Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

GAZETA DO SANTA CÂNDIDA JANEIRO 2017

352 Aufrufe

Veröffentlicht am

JORNAL QUE TEM O QUE FALAR

Veröffentlicht in: News & Politik
  • Als Erste(r) kommentieren

  • Gehören Sie zu den Ersten, denen das gefällt!

GAZETA DO SANTA CÂNDIDA JANEIRO 2017

  1. 1. 2 ESCRITÓRIO CONTÁBIL JC – ONLINE ASSESSORIA. - ABERTURA DE EMPRESA - CONTABILIDADE E FISCAL - FOLHA DE PAGAMENTO– RH - CONTABILIDADE RURAL - IMPOSTOS - ENCERRAMENTO DE EMPRESA Estamos atendendo NAS CIDADES DE ADRIANÓPOLIS, MORRETES E CURITIBA A.R.ASSESSORIAE CONSULTORIAEMPRESARIAL Rua Marcos Malucelli, 754 - Estrada da América - Fone 41 3416.3175 41 8507.5738 - Email: morretespr@hotmail.com. JC ONLINEASSESSORIACONTÁBIL: Rua João Reboli, 215 Santa Cândida – Curitiba - Fone: 3019-3369 Falar com Claudio ou Joceli www.jconlineassessoria.com.br O prefeito Rafael Greca visitou os conjuntos residenciais Aroeiras e Imbuias, depois de visitar as obras da Unidade de Saúde da região. Ele foi recebido com muita alegria e descontração pela população. “Es- tava ansioso para conhecer este lo- cal e ver de perto as necessidades dos moradores. Neste local apenas jogaram uma grande população e Prefeito Rafael Greca visita conjuntos residenciais da nossa região abandonaram sem preocupação de construir equipamentos públicos”, disse o prefeito. Ivan Tavares, presidente daAsso- ciação dos Moradores (AMAI) deu as boas vindas ao prefeito, técnicos e assessores que acompanhavam o pre- feito. “ Ficamos muito contente com esta preocupação do prefeito. Somos mais de 5 mil pessoas morando sem infraestruturas básicas e a vinda do prefeito reacende nossas esperança de que as nossas reivindicações como o Armazém da Família, creche e es- cola, abertura de ruas, mais uma li- nha de ônibus, serão atendidas, além de outras necessidades’’. Este conjunto coloca-se entre os 75 municípios menores do Paraná que não atingiram este número de popu- lação e destaca-se entre um dos 7 menores bairros da Capital. Rafael Greca falou para seus assessores es- tudarem a possibilidade de fazer um parque na divisa do município deAl- mirante Tamandaré e conjuntos habitacionais, e uma linha de ônibus que entrará no conjunto com interligação entre os terminais Barreirinha e Santa Cândida. Pesquisa recente da pesquisadora e professora de Geografia Agrária da USP, Larissa Bombardi, sobre o alto índice de agrotóxicos que consumimos no Brasil e os reflexos para a saúde espantam. Mortes por intoxicação e suicídio são alguns dos casos citados pela especialista em seu trabalho mais recente, que resultará no livro Geografia Sobre o Uso de Agrotóxicos no Brasil. O estudo, em fase de finalização, reúne os dados sobre os venenos agrícolas em uma sequência cartográfica que dá dimensão complexa a um problema pouco debatido no país. São mais de 60 mapas entre os anos de 2007 a 2014. O Brasil é o campeão mundial no uso de agrotóxicos, posto, até a década passada, ocupado pelos EUA. “O glifosato, herbicida mais vendido no Brasil, e causador de câncer é 5 mil BRASIL TEM 5 MIL VEZES MAIS AGROTÓXICO NA ÁGUA DO QUE PAÍSES EUROPEUS vezes maior na água potável por aqui do que na União Européia. Inclusive em algumas praças e parques públicos, ele é utilizado para capinar. Há muitas prefeituras utilizando também à beira da estrada. Por que é seguro aqui e não é lá fora? 30% dos agrotóxicos que são usados no Brasil são proibidos na União Européia”, alerta ela sobre a permissividade brasileira em relação a outros países. Projeto de Lei em São Paulo O cenário é realmente desesperador, contudo, alguns sinais de mudança começam a aparecer. A Câmara dos Vereadores de São Paulo aprovou, na última semana, o PL 891/2013, que proíbe o uso de agrotóxicos que contenham em sua composição 20 tipos diferentes de princípios ativos. Entre os elementos vetados, está o glifosato. Diretor: Adilson da Costa Moreira - Fones 9894-1462 e 3328-0176 Dep. comercial: Sharon Simão Zunino Rua Guilherme Ihlenfelt, 765 -Apartamento 4 - Tingui - Curitiba E-mail: gazetasantacandida@gmail.com Tiragem: 10.000 exemplares www.gazetasantacandida.com.br / www.gazetasantacandida.blogspot.com As matérias assinadas não refletem necessariamente a opinião do jornal. EXPEDIENTE Cuidadora de idosos com experiência de 17 anos, com referências. Telefones (41) 9980.3530 e 3328.0176
