Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Die SlideShare-Präsentation wird heruntergeladen. ×

Trabalho completo projeto de intervenção

Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Anzeige
Nächste SlideShare
Relatorio final pronto!
Relatorio final pronto!
Wird geladen in …3
×

Hier ansehen

1 von 13 Anzeige
Anzeige

Weitere Verwandte Inhalte

Diashows für Sie (20)

Anzeige

Ähnlich wie Trabalho completo projeto de intervenção (20)

Aktuellste (20)

Anzeige

Trabalho completo projeto de intervenção

  1. 1. 1 UNIVERSIDADE POTIGUAR – UnP PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO E AÇÃO COMUNITÁRIA CURSO DE PSICOLOGIA DISCIPLINA: ESTÁGIO BÁSICO EM ORGANIZAÇÕES PROJETO DE INTERVENÇÃO NATAL 2011
  2. 2. 2 FLÁVIO DO NASCIMENTO HALINE DIAS SANTOS JOSÉ GILZEMAR REGINA POLIANA THAÍS MORAIS PROJETO DE INTERVENÇÃO Proposta de Projeto de Intervenção da disciplina de Estágio Básico em Organizações, entregue a professora Ana Augusta, desenvolvida pelos alunos da turma de Psicologia 6MA, da Universidade Potiguar - UnP. NATAL 2011
  3. 3. 3 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...................................................................................................04 2. JUSTIFICATIVA................................................................................................05 3. PLANO DE ESTÁGIO BÁSICO........................................................................06 4. PROPOSTA DE INTERVENÇÃO.....................................................................09 5. CRONOGRAMA................................................................................................12 6. REFERÊNCIAS................................................................................................. 13
  4. 4. 4 INTRODUÇÃO A proposta dessa produção é contribuir de forma participativa no Supermercado Boa Esperança, através da disciplina de Estágio Básico em Organizações, a qual nos servirá de suporte para intervir com embasamento teórico em relação ao aperfeiçoamento da liderança de um gestor, o qual irá gerir sobre cerca de duzentos funcionários de uma nova loja da rede de Supermercados Boa Esperança. Assim, relataremos conceitualmente sobre os significados e a importância do Psicodiagnóstico, da testagem psicológica, e da entrevista. Neste sentido, estaremos contribuindo para as futuras melhorias de uma demanda de aperfeiçoamento de liderança.
  5. 5. 5 JUSTIFICATIVA O estudo do psicodiagnóstico apresenta-se relevante por contribuir a respeito das práticas de testagem psicológica no âmbito organizacional, além disso, é necessário tal conhecimento como facilitador da dinâmica de funcionamento do Supermercado Boa Esperança, assim, estaremos contribuindo na esfera social, pois sabemos que o Supermercado tem compromisso com sua clientela, visando a aplicação incessante de um atendimento eficaz em benefício da comunidade. Tratando-se de relevância acadêmica, estaremos contribuindo com literatura para o estudo de possíveis curiosos no campo, já que estamos sendo devidamente orientados.
  6. 6. 6 PLANO DE ESTÁGIO BÁSICO 1. Identificação Identificação dos alunos e matrículas: Flávio do Nascimento - 200987608 Haline Dias Santos – 200989533 José Gilzemar - 200994057 Regina Poliana - 200843532 Thaís Morais – 200994323 2. Identificação do local 2.1 Nome da entidade: Supermercado Boa Esperança Ltda 2.2 Endereço: Rua Tenente Ferreira Maldos, 279. Bairro: Centro. Parnamirim/RN 3. Identificação do supervisor acadêmico: 3.1 – Nome: Ana Augusta Moreira 3.2 – CRP: 17ª/1471 4. Identificação do supervisor de campo (caso exista): 4.1 Nome: Fabiana Lima e Rosângela Pereira 4.2 . Período de estágio: De Agosto a Novembro de 2011. 3. ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DA ORGANIZAÇÃO 3.1 HISTÓRICO DA ORGANIZAÇÃO O Supermercado Boa Esperança, surgiu no ano de 1986 e foi fundado por seus atuais presidentes, o casal Sr. Ronaldo e Sra. Laide. A história da empresa começou num Box do Mercado Velho de Parnamirim, localizado no centro da cidade. Depois de um tempo mudaram-se, ampliando seus negócios para um novo estabelecimento, também no centro da cidade, onde é o atual endereço da loja centro. Com o passar dos anos, os investimentos foram feitos e o estabelecimento foi passando por sucessivas reformas para ampliação. Com a determinação, trabalho e visão
