Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Loucura

1.062 Aufrufe

Veröffentlicht am

Loucura

Veröffentlicht in: Bildung
  • Als Erste(r) kommentieren

Loucura

  1. 1. PSICOLOGIA PALESTRA: “O QUE É A LOUCURA?” “DO ASILO À COMUNIDADE” 15/03/2013 – Auditório – 10h20-11h50Palestrante: Drª Cláudia NogueiraOrganização: Grupo Disciplinar de Filosofia 1
  2. 2. LOUCURA“Nunca existiu uma grande inteligência sem uma veia de loucura.” Aristóteles 2
  3. 3. LOUCURA “Há sempre alguma loucurano amor. Mas há sempre umpouco de razão na loucura.” Friedrich Nietzsche 3
  4. 4. LOUCURA• "Todos os homens são doidos e, apesar das precauções, só diferem entre si em virtude das proporções." Boileau , Nicolas 4
  5. 5. Escola Básica 2,3 C/Sec. José Falcão de Miranda do Corvo 2012/2013
  6. 6. A Loucura - Angelo Bronzino 6
  7. 7. O QUE É A LOUCURA? “Pode ser definida como distúrbio ou alteração mental caracterizada pelo afastamento do indivíduo dos seus métodos habituais de pensar, sentir e agir. A loucura ou insânia pode ser: uma condição da mente humana caracterizada por pensamentos considerados "anormais" pela sociedade. Resultado de doença mental, quando não é classificada como a própria doença. Maneira diferente de ser julgado pela sociedade.” - Dicionário Houssais A LOUCURA faz parte de toda uma discussão que abrange algumas ciências/saberes.FILOSOFIA DIREITO MEDICINA PSICOLOGIA BIOLOGIA PSIQUIATRIA 7
  8. 8. DOENÇA MENTAL A loucura é resultante de alguma doença mental. Nessa visão fica implícito a distinção do normal e do patológico, com determinadas características. Loucura é diagnosticada por profissionais e o seutratamento está baseado na supressão dos sintomas e na contenção do paciente que se encontra em surto. PSIQUIATRIA 8
  9. 9. A LOUCURA 9
  10. 10. O grito - Edvard Munch 10
  11. 11. LOUCURA -SIGNIFICADO AO LONGO DOS TEMPOS…• Na visão de Homero, os homens não passariam de bonecos à mercê dos deuses e teriam, por isso, seu destino conduzido pelos "moiras", o que criava uma aparência de estarem possuídos, ao qual os gregos chamaram "mania". 11
  12. 12. LOUCURA - SIGNIFICADO AO LONGO DOS TEMPOS…Para Sócrates, este facto geraria quatro tipos deloucuras: a profética, em que os deuses se comunicariamcom os homens possuindo o corpo de um deles, ooráculo.a ritual, em que o louco se via conduzido ao êxtaseatravés de danças e rituais, ao fim dos quais seriapossuído por uma força exterior.a loucura amorosa, produzida por produzida porAfrodite, a loucura poética, produzida pelas musas. 12
  13. 13. LOUCURA - SIGNIFICADO AO LONGO DOS TEMPOS…• Hegel afirmou que a loucura não seria a perda abstrata da razão: "A loucura é um simples desarranjo, uma simples contradição no interior da razão, que continua presente".• A loucura deixou de ser o oposto à razão ou a sua ausência, tornando possível pensá-la como "dentro do sujeito", a loucura de cada um, possuidora de uma lógica própria.• Hegel tornou possível pensar a loucura como pertinente e necessária à dimensão humana, e afirmou que só seria humano quem tivesse a virtualidade da loucura, pois a razão humana só se realizaria através dela. 13
  14. 14. A DOENÇA MENTALEsquizofrenia: alterações do pensamento,alucinações (sobretudo auditivas), delírios eembotamento emocional com perda de contactocom a realidade, podendo causar umdisfuncionamento social crónico. 14
  15. 15. “Psicose: é um termo psiquiátrico genérico que se referea um estado mental no qual existe uma "perda decontacto com a realidade".“Neurose: criado pelo médico escocês William Cullenem 1769 para indicar "desordens de sentidos emovimento" causadas por "efeitos gerais do sistemanervoso".“Transtorno Obsessivo-Compulsivo ("TOC"): é umcomportamento consciente e repetitivo, como contar,verificar ou evitar um pensamento que serve paraanular uma obsessão”. 15
  16. 16.  “Histeria: é uma neurose complexa caracterizada pela instabilidade emocional. Os conflitos interiores manifestam-se em sintomas físicos, como por exemplo, paralisia, cegueira, surdez, …” “Fobia: é o temor ou aversão exagerada ante situações, objetos, animais ou lugares.” “Afetivo Bipolar (TAB): As pessoas alternam ciclos mais ou menos graves de depressão e humor exaltado. Podem existir ou não características psicóticas, dependendo da intensidade do distúrbio, tratamento e evolução.” 16
  17. 17. Hieronymus Bosch A extração da Pedra da Loucura 17
  18. 18. A PSICANÁLISEPsicanálise: a loucura não parte do pressuposto da divisão entre o normal eo patológico como campos distintos. Freud, afirma que a loucura faz partede cada um de nós e está de certa maneira no inconsciente e os loucossão aqueles que não resistiram a uma luta que é constante a todos nós narelação com o inconsciente. Loucura, delírio, alucinações, são elementosque são bastante valorizados por Freud para a compreensão do psiquismo. 18
  19. 19. Bosch - A nau dos loucos. 19
  20. 20. Bibliografiahttp://www.overmundo.com.br/overblog/estamira-e-a-loucura-ou-o-que-e-a-loucura>http://pt.wikipedia.org/wiki/Loucura 20
  21. 21. Cartazes elaborados pelos alunos do 12ºano, no âmbito da disciplina de Aplicações Informáticas Rafael Morais, 12º A André Pereira, 12º B Diogo Mendes, 12º B 21 Diogo Sequeira, 12º B
  22. 22. Cláudia Silva, 12º A Gabriela Simões, 12º AVanessa Silva, 12º C Helena Fonseca, 12º A 22
  23. 23. Rúben Fernandes, 12º AJoão Lucas, 12º A Rui Mendes, 12º A Miguel Simões, 12º A 23
  24. 24. Diana Santos, 12º B Carla Rodrigues, 12º AJoão Henriques, 12º B Miguel Lucas, 12º A 24
  25. 25. Diogo Simões, 12º A Cristiana Carvalho, 12º CGabriel Lucas, 12º A 25

×