Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Produto Imobiliário

11.877 Aufrufe

Veröffentlicht am

Treinamento de Produto imobiliário para corretor de imóveis, com informações impotantes sobre os empreendimentos que pode esclarecer dúvidas de cliente e tornar o profissional mais informado.

Next Group Brasil

Veröffentlicht in: Bildung, Reisen, Business

Produto Imobiliário

  1. 1. PRODUTO IMOBILIÁRIO
  2. 2. 1 Conhecendo as Característica dos Produtos Imobiliários
  3. 3. Características dos Produtos Produto Imobiliário 1. Implantação / Masterplan 2. Face Norte; 3. Planta do imóvel 4. Áreas do imóvel 5. Arquiteto, paisagista, decorador; 6. Serviços/Benefícios acessórios; 7. Nº de Torres X Nº de Unidades; 8. Sistema Construtivo 9. Diferenciais do produto; 10. Memorial Descritivo;
  4. 4. Implantação
  5. 5. Implantação
  6. 6. Implantação
  7. 7. Masterplan
  8. 8. Planta do Imóvel
  9. 9. Planta do Imóvel
  10. 10. Áreas Unidade (com final) Área Privativa (m²) Área Comum (m²) Área Total (m²) Fração Ideal 01, 02, 11 e 12 61,210 37,562 98,772 0,004090 Cada um dos apartamentos possui 01 (uma) vaga de garagem cada um, conterá sala de estar e jantar com varanda, circulação, 1 (uma) suíte, 1 (um) dormitório, 1 (um) dormitório serviço, banheiro, cozinha e área de serviço, possuindo a área privativa coberta edificada de 61,210m², a área comum coberta edificada de 10,573m², a área total edificada de 71,783m², a área comum descoberta de 26,989m², a área total de 98,772m² e a fração ideal de 0,004090 nas coisas de propriedade e uso comuns do Condomínio
  11. 11. Definição de Áreas ÁREA PRIVATIVA: Onde o proprietário detém a integridade do seu domínio. ÁREAS DE USO COMUM: Aquelas que podem ser utilizadas em comum por todos os proprietários das unidades constituídos, pelo hall do prédio, áreas de lazer, corredores de circulação, etc. ÁREA TOTAL CONSTRUÍDA DA UNIDADE: Soma da área privativa da unidade autônoma, vaga de garagem e com as parcelas de uso comum. FRAÇÃO IDEAL: É a parte indivisível e indeterminável das áreas comuns e de terreno, proporcional à unidade FI = (Ater x Aund)/ At und • • • • Fração Ideal da unidade = FI Área total do terreno – Ater Área da Unidade Residencial em questão – Aund Área total construída das unidades – At und
  12. 12. Estilos de Arquitetura Arquitectura clássica Ordem arquitectónica Arquitectura grega Arquitectura romana Arquitectura medieval Arquitectura bizantina Arquitectura românica Arquitectura gótica Estilo Tudor Após o Renascimento Estilo renascentista Estilo barroco Rococó Estilo georgiano Revivalismo arquitectónico Estilo Regência Estilo neoclássico Estilo neoromânico Arquitectura Moderna Arts and Crafts Art Nouveau Dadaísmo Futurismo Construtivismo Racionalismo italiano Escola de Chicago De Stijl Art Déco Estilo Internacional Brutalismo Arquitectura Pós-Moderna Minimalismo Pós-modernismo Desconstructivismo Biomorfismo Regionalismo crítico Wikipedia
  13. 13. Estilos de Arquitetura Arquitetura Dinâmica Arquitetura Ecológica / Sustentável
  14. 14. A ideia de "penthouse" foi criada em 1920. Significa um apartamento mais luxuoso geralmente no último andar de um edifício.
  15. 15. Responsável por controlar as entradas e saídas do prédio assegurar as mais diversas tarefas de manutenção. O termo evoluiu do francês, Comte Des Cierges, o contador de velas. o concierge o profissional do balcão do hotel, responsável por assistir os hóspedes em qualquer pedido que estes tenham, dos mais extravagantes ao mais simples como chamar um táxi, dar informações sobre o próprio hotel e seus serviços ou sobre a cidade e seus pontos turísticos, venda de passeios na região, locação de carros, reservas e indicações de restaurantes, ligar para farmácia ou floricultura. Desempenha um papel de ajuda a todos integrantes do hotel, fazendo tarefas quando pedidas.
  16. 16. Projetos
  17. 17. Serviços e Benefícios Acessórios
  18. 18. 2 Sistemas Construtivos
  19. 19. Sistemas Construtivos Alvenaria auto-portante (Estrutural)
  20. 20. Auto-Portante Características • Poucas opções de alteração de planta; • Paredes não podem ser quebradas; • As paredes dão sustentação ao edifício; • Edifícios com limitação de altura de 12 andares Casos Particulares: Pilotis Estrutura auto-portante a partir do 2º pavimento
  21. 21. Auto-Portante
  22. 22. Auto-Portante
  23. 23. Auto-Portante
  24. 24. Sistemas Construtivos Alvenaria convencional
  25. 25. Alvenaria Convencional Características • Uso de Colunas; • Paredes podem ser quebradas; • Mais opções de modificação da planta • Edifícios sem limitação de altura • Paredes podem ser de alvenaria ou Drywall