  7. 7. 7 empreendedora de seus fundadores, a empresa cresceu, tomou nome e hoje é referência no ramo varejista na cidade de Parnamirim/RN. No ano de 2004 uma filial do supermercado Boa Esperança foi inaugurada: a sua segunda loja, localizada no bairro de Rosa dos ventos, também em Parnamirim. Durante aproximadamente 10 anos, o supermercado Boa Esperança fez parte de uma rede de supermercados: A Rede MAIS. Nesse período teve oportunidade de crescer, aprender e solidificar suas negociações e parcerias. No ano 2010, a empresa, ao sentir que podia ampliar seus negócios e caminhar sozinha, estruturou e teve um Centro de Distribuição inaugurado, desvinculando-se da Rede MAIS. Hoje, atua como Boa Esperança Supermercados e já tem projeto para inauguração de uma terceira loja, no bairro Parque Industrial. É importante considerar que a empresa é conhecida pela qualidade de seus produtos e bom atendimento aos seus clientes. 3.2 ORGANOGRAMA A empresa é composta por vários setores e em cada um deles existe uma equipe de colaboradores sempre coordenada por um encarregado de setor, o qual também é responsável por responder dúvidas e questionamentos. Seus colegas também poderão ajudá-lo, mas o encarregado é responsável por coordenar seu trabalho. Os encarregados por sua vez, respondem à gerência da loja. Os gerentes de cada loja são supervisionados pelo Gerente Operacional da empresa. Na administração da empresa estão os presidentes-fundadores, diretores Executivo e Administrativo-Financeiro e o Gerente operacional. Todos eles administram e dão suporte aos setores que compõem a empresa: No escritório: Setores Financeiro, Contábil-Fiscal, Comercial, Saúde do trabalho, Recursos Humanos, Departamento Pessoal, T.I., Tesouraria, Marketing etc. Nas lojas e Central de distribuição: Frente de loja/recepção, Depósito, Mercearia/Bazar, Açougue, Horti Fruti, Frios e Laticínios, Padaria, Peixaria, Manutenção, ASG, Segurança, Transporte e Refeitório. Cada setor é gerenciado por um encarregado tem assessoria externa jurídica possui 450 funcionários total loja Centro, Rosa dos Ventos e Centro de Distribuição (CD).
  8. 8. 8 3.3 FILOSOFIA DA INSTITUIÇÃO: Fé em Deus, comprometimento, honestidade, respeito, igualdade, ética e responsabilidade social. 3.4 OBJETIVOS DA INSTITUIÇÃO: Proporcionar aos clientes atendimento diferenciado com produtos e serviços de qualidade em um ambiente agradável, e consequentemente ser a maior rede de supermercados de Parnamirim, mantendo-se líder na preferência do consumidor. 3.5 RECURSOS HUMANOS E MATERIAIS: Empresa de fácil acesso com infraestrutura apropriada e espaço disponível de 1580m²/1500m², possui estacionamento próprio e tem entrada acessível, além de 450 funcionários total loja Centro, Rosa dos Ventos. Quanto à estrutura física, os dois estabelecimentos contam com o total de sete banheiros, dois refeitórios, aproximadamente nove salas, onde estão distribuídos os setores que gerenciam as lojas e apresenta dois estacionamentos de grande porte. 3.6 CLIENTELA E RAMO DE ATIVIDADES: É uma rede de supermercados que atua no ramo varejista na cidade de Parnamirim. Atende uma vasta clientela que vai além da cidade de sua localização, nos últimos anos tem-se atendido e fidelizado clientes de toda a grande Natal e demais cidades do interior. 4. DIAGNÓSTICO DA REALIDADE 4.1 NECESSIDADES E DEMANDA DE INTERVENÇÃO DA ORGANIZAÇÃO A Organização tem como desafio desenvolver e aprimorar as competências para os líderes, e isso exige a capacidade de AVALIAR, MODIFICAR E ORIENTAR seu modo de pensar, sentir e agir para um caminho de resultados crescentes a partir de mudanças em seus comportamentos gerenciais. Para tal faz-se necessário: autopercepção, automotivação, conhecimento e AÇÃO. A demanda de intervenção da empresa está relacionada a proporcionar aos líderes desta organização a orientação e o desenvolvimento de competências que os possibilitem atuarem de forma integrada e comprometida para a obtenção dos resultados.
