Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
IMPERIALISMOE NEOCOLONIALISMO
Revolução Industrial  Avanço na produção de energia, na exploração dematéria-prima, nos transportes e na comunicação, além...
Revolução Industrial Limites da livre concorrência do liberalismo  Disputa  por espaços no mercado desequilibrada pelas ...
Revolução Industrial Outros aspectos dos limites do liberalismo:  • Monopólio  Ausência de concorrência e existência    ...
Revolução Industrial Capitalismo monopolista:  • Aproximação entre bancos e    indústrias  Financiamento da    produção ...
Imperialismo e Neocolonialismo“Como vender a produção cada vez maior e realizar novos investimentos assim gerados, se a co...
Imperialismo e Neocolonialismo Formas de domínio:  • Territorial  Por    intervenção militar,    caracterizada pela    o...
Colonialismo europeu (sec. XVI)   Neocolonialismo (sec. XIX)Principal área de   América                           África, ...
Imperialismo e Neocolonialismo Domínio sobre a África:  • Mais de 90% do território    africano foi dominado    entre a s...
Imperialismo e Neocolonialismo• Conferência de Berlim (1884/1885)  Reuniões que  definiram a divisão do continente, tendo...
Imperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e Neocolonialismo Domínio sobre a Ásia:  • Ampliação do controle bri-    tânico sobre a Índia:    Influência...
Imperialismo e Neocolonialismo• Japão: Abertura forçada pelos  EUA (1854) e posteriores  acordos comerciais com outros  pa...
Imperialismo e Neocolonialismo
Imperialismo e Neocolonialismo O Império Britânico  • Ocupação de cerca de 1/5    da superfície da Terra
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

Imperialismo e neocolonialismo

44.206 Aufrufe

Veröffentlicht am

Veröffentlicht in: Bildung
  • Login to see the comments

Imperialismo e neocolonialismo

  1. 1. IMPERIALISMOE NEOCOLONIALISMO
  2. 2. Revolução Industrial Avanço na produção de energia, na exploração dematéria-prima, nos transportes e na comunicação, além dos avanços científicos. Novas oportunidades de Estímulo aoInovações capitalismo negócios Crescimento populacional  Intensificação da urbanização
  3. 3. Revolução Industrial Limites da livre concorrência do liberalismo  Disputa por espaços no mercado desequilibrada pelas empre- sas mais ricas e com maior poder  Processo de con- centração. • Cartel  Grupo de empresas que acordam em con- trolar preços, produção e mercado de determinados setores e produtos. • Holding  Empresa que controla várias outras dife- rentes empresas, que funcionam independentes entre si e possuem até alguma autonomia. • Truste  Fusão de diversas empresas de um mesmo ramo de atividade produtiva.
  4. 4. Revolução Industrial Outros aspectos dos limites do liberalismo: • Monopólio  Ausência de concorrência e existência de um único fornecedor. • Oligopólio  Poucos fornecedores e cada um detém uma parcela grande do mercado, de forma que qualquer mudança em sua política de vendas afeta a participação de seus concorrentes e os induz a reagir. • Monopsônio  Forma de mercado com apenas um comprador, chamado de monopsonista, e inúmeros vendedores. É um tipo de competição imperfeita, inverso ao caso do monopólio, onde existe apenas um vendedor e vários compradores. Um monopsonista tem poder de mercado, devido ao fato de poder influenciar os preços de determinado bem, variando apenas a quantidade comprada.
  5. 5. Revolução Industrial Capitalismo monopolista: • Aproximação entre bancos e indústrias  Financiamento da produção e participação nos lucros industriais • Aumento da produção industrial  Necessidade de ampliação do mercado consumidor • Acúmulo de capitais  Geração de resultados que também eram reinvestidos para produzir mais lucros
  6. 6. Imperialismo e Neocolonialismo“Como vender a produção cada vez maior e realizar novos investimentos assim gerados, se a concorrência entre as grandes potências capitalistas fazia com que seus governos adotassem barreiras protecionistas para seus mercados internos, a fim de dificultar a invasão de produtos vindos de países concorrentes?” Gilberto Cotrim - “História Global: Brasil e Geral” (volume 2) Repartição da Ásia, África e da “Resposta” Oceania para o atendimento dosencontrada para interesses econômicos e políticos o dilema das potências mundiais.Imperialismo é a política de expansão e o domínio terri-torial, cultural e econômico de uma nação sobre outras, ousobre uma ou várias regiões geográficas. Neocolonialismoé o processo de exploração experimentado pelas potênciasindustriais.
  7. 7. Imperialismo e Neocolonialismo Formas de domínio: • Territorial  Por intervenção militar, caracterizada pela ocupação direta sobre o território do país “colonizado” • Econômico  Pela interferência nos assuntos políticos e econômicos do país dominado.
  8. 8. Colonialismo europeu (sec. XVI) Neocolonialismo (sec. XIX)Principal área de América África, Ásia e OceaniadominaçãoFase do Capitalismo mercantilista Capitalismo financeiro ecapitalismo monopolistaObjetivos • Garantia de mercado • Reserva de mercado para aeconômicos consumidor para a produção produção industrial econômica europeia • Garantia de fornecimento de • Garantia de exploração de matérias-primas produtos coloniais e metais • Controle dos mercados preciosos externos para investimento de capitais excedentesPatrocinadores Burguesia comercial e Estados Burguesia financeiro-industrial e metropolitanos modernos Estados com industrialização desenvolvidaJustificativa Expansão da fé cristã Missão “civilizadora” e disseminação do progresso técnico pelo mundo
  9. 9. Imperialismo e Neocolonialismo Domínio sobre a África: • Mais de 90% do território africano foi dominado entre a segunda metade do século XIX e as primeiras décadas do século XX • 1876 – Iniciativa da Bélgica no governo de Leopoldo II  Associação Internacional Africana e Grupo de Estudos do Alto Congo
  10. 10. Imperialismo e Neocolonialismo• Conferência de Berlim (1884/1885)  Reuniões que definiram a divisão do continente, tendo a participação de 14 países europeus, EUA e Rússia.• Fronteiras estabelecidas de maneira artificial e arbitrária conforme os interesses imperialistas• Resistência enfrentou dominadores militarmente mais equipados
  11. 11. Imperialismo e Neocolonialismo
  12. 12. Imperialismo e Neocolonialismo Domínio sobre a Ásia: • Ampliação do controle bri- tânico sobre a Índia: Influência sobre costumes, produção e política  1876: Incorporação oficial ao Império Britânico • China: Resistência à influência externa abalada durante a Guerra do Ópio (1839/1842), que resultou em vitória britânica e abertura do território chinês para a ação imperialista. Após derrotas em mais conflitos, como a Guerra dos Boxers (1899-1901) o território foi loteado por Inglaterra, Alemanha, França, Rússia e Japão
  13. 13. Imperialismo e Neocolonialismo• Japão: Abertura forçada pelos EUA (1854) e posteriores acordos comerciais com outros países. A partir de 1868, durante a Era Meiji, o Japão passou por um processo de modernização e iniciou sua própria experiência imperialista no continente.
  14. 14. Imperialismo e Neocolonialismo
  15. 15. Imperialismo e Neocolonialismo O Império Britânico • Ocupação de cerca de 1/5 da superfície da Terra

×