nunca dão conta de todas as necessidades da população Grandes poderes de intervenção e rotulação
  23. 23. Sistema Médico A estrutura de um Sistema Médico de reproduz a estrutura de sua sociedade Saúde é direito universal? É direito particular? É um produto a ser comprado?
  24. 24. Sistema Médico As desigualdades sociais costumam estar expostas dentro dos sistemas médicos Há diferenças dentro da biomedicina nas diversas sociedades  Ex. Maior intervencionismo nos EUA
  25. 25. Profissão da Saúde Profissão: grupo organizado, legalmente constituído, que controla a entrada em seu meio, identifica a certificação de um membro, os protege e, se for o caso, aplica sanções éticas
  26. 26. Profissão da Saúde Hierarquização na Saúde: em geral, categoria com maior autonomia e poder (inclusive sua remuneração) Subculturas médicas: maior destaque para especialidades que ‘curam’ do que as que ‘cuidam’
  27. 27. O Hospital Segregação por categorias de doentes Perda da individualidade Relações pessoais insatisfatórias Há também variações culturais
  28. 28. Medicina e Tecnologia Fascinação dos clientes Encarecimento dos tratamentos Novas questões do nascer ao morrer A aproximação aos exames e o distanciamento do paciente
  29. 29. Redes Terapêuticas Crise na Medicina Ocidental Redes complexas e não autoexcludentes de cuidados A compreensão e integração destas redes deve ser buscada nos sistemas e serviços de saúde

×