  2. 2. 3 O secretário de Estado daAgricul- tura e Abastecimento, Norberto Ortigara,anunciounestasexta-feira(27) o reinício do programa Leite das Cri- anças para 2017, que começa a ser dis- tribuído na quarta-feira (1º). O contra- to já foi assinado com 41 usinas forne- cedoras, após a liberação de R$ 91 milhões do orçamento do Estado. Os recursos vão financiar a compra de44milhõesdelitrosdeleite,quevão atender 129 mil crianças, por meio de 1.314 escolas estaduais, que serão os pontos de entrega. Ortigara ressaltou a importância do programa para reforçar a alimentação das crianças, contra a desnutrição in- fantil.Etambémosbenefíciosquetraz paraapecuárialeiteiradoEstado,onde os pequenos e médios laticínios são beneficiados com a compra pública. Lembrou que esse programa repre- senta uma das ações de proteção soci- aldoGovernodoParaná,queatuatam- bém em outras frentes como o comba- te à pobreza por meio de complementação do Bolsa Família, isenção ou redução no custo de ener- gia para pessoas carentes, habitação popular e regularização fundiária em áreas com pessoas mais carentes, en- tre outras ações. Mas o programa também ajuda no desenvolvimento da pecuária leiteira, SECRETÁRIA DA AGRICULTURA ANUNCIA REINICIO DO PROGRAMA LEITE DAS CRIANÇAS atividade que está crescendo no Sul do Brasil, onde o setor vem se destacando noavançodaprodutividadeedaquali- dade.Secontinuarosinvestimentosno leite, o Brasil poderá sair da condição de importador para exportador de lei- te, disse. Para Eduardo Grochowicz, repre- sentante do Laticínios Carambeí, um dos fornecedores que assinou o con- trato, o programa Leite das Crianças beneficia o produtor à medida que re- presenta um grande balizador de pre- ços.Tambémbeneficiaoslaticíniosque conseguem programar as entregas e com isso podem planejar melhor a ati- vidade. Os preços praticados no pro- gramaseguemopreço-referênciadefi- nido pelo Conseleite-PR. LEITE DAS CRIANÇAS O Programa é conduzido pelo De- partamento de SegurançaAlimentar e Nutricional (Desan), da Secretaria es- tadual daAgricultura. Entre seus prin- cipais objetivos estão a contribuição com a redução da desnutrição infantil de crianças em situações de vulnerabilidade. Ascriançascadastradasrecebemum leitepasteurizadointegralcomaadição devitaminasAeD,ferroezinconasua composição, por dia. Embora a entre- ga seja feita de duas a três vezes por semana, a família recebe o número de litros de leite correspondente a todos os dias da semana. Oprogramaimpulsionaodesenvol- vimentodacadeiaprodutivadoleiteno Paraná, sobretudo na melhoria da qua- lidade da matéria-prima dos produto- resdaagriculturafamiliar.Paraocoor- denador do Leite das Crianças, Massaru Sugai, ele melhora as condi- ções da produção industrial das usinas contratadas, do ponto de vista higiêni- co e sanitário. “Está previsto em con- trato que a usina deverá investir na as- sistênciatécnicadosseusfornecedores do leite, de acordo com as regras de qualidadejáprevistas”,disseSugai. O programa Leite das Crianças pro- move,ainda,oenvolvimentodeoutras secretarias de Estado, como a Saúde, Educação e Família, cada uma com a suaatribuiçãoespecífica,visandoapro- moção social, educacional e de saúde juntoàsfamíliasbeneficiárias. ANUNCIE
