Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Governo Collor

7.038 Aufrufe

Veröffentlicht am

Esta aula destina-se aos alunos e alunas do Terceiro Ano do Colégio Militar de Brasília, mas qualquer pessoa pode utilizar o material, basta entrar em contato e citar a fonte.

Veröffentlicht in: Bildung
  • Excelente apresentação. Você conseguiu captar os fatos mais importantes para ajudar a entender esse período da história brasileira.
       Antworten 
    Sind Sie sicher, dass Sie …  Ja  Nein
    Ihre Nachricht erscheint hier

Governo Collor

  1. 1. 1
  2. 2. • Slogan da campanha política: O Brasil Novo! • fim da inflação • Moralização política do país. • Diminuição das desigualdades sociais. • retomada do desenvolvimento econômico e modernização. 2
  3. 3. • Diminuição do tamanho do estado → combate aos “marajás” funcionários públicos com altos salários, privatizações. • Abertura ao comércio e capitais estrangeiros. • Educação pública de boa qualidade em tempo integral → CIACs (Centros Integrados de Atendimento à Criança). 3
  4. 4. - Na década de 1980, o modelo econômico brasileiro era baseado na industrialização por substituição de importação e forte presença estatal, entrou em crise. - Faltavam condições políticas para revitalizar o modelo econômico. - No mundo → avanço da globalização e adoção do neoliberalismo. 4
  5. 5. PLANO COLLOR I • Anunciado em 16 de março de 1990. • Bloqueio das contas correntes ou das cadernetas de poupança que excedessem a NCz$50mil (Cruzado novo) por 18 meses, recebendo durante esse período uma rentabilidade equivalente a 5 taxa de inflação mais 6% ao ano. • Substituição da moeda, o Cruzado Novo, pelo Cruzeiro → NCz$ 1,00 = Cr$ 1,00.
  6. 6. • Criação do IOF (imposto de Operações 6 Financeiras). • Congelamento de preços e salários → posterior ajustes baseados na inflação esperada. • Corte de incentivos fiscais → para importações, exportações, agricultura, os incentivos fiscais, da indústria de computadores e a criação de um imposto sobre as grandes fortunas.
  7. 7. • Aumento de preços dos serviços 7 públicos. • Liberação do câmbio e várias medidas para promover uma gradual abertura na economia brasileira. • Extinção de institutos governamentais. • A intenção do governo era demitir cerca de 360 mil funcionários públicos → reduzir gastos em mais de 300 milhões → Programa de demissões voluntárias.
  8. 8. 8 • Foram criadas várias exceções que acabaram por minar o plano. • A inflação voltou a subir e a economia continuou em crise. MINISTRA DA FAZENDA ZÉLIA
  9. 9. 9 • Durante o Governo Collor foram extintos o SNI, o IBC, interrompeu-se a pesquisa da bomba atômica, etc. • Houve, também, o fechamento de vários colégios e academias militares.
  10. 10. • Assinatura do tratado de livre comércio com a Argentina → Expansão dos acordos do Mercosul. • Fim do monopólio da informática. • Planos Collor II e Plano Marcílio (de Marcílio Marques Moreira, novo ministro da fazenda) → não conseguiram conter a inflação. FERNANDO COLLOR 10
  11. 11. Graves denúncias de corrupção no Governo 11 • lavagem de dinheiro. • desvios de verbas. • chantagens. • Caixa 2 de campanha.
  12. 12. 12 • Dinheiro público era usado para pagar despesas da Casa da Dinda, mansão de Collor. • A primeira-dama, Rosane Collor, é destituída da presidência da LBA. • CPI no Congresso Nacional. • Paulo César Farias, tesoureiro de campanha de Collor, foge do Brasil.
  13. 13. A fuga de PC Farias durou quase 200 dias. Ele fugiu pelo Paraguai, passou por Londres, onde deu entrevista para a Globo, e Paris, sendo preso em 13 Bangcoc, em 29 de novembro de 1993.
  14. 14. • Movimento Cara Pintada. • Os jovens foram para a rua pedir o impeachment de Fernando Collor. • O presidente ainda tentou apelar para a população no 7 de setembro, mas fracassou. 14
  15. 15. 15
  16. 16. • A Globo colocou no ar duas minisséries que ajudaram a derrubar Collor: Agosto e Anos Rebeldes. 16
  17. 17. • O Congresso Nacional aprova o impeachment em 29/12/1992 → 441 votos contra 38 → direitos políticos cassados por 8 anos → é o primeiro caso na América Latina. • Decepção e incerteza são as marcas daquele momento. 17

×