  9. 9. 9 4.2 PROPOSTA DE INTERVENÇÃO É imprescindível intervir quanto a testagem Psicológica para o reconhecimento e desenvolvimento dos Conhecimentos, Habilidades e Atitudes (CHA’s) do gestor que irá gerir cerca de 200 funcionários na nova loja da Rede de Supermercados Boa Esperança em Parnamirim. 4.3 JUSTIFICATIVA DA ESCOLHA DA DEMANDA Está relacionada ao interesse da empresa para o reconhecimento e desenvolvimento das capacidades do gestor da nova loja, com as finalidades de avaliar e orientar o modo de pensar, sentir e agir para um caminho de resultados crescentes a partir de mudanças em seus comportamentos gerenciais. 4.4 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA A entrevista, segundo Oliveira (2005), é a técnica que permite o acesso às representações mais pessoais dos sujeitos: história, conflitos, crenças, sonhos, fantasmas, acontecimentos vividos, etc. Sendo um instrumento insubstituível no domínio das ciências humanas e ainda no domínio da Psicologia. Deste modo, como estudantes de Psicologia da Universidade Potiguar, consideramos válido este conhecimento para agregar valores no Supermercado Boa Esperança, juntamente com os demais procedimentos que iremos relatar adiante. De acordo com Lopez (1995), o psicodiagnóstico é realizado com tempo limitado, buscando descrever e compreender a personalidade total do paciente, abrangendo, assim, aspectos atemporais. Desta forma, podemos dizer que, um de seus objetivos é direcionar o trabalho terapêutico. No nosso campo de estágio, estaremos aplicando a testagem psicológica no gestor da nova loja, com os mesmos fins de compreensão e descrição de personalidade, no entanto, o nosso objetivo não é terapêutico, mas sim de incentivo à liderança do Supermercado no que tange refletir a cerca das habilidades, qualidades e possíveis melhorias do perfil de liderança a que estão submetidos. Segundo Cunha (1993), psicodiagnóstico é um processo científico, limitado no tempo, no qual realiza-se uma avaliação psicológica, por meio de testagem. O autor define que um dos objetivos do psicodiagnóstico é identificar e avaliar aspectos específicos ou classificação do caso e possível previsão de seu curso, comunicando, ao final do trabalho, os resultados obtidos.
  10. 10. 10 A utilização da bateria de testes propicia o levantamento de dados que devem ser interligados com o histórico do gestor. A obtenção do histórico é realizada com base no plano de avaliação, pré-estabelecido através de perguntas ou hipóteses iniciais, que auxiliam na definição dos instrumentos e momento adequado para sua aplicação. Segundo Cunha (1993), Caracterizamos o psicodiagnóstico como um processo científico, porque deve partir de um levantamento prévio de hipóteses que serão confirmadas ou informadas através de passos pré-determinados e com objetivos precisos [...] O plano de avaliação é estabelecido com base nas perguntas ou hipóteses iniciais, definindo-se não só quais os instrumentos necessários, mas como e quando utiliza-los. (p.05). Sabendo que a cultura Organizacional do Supermercado Boa Esperança seleciona gestores por votação do Recursos Humanos e pela decisão dos donos da empresa, não cabe ao grupo impor mudanças radicais, mas apenas colaborar a cerca da importância da realização dos processos de testagem psicológica com a finalidade de traçar o perfil do gestor, e com isso desenvolver atividades que possam contribuir para a melhoria da gestão. Sendo