Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Ciências da Natureza – 5º Ano
BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio
Unidade 1 – Diversidade no...
Ciências da Natureza – 5º Ano
BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio
Unidade 1 – Diversidade no...
Ciências da Natureza – 5º Ano
BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio
Unidade 1 – Diversidade no...
Ciências da Natureza – 5º Ano
BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio
Unidade 1 – Diversidade no...
Ciências da Natureza – 5º Ano
BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio
Unidade 1 – Diversidade no...
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

1.1 diversidade dos animais - forma e revestimento - ficha informativa

6.348 Aufrufe

Veröffentlicht am

ciencias 5 ano

Veröffentlicht in: Wissenschaft
  • corresponden a 5° basico pero son un aporte a los docentes que hacen mas variadas y entretenidas estrategias para enseñar
       Antworten 
    Sind Sie sicher, dass Sie …  Ja  Nein
    Ihre Nachricht erscheint hier

1.1 diversidade dos animais - forma e revestimento - ficha informativa

  1. 1. Ciências da Natureza – 5º Ano BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio Unidade 1 – Diversidade nos animais – Forma e Revestimentos Bem Explicado – Centro de Explicações Lda. 1.1 DIVERSIDADE NOS ANIMAIS – FORMA E REVESTIMENTO Como é a forma do corpo dos animais? A forma do corpo dos animais está relacionada com o ambiente em que vivem e com o seu modo de vida. Podem ser: Fusiforme – A maior parte dos peixes e mamíferos aquáticos apresentam o corpo em forma de fuso, o que facilita a sua deslocação. Estrelada – Em forma de estrela o que facilita o contacto com o meio envolvente. Esférica ou globosa – Facilita a proteção do animal e o contacto com o meio ambiente. Achatada – A maior parte dos insetos apresenta esta forma o que lhes permite um maior contacto com o meio e facilita a procura de alimentos. Cilíndrica – Favorece o deslocamento nos mais variados meios. Alongada – O corpo das aves, apesar de apresentar forma fusiforme, adquirem uma forma alongada em voo. Sem forma definida – Existem ainda animais cuja forma não está definida.
  2. 2. Ciências da Natureza – 5º Ano BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio Unidade 1 – Diversidade nos animais – Forma e Revestimentos Bem Explicado – Centro de Explicações Lda. Os animais podem ter:  Corpo segmentado (dividido em anéis) ou não segmentada.  Corpo simétrico ou assimétrico: - Simetria bilateral – Se o corpo do animal se encontra dividido em duas partes idênticas; - Simetria radiada – Se o corpo do animal se encontra dividido em várias partes simétricas. - Assimétrico – se o corpo do animal não apresenta simetria.  Esqueleto interno ou esqueleto externo.  Podem também não ter esqueleto. Para que serve o revestimento do corpo dos animais? As funções mais importantes do revestimento dos animais são: Proteger contra agentes do ambiente. Regular a temperatura do corpo. Impedir a desidratação. Facilitar a defesa do animal.
  3. 3. Ciências da Natureza – 5º Ano BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio Unidade 1 – Diversidade nos animais – Forma e Revestimentos Bem Explicado – Centro de Explicações Lda. Como é o revestimento do corpo dos animais vertebrados1? Os animais vertebrados podem ser revestidos de: Pêlos  São característicos dos mamíferos;  Têm origem na epiderme;  A pelagem é composta por dois tipos: o Internos – macios e isolantes; o Externos – protegem o corpo e permitem a camuflagem. o Alguns pelos são impermeáveis à água.  Podem apresentar cores abundancia e tamanho muito variado, de acordo com o meio em que o animal vive e com as funções que desempenha, por exemplo: - Longos e macios como o cão e o urso; - Curtos e rijos como o porco; - Finos e pouco abundantes como o homem; - Ter a forma de espinho como o ouriço-cacheiro. Penas  São características das aves (ao longo da vida das aves caem e são renovadas);  Tem origem na epiderme;  Intervêm no voo e tem cores e dimensões muito variadas;  Apresentam as seguintes propriedades: o São isoladoras – evitam trocas de calor entre o animal e o meio; o São impermeáveis - Não deixam passar a água devido à sua constituição e a uma substancia oleosa produzida numa glândula, que a ave espalha nas penas com o seu bico.  Existem vários tipos de penas: o Rémiges – Penas de voo que se encontram nas asas. São assimétricas, compridas e estreitas. Dirigem o voo, funcionando como os remos de um barco; o Retrizes – Penas de voo da cauda, compridos e simétricos. Orientam o voo como um leme de um barco; o Tectrizes – Penas de cobertura que revestem e protegem todo o corpo. São curtos e largos, com função semelhante à das telhas de uma casa. o Plúmulas – Penas muito finas e macias que se encontram debaixo das tectrizes, formando a penugem. Impedem a passagem do ar, constituindo um bom isolante térmico. 1 Animais que possuem coluna vertebral
  4. 4. Ciências da Natureza – 5º Ano BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio Unidade 1 – Diversidade nos animais – Forma e Revestimentos Bem Explicado – Centro de Explicações Lda. Escamas  São características dos peixes e dos répteis.  Nos animais revestidos de escamas, estas podem ser de dois tipos: o Epidérmicas: Têm origem na epiderme e são características dos répteis. Estão ligadas umas às outras formando um revestimento que impede grandes perdas de água. À medida que o animal vai crescendo vão sendo substituídas, soltando-se juntas ou em bocados – Mudas. Alguns répteis além de escamas têm placas ósseas (crocodilo) ou carapaça óssea (tartaruga). o Dérmicas : Têm origem na derme e são características dos peixes. São independentes umas das outras e mantem-se no corpo do animal toda a vida. Pele nua  São característicos doa anfíbios, como a salamandra e a rã.  Os animais revestidos por pele nua apresentam a pele sem qualquer formação protetora, apenas coberta por um líquido gelatinoso por ela segregado – o muco.  O muco ajuda a que a pele se mantenha sempre húmido.  Nestes animais a pela desempenha um papel importante na respiração. Por isso vivem sempre em lugares húmidos ou na água para evitar que a pele seque. Se isso acontecer não sobrevivem
  5. 5. Ciências da Natureza – 5º Ano BLOCO 1 – Diversidade de seres vivos e suas interações com o meio Unidade 1 – Diversidade nos animais – Forma e Revestimentos Bem Explicado – Centro de Explicações Lda. Como é o revestimento do corpo dos animais invertebrados2? Os animais invertebrados podem ser revestidos de: Cutícula Uma fina camada impermeável segregada pela epiderme que protege o corpo mole. Quitina Substancia rígidas, resistente e impermeável, que impede a perda excessiva de água. É segregada pela epiderme. Estes animais também sobrem mudas para crescer. Quitina reforçada com uma substância calcária Em alguns animais o revestimento de quitina é reforçado por uma substancia calcária que lhe dá maior dureza. As substâncias calcárias podem formar estruturas, como carapaças, conchas, placas ou espinhos. Chamamos exosqueleto ou esqueleto externo à proteção externa que muitos animais invertebrados apresentam. Tem função de suporte proteção e locomoção. São exemplos de animais com exosqueleto de quitina todos os insetos e outros animais como o escorpião e o camarão. Há também animais invertebrados que tem o corpo protegido por uma concha de origem calcária, a qual pode ser univalve ou bivalve: Univalve É formada por uma única peça, como o caracol ou a lapa. Bivalve É formada por duas peças, como o berbigão e a vieira. Cada peça chama-se valva. 2 Animais que não possuem coluna vertebral

×