Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Psicologia Do Desenvolvimento Slides

426 Aufrufe

Veröffentlicht am

  • Als Erste(r) kommentieren

  • Gehören Sie zu den Ersten, denen das gefällt!

Psicologia Do Desenvolvimento Slides

  1. 2. <ul><li>Nem sempre a velhice é encarada de forma positiva na sociedade contemporânea. Existe um preconceito generalizado aos idosos. O idoso é visto como um como um “inútil”. A velhice é, na nossa sociedade, uma fase em que o idoso deixa de evoluir e de produzir, consideramos que perderam as suas capacidades cognitivas e emocionais, o que torna os idosos dependentes de uma sociedade que os marginaliza, que não dá valor às suas experiências de vida e que os institucionaliza em lares para idosos. </li></ul>
  2. 3. <ul><li>A visão da velhice é completamente preconceituosa até porque sendo uma visão generalizada não contempla o individuo particularmente. A velhice não é sentida por todos da mesma forma, nem atinge todos da mesma maneira, uns sentem-se velhos mais cedo do que outros independentemente da idade que têm. Este período da vida pode ser propício a que algumas capacidades entrem em regressão, mas existem muitas outras que se podem adquirir e desenvolver. Por exemplo, na aprendizagem. Desde que o conteúdo da aprendizagem seja significante para o indivíduo, o significado é rapidamente assimilado e compreendido. </li></ul>
  3. 4. <ul><ul><li>sociedade não deve aceitar a visão do senso comum face á velhice, é certo que esta última etapa de vida, traz transformações e alterações umas para melhor, e outras para pior…mas, desde que nascemos que estamos em constante desenvolvimento e a modificar-nos, são ciclos de atravessamos e que devem ser respeitados da melhor forma. </li></ul></ul>
  4. 5. <ul><ul><li>A sociedade deve promover recorrendo ás instituições próprias, uma forma de viver condigna, atribuindo-lhes novas funções sociais, tendo sempre em conta as suas limitações. Permitir que se adaptem a esta nova condição de vida. </li></ul></ul>
  5. 6. <ul><li>É fundamental o apoio das instituições, com o objectivo de garantir a segurança económica, de disponibilizar meios físicos que apoiem estes grupos, quer a nível de alimentação, de higiene, apoio psicológico, e boas condições físicas. . </li></ul>

×