  3. 3. 4 Incentivar o protagonismo infantojuvenil e a proteção dos direitos de crianças e adolescentes de famílias em situação de vulnerabilidade social é um dos objetivos da campanha da Legião da Boa Vontade: Criança Nota 10 — Proteger a infância é acreditar no futuro!. Nesta edição, a iniciativa entregará, em todo o Brasil, mais de 17 mil kits pedagógicos e 30 mil conjuntos de uniforme. Em Curitiba, no dia 03 de fevereiro, foram entregues cerca de 198 kits as crianças atendidas pelo Centro de Educação Infantil José de Paiva Netto, no bairro Boqueirão. A campanha também ajuda os pais que, muitas Escola de Educação Infantil em Curitiba entrega kits pedagógicos a atendidos 198 crianças receberam kit com material escolar e uniforme completo vezes, não têm condições de arcar com os custos do material completo. Os kits são compostos de acordo com a faixa etária dos estudantes e contém itens como: estojo, lápis preto e de cor, canetas, apontador, borrachas, tesoura, tubos de cola, tinta guache, cadernos, régua, mochila e uniformes, entre outros. A você que colaborou, o nosso sincero agradecimento! Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Em Curitiba, PR, o Centro de Educação Infantil José de Paiva Netto está localizado na Rua Padre Estanislau Trzebiatówski, 180 - Boqueirão - (41) 3386-8430. Após ficar parada por mais de um ano e meio, a construção da Unidade de Saúde do JardimAliança, no bairro Santa Cândida, segue em ritmo satisfatório.Aretomadadaobrafoium compromisso assumido pelo prefeito RafaelGrecanacampanhaeleitoral. O prefeito visitou a Regional Boa Vista e apontou as principais deman- dasparaRegiãoNortedeCuritiba.Uma delas é entregar os equipamentos pú- blicos que ainda não foram finalizados - como a Unidade de Saúde do Jardim Aliança e o Clube da Gente do Bairro Alto - completos para o atendimento. Tambéméprecisofinalizarotrechoem obras da Linha Verde Norte e oferecer serviçospúblicosdequalidadeàpopu- lação ainda desassistida. Greca disse que sua presença nos bairros vai regular a qualidade dos ser- viços municipais. “O prefeito tem que estar onde o povo está. Vamos colocar a Prefeitura para funcionar”, disse, e cumpriu um roteiro de visita a obras acompanhado da administradora da Regional Boa Vista, Janaína Gehr, do vice-prefeito e secretário municipal de ObrasPúblicaseInfraestrutura,Eduar- do Pimentel; do presidente do Ippuc, Reginaldo Reinert, e dos vereadores Jairo Marcelino, Julieta Reis e Mauro Ignácio. Tiveram presentes membros da comissão de Saúde JardimAliança: Nena Melassa e esposo, José Cândi- do,OscarPenteadoeAdilsonMoreira. RAFAEL GRECA E VICE PREFEITO VISITAM OBRA DA US JARDIM ALIANÇA
  4. 4. 5 9894.1462 AAssociação dos Moradores dos ConjuntosAroeiraseImbuiasvisitoua Fundepar através do diretor Victor Hugo e vereador Jairo Marcelino no mesdedezembrode2016paraagilizar a construção da Escola Estadual. No mês de janeiro a visita foi à COHAB através do diretor Rafael Enes, e na Regional Boa Vista, para esclarecerasnecessidadeseinforman- do os oficios protocolados com reivin- dicações dos moradores. Janaína, sub prefeita da Regional BoaVista,dissequeostécnicosdaPre- feitura estão trabalhando em várias questões de melhorias nos Conjuntos Aroeiras e Imbuas, e duas das propos- ta apresentadas pela Associação dos Moradores AMAI estão sendo anali- AMAI PROTOCOLA PEDIDOS DE MELHORA NOS CONJUNTOS HABITACIONAIS AROEIRAS E IMBUIAS sadas, entre elas oArmazém da Famí- liaenovalinhadeônibus. Foram protocolados os oficios de abertura de rua, limpeza e recolhi- mento de entulhos, areia para cancha, telefones públicos,Armazém da Fa- mília, lombadas, sinalização nas ruas, construção de creche, academia ao ar livre e escolas. NestemêsdefevereiroaAMAIdis- tribuiuumkitescolarparacriançasque iniciamasaulas.''Todonossotrabalhoé voluntários e buscamos contribuições querepassamosparaacomunidadesem custoalgum,eoqueconseguimospode não atender a todos, mas, é o nosso es- forço junto aos colaboradores que tra- zemalgumasmelhoriasparaosnossos moradores''disseopresidentedaAMAI. Janaína, Ivan Tavares e Adilson da Costa Moreira PAPELARIA COLORIR LAN HOUSE XEROX - IMPRESSÃO COLORIDA ENCADERNAÇÃO - PLASTIFICAÇÃO MATERIAL ESCOLAR E PRESENTES SUPRIMENTOS DE INFORMÁTICA - ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM COMPUTADORES E NOTEBOOK FONE: (41) 3049.6615 - papelariaanjoazul@gmail.com RUA FERNANDO DE NORONHA, 390 - LOJA 1 - SANTA CANDIDA