  26. 26. Alvenaria Convencional
  27. 27. Alvenaria Convencional
  28. 28. TESTE – QUAL O SISTEMA CONSTRUTIVO?
  29. 29. Construções em Aço
  30. 30. Construção em Estrutura de Aço Capital Gate é bem mais inclinada do que a Torre de Pisa - Abu Dabi / Emirados Árabes Unidos.
  31. 31. Construção em Estrutura de Aço National Stadium - Beijing, China
  32. 32. Construção em Estrutura de Aço Casa do Comércio – Salvador / BA
  33. 33. Construção em Estrutura de Aço
  34. 34. Construção em Estrutura de Aço
  35. 35. Novos Sistemas Construtivos • Steel Frame Novos Sistemas no Brasil
  36. 36. Novos Sistemas Construtivos • Steel Frame Novos Sistemas no Brasil
  37. 37. Construção em Madeira
  38. 38. Construção em Madeira
  39. 39. Conforto Térmico em locais mais temperados e Ambiente aconchegante
  40. 40. Construção em Pré Fabricado
  41. 41. Novos Sistemas Construtivos • Sistema Pré-fabricado
  42. 42. Imagens das Etapas do Sistema Construtivo 1 2 3 4 5 6 7 8
  43. 43. Imagens das Etapas do Sistema Construtivo 1 2 3 4 5 6 7 8
  44. 44. Sistema Pré-fabricado
  45. 45. Sistema Pré-fabricado
  46. 46. 3 Conhecendo as Característica de alguns Acabamentos
  47. 47. DRYWALL Estrutura portante, constituída de perfis de aço galvanizado, Sobre a estrutura são aplicadas placas de gesso acartonado Este sistema permite obter células com peso reduzido, com reflexo positivo na estrutura do edifício e nas exigências em equipamentos de elevação no canteiro.
  48. 48. Acabamentos em Gesso Acartonado
  49. 49. Acabamentos em Gesso Acartonado
  50. 50. Isolamento com Lã de Rocha Feltros flexíveis em lã de basalto, com fibras aglomeradas com resinas especiais, resistentes à altas temperaturas.
  51. 51. Aplicações com Lã de Rocha Paredes duplas com aplicação de lã de rocha com espessura de 25mm. Benefício de redução da transmissão de ruído entre as unidades e maior tranqüilidade para os moradores.
  52. 52. Isolamento com Lã de Vidro Leves e flexíveis, com características termo-acústicas, constituídos de lã de vidro aglomerada por resinas sintéticas em várias densidades e espessuras.
  53. 53. Aplicações com Lã de Vidro
  54. 54. 4 Tipos de Lajes
  55. 55. Tipos de Lajes • Protendidas Possui um tipo de armadura especial . Destinada a obras maiores onde é necessário resistir a grandes cargas e se tem grandes vãos • Laje comum Possuem vigotas no formato de um "T" invertido e tem internamente uma armadura de aço. Os blocos (ou lajotas) usados são predominantemente de cerâmica.
  56. 56. Tipos de Lajes • Protendidas A protensão pode ser definida como o artifício de introduzir, numa estrutura, um estado prévio de tensões, de modo a melhorar sua resistência ou seu comportamento, sob ação de diversas solicitações
  57. 57. Protensão de Lages
  58. 58. Lajes Protendidas Alveolares São peças de grande versatilidade, que podem ser aplicadas em qualquer tipo de sistema construtivo. Ideal para vãos maiores que 5m, obras acima de 100m² .
  59. 59. Lajes Protendidas Unialveolar Embutimento de instalações com ganho de pé-direito. Ótima opção para lajes de Shopping Centers, supermercados, estacionamentos etc. Peso até 50% menor que a laje alveolar
  60. 60. Lajes Protendidas com EPS Sistema "sandwich de laje protendida com EPS chegou para superar o obstáculo até então intransponível: o custo
  61. 61. Escoramento de Lages
  62. 62. Lajes Comuns Pré-fabricadas
  63. 63. Lajes Comuns Pré-fabricadas O isopor tem características muito favoráveis para utilização como elemento enchimento de lajes, é leve e resistente
  64. 64. Lajes Comuns Pré-fabricadas As lajotas (tavelas) podem ser de concreto ou cerâmica. Elas servem de guia para medir a distância entre as vigotas. Por isso, as lajotas devem ter sempre o mesmo tamanho.
  65. 65. Lajes Bidirecional ou Nervuradas apoiada sobre Vigas As fôrmas para laje nervurada possuem várias dimensões e alturas atendendo a todos os tipos de projetos, desde vãos menores até aos de maior envergadura.
  66. 66. Lajes Bidirecional ou Nervuradas
  67. 67. 5 Informações Importantes
  68. 68. Informações Importantes dos Empreendimentos 1. Os Incorporadores / Empreendedores / Assinaturas 2. Localização 3. O Empreendimento 4. Especificações de Acabamento 5. Obras 6. Área dos Apartamentos 7. Vagas de Garagem 8. Água e Gás 9. Lazer 10. Modificações da Planta 11. Informações de vendas 12. Concorrência
  69. 69. $UCE$$O... Palestras, Treinamentos e Consultoria Michel Moreira (27) 8817.0770 (27) 4141.4101 www.nextgroup.com.br

×