Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Financiamento

2.059 Aufrufe

Veröffentlicht am

  • ★★ How Long Does She Want You to Last? ★★ A recent study proved that the average man lasts just 2-5 minutes in bed (during intercourse). The study also showed that many women need at least 7-10 minutes of intercourse to reach "The Big O" - and, worse still... 30% of women never get there during intercourse. Clearly, most men are NOT fulfilling there women's needs in bed. Now, as I've said many times - how long you can last is no guarantee of being a GREAT LOVER. But, not being able to last 20, 30 minutes or more, is definitely a sign that you're not going to "set your woman's world on fire" between the sheets. Question is: "What can you do to last longer?" Well, one of the best recommendations I can give you today is to read THIS report. In it, you'll discover a detailed guide to an Ancient Taoist Thrusting Technique that can help any man to last much longer in bed. I can vouch 100% for the technique because my husband has been using it for years :) Here's the link to the report ➤➤ https://tinyurl.com/rockhardxxx
       Antworten 
    Sind Sie sicher, dass Sie …  Ja  Nein
    Ihre Nachricht erscheint hier
  • Gehören Sie zu den Ersten, denen das gefällt!

Financiamento

  1. 1. Disciplina:OGDActividade nº 6Financiamento desportivoElementos:Bernardo Mesquita nº 2Diogo Francisco nº 5Pedro Alves n º 16Professor da disciplina:Dr. Paulo Neves
  2. 2. *
  3. 3. *Vamos então neste trabalho falar sobre dois temas:*O financiamento desportivo que se esta dividido em 6 medidas.Isto é:*Medida 1 – “Saúde e Segurança nas Instalações Desportivas”*Medida 2 – “O Primeiro Relvado”*Medida 3- “Modernização das federações desportivas”*Medida 4- “Mini Campos desportivos”*Medida 5- “Clubes Históricos”*Medida 6- “Centros de alto rendimento”
  4. 4. **Medida 1:*Artigos a abordar:*Artigo 1º*(Objecto)*destina-se a apoiar a realização de obras de beneficiaçãoconsideradas prioritárias para as instalações de apoio à práticadesportiva dos clubes e associações desportivas tendo em vista asaúde e a segurança dos praticantes.
  5. 5. *Artigo 2º*(Duração)*A Medida vigora entre 1 de Setembro de 2006 e 31 deDezembro de 2009.*Artigo 3º*(Destinatários)*Podem candidatar-se a apoio no âmbito da Medida os clubes eassociações desportivas, cujo objecto seja o fomento e aprática directa de actividades desportivas.
  6. 6. *Artigo 4º*(Despesas elegíveis)*Despesas elegíveis dos clubes e associações desportivas, designadamente:*a) Ampliação ou requalificação dos balneários e valências neles existentes;*b) Instalações sanitárias;*c) Rede e equipamentos de gás, água e electricidade;*d) Vedações e rampas com grades de apoio a deficientes;*e) Outras obras que venham a ser consideradas abrangidas pela presenteMedida.*Artigo 5º*(Candidatura)*As candidaturas são apresentadas pela entidade promotora nos endereçoselectrónicos www.sejd.gov.pt e www.idesporto.pt, directamente nos ServiçosCentrais ou nas Direcções Regionais do Instituto do Desporto de Portugal, I.P.
  7. 7. * Artigo 6º* (Elementos que instruem as candidaturas)*As candidaturas terão de ter os seguintes elementos:* a) Um plano de acção* b) Fotocópias do cartão de identificação de pessoa colectiva e dos estatutos, bem comoacta do órgão deliberativo que nomeia a administração ou a gerência em exercício;* c) Planta de localização do equipamento* d) Comprovativo da qualidade de proprietário* e) Em caso de utilização de bens do domínio privado ou do domínio público detenção delicença.* f) Fotografias que demonstrem o estado actual das instalações;* g) Projecto de arquitectura aprovado* h) Caderno de encargos, mapa de trabalhos e orçamento da obra;* i) Prazo de execução dos trabalhos;* j) Declaração que identifique os montantes e as fontes de financiamento.* k) Indicação do montante da comparticipação financeira do Estado a que se candidata.
  8. 8. *Artigo 10º*(Comparticipações)*comparticipação não pode ultrapassar 60% do total dasdespesas elegíveis no valor máximo de €50.000 (CinquentaMil Euros).
  9. 9. **Artigo 1.º*(Objecto)*Construção e instalação de Campos Relvados Sintéticos*Artigo 2.*(Destinatários)*Os Municípios que na sua área não tenham nenhum equipamentodesportivo relvado com as dimensões de um Grande Campo de Jogospoderão candidatar-se.
  10. 10. *Artigo 4º*(Obrigações dos Municípios)* a) Disponibilizar um terreno devidamente preparado;* b) Apetrechar o espaço com iluminação pública que permita a sua utilizaçãopermanente;* c) Assegurar a existência de instalações de apoio, nomeadamente de balneários;* d) Assegurar a utilização do equipamento desportivo .* e) Responsabilizar-se, de forma directa ou delegada pelo cumprimento dosRegulamentos.* f) Responsabilizar-se pela limpeza, manutenção e conservação do equipamento;* g) Cumprir outras obrigações que venham a ser exigidas no âmbito do Quadro deReferência.
  11. 11. *Nos artigos referidos 5.6.7 são iguais para todos logo não serãotransmitidos novamente.*Artigo 9.º*(Projectos não elegíveis)*Não são apoiadas as candidaturas que já tenham asseguradocomparticipação de outros organismos da administração central.
  12. 12. *Artigo 12.º*(Custo total do projecto e montante da comparticipaçãofinanceira)*1 – O custo de cada equipamento desportivo terá um valorglobal elegível de €350.000,00 (trezentos e cinquenta mileuros).* A comparticipação financeira pelo Estado através do IDP, noâmbito da presente Medida, não poderá ultrapassar os€262.500,00 (duzentos e sessenta e dois mil e quinhentoseuros) por equipamento desportivo.
  13. 13. *Esta medida consiste no apoio as federações desportivas com o objectivo de apoiarfinanceiramente e tecnicamente as federações desportivas , dotar as federações derecursos qualificados e qualificar as federações desportivas.
  14. 14. *Esta medida consiste na construção e instalação a nível nacional de 101 minicamposdestinados a pratica desportiva, para levar o desporto para perto das pessoas. Estasinstalações destinam maioritariamente aos jovens de bairros e pessoas maiscarenciadas.Estes campos da para vários tipos de actividades como futebol, baskettball, voleibol ,andebol e também ginástica.Estes campos tem o apoio do IDP e da FPF.
  15. 15. *Esta medida pretende homenagear os clubes e as colectividades desportivas comhistoria e que eram a favor da pratica desportiva.Muitos destes clubes no passar do tempo resistiram a dificuldades tanto na áreasociocultural como também financeira.Merecem então serem apoiados na reconstrução das suas infra-estruturas einstalações desportivas.
  16. 16. *entende-se por desporto de alto rendimento como afirmação nacional e potenciadordo crescimento e desenvolvimento desportivo com isto é necessário que hajacondições para tal desenvolvimento.Esta medida prevê:• Financiamentoe construçõesde centros dealto rendimento• (aproveitandoou não asinstalaçõesexistentes)•Desenvolvimentoda economia•Emprego, eempresas quepossam estar nasinfra-estruturas• Com Boas infraestruturas, faz com queo desenvolvimentodesportivo nos diferentessectores do desporto fazcom que melhorem osresultadosinternacionalmente

×