  5. 5. 6 Richa anuncia reforço de mais 2.736 soldados no contingente da PM O governador Beto Richa anunciou nesta terça-feira a incorporação de mais 2.736 soldados da Polícia Militar do Paraná, que irão atuar no Norte, Noroes- te, Oeste, nos Campos Gerais, em Curitiba e Região Metropolitana e no Litoral. São 2.169 policiais e 567 bombeiros militares. Todos concluíram o Curso de Formação de Soldados e os policiais já estão aptos à atuação ostensiva e preventiva. “Temos a felicidade de anunciar esses novos profissionais, que irão reforçar e for- talecer a segurança pública no Estado”, afirmou Richa em Londrina, na primeira da série de solenidades de formatura dos novos soldados, que acontecem nesta se- mana. As outras solenidades de formatura de policiais ocorrerão em Maringá, Cas- cavel, Ponta Grossa e Curitiba. O nome da turma de Londrina é “Pro- tetores do Norte do Paraná”. São 427 sol- dados (394 policiais e 33 bombeiros) que se incorporam ao 2.º Comando Regional da PM, responsável por 89 municípios da região. Na solenidade, com a presença da vice-governadora Cida Borghetti, Beto Richa entregou troféu aos militares que se destacaram no curso de formação. Ele recebeu uma placa das mãos do coman- dante do 2.º Comando Regional, tenente- coronel Marcos Antônio Wosny Borba. Muitos familiares saudaram os formandos com faixas alusivas à conquista. Richa também anunciou o envio para Londrina, nos próximos dias, de 20 viatu- ras policiais locadas. “Os veículos irão reforçar o atendimento em Londrina, en- quanto aguardamos a entrega das 1.100 viaturas novas, que já estão em licitação e que serão distribuídas a todas as regiões, a partir de critérios técnicos”, afirmou. “O significado destes anúncios é a espe- rança da população em uma maior sensação de segurança”, afirmou o prefeito de Lon- drina,MarceloBelinati.“ÉfatoquehojeLon- drina, assim como todo o país, passa por um problema serio na área de segurança. Essa medida vai amenizar e melhorar a sen- sação de segurança da população”, disse ele. MAIS CONTRATAÇÕES - O gover- nador ressaltou a abertura de concurso para contratação de 50 profissionais da polícia científica, dentre eles toxicologista, médicos legistas e dentista para os IMLs. “Além disso, há 40 delegados da Polícia Civil concursados para serem chamados. Hoje temos delegados em todas as comarcas. Com mais 40 profissionais po- deremos suprir uma ou outra deficiência que ainda existam”, disse o governador. MAIS AÇÕES – Os investimentos em segurança, afirmou Richa, incluem mais ações, dentro do Paraná Seguro, o único programa de investimentos em segurança pública já executado pelo Estado. Mais de 10,8 mil profissionais da segurança públi- ca foram contratados desde o início do governo, em 2011. “A maior contratação de profissionais para a segurança foi feita neste governo”, disse ele. Também já foram adquiridas e estão em operação 1.200 novas viaturas e, nos próximos meses, serão entregues mais 1.100 veículos. Além disso, o Governo do Estado alugou 250 viaturas para o patrulhamento em Curitiba e Região Me- tropolitana, além de reforçar a Operação Verão. “Também entregamos novas armas e munições às forças policiais, entre elas cerca de 900 pistolas da marca Glock e, em breve, faremos a entrega de armas de longo alcance, além dos coletes balísticos