assim, são necessários alguns testes, e dentre eles estão o PALOGRÁFICO, que segundo Alves (2009) é baseado na realização de traçados feitos pelo sujeito, apresentando dados de ritmos e qualidade de trabalho, fatigabilidade, inibição, elação, depressão, temperamento, constituição tipológica, inteligência, etc. Tratando-se, pois, de um teste de personalidade que irá explorar de acordo com Van Kolck (1984) as capacidades de adaptação, expressão e projeção, e “mais do que qualquer produção pessoal deve ser analisado cuidadosamente”, sua aplicação é muito simples e rápida. Zacharias (2003), descreve que o QUATI (Questionário de Avaliação Tipológica) é baseado na teoria Junguiana, sendo um teste que pretende avaliar a personalidade através das escolhas situacionais que cada sujeito faz. Busca identificar ATITUDE (introversão, extroversão), as FUNÇÕES PERCEPTIVAS (intuição, sensação), e as FUNÇÕES AVALIATIVAS (pensamento, sentimento). Os resultados definirão a atitude consciente e as funções mais e menos desenvolvidas (ou inconsciente).
  11. 11. 11 Segundo Pasquali (1997) O IFP (Inventário de Personalidade) subsidia o avaliador no diagnóstico quanto às dificuldades do avaliando, além de propiciar a identificação de suas necessidades principais. Portanto, a partir da aplicação desses testes, poderemos contribuir de forma significativa para o reconhecimento e posterior desenvolvimento do conjunto das CHA’s, ditas anteriormente. 5. PLANO DAS ATIVIDADES 5.1 OBJETIVO GERAL Realizar uma avaliação psicológica minuciosa do novo gestor, no intuito de reconhecer os Conhecimentos, Habilidades e Aptidões (CHA’s), visando o desenvolvimento de sua gestão, de acordo com o perfil da empresa. 5.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS Identificar, a partir da testagem Psicológica, as características favoráveis e desfavoráveis para contribuir com o desenvolvimento de uma liderança humanizada. Trabalhar com o gestor sua auto percepção, automotivação, conhecimento e AÇÃO necessários para o desenvolvimento de uma liderança eficiente. 5.3 RECURSOS A Instituição precisará disponibilizar os testes HTP, IFP e Palográfico para a aplicação. 5.4 CRONOGRAMA
  12. 12. 12 DATA ATIVIDADE LOCAL HORARIO 16.01.2012 CONVIDAR O SUPERMERCADO 10:00 H GESTOR PARA BOA COMPARECER A ESPERANÇA SALA NA QUAL SERÃO APLICADOS OS TESTES. APLICAÇÃO DOS 16.01.2012 TESTES EM UMA SALA 11: 15 H Quati INDIVIDUAL IFP Palográfico DEVOLUTIVA DOS SUPERMERCADO 09:30 H 30.01.2012 RESULTADOS DOS BOA TESTES PARA A ESEPRANÇA EMPRESA. 5.5 AVALIAÇÃO Para o acompanhamento do trabalho desenvolvido é necessário haver o “feed- back” do setor de Recursos Humanos do Supermercado Boa Esperança quanto ao projeto de intervenção, para que assim, de fato, o grupo tenha a consciência do planejamento adequado em relação à demanda da instituição. REFERÊNCIAS ALVES, I.C.B; ESTEVES,C. O teste Palográfico na Avaliação da Personalidade. 2.ed. São Paulo: Vetor, 2009. V.1
  13. 13. 13 ANCONA-LOPEZ, S. O mundo do adolescente. In: ANCONA- LOPEZ, M. Psicodiagnóstico: processo de intervenção. São Paulo. Cortez. 1995. Cap. 02. p. 26 - 36. Disponível em: http:// www.psicologiamooca.com.br/imagens/psicodiagnostico.doc. Acesso em: 11.nov.2011 CUNHA, J. e Col. Fundamentos do psicodiagnóstico. N.: Psicodiagnóstico-R. 4.ed. Porto Alegre. Artes Médicas. 1993. Cap. 01. p. 3 - 10. Disponível em: http:// www.psicologiamooca.com.br/imagens/psicodiagnostico.doc. Acesso em: 11.nov.2011 OLIVEIRA,M.F. Resumo. In: OLIVEIRA, M.F. Entrevista Psicológica: O caminho para aceder o outro. Porto Alegre. 2005. p.1. Disponível em: http://www.psicologia.pt/artigos/textos/TL0031.PDF. Acesso em: 29.nov.2011 PASQUALI, L. Inventário Fatorial de Personalidade: Manual Técnico e de Avaliação. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1997. ZACHARIAS, J. J. M. Quati: Questionário de Avaliação Tipológica. 5.ed.rev.e ampl. São Paulo: Vetor, 2003. V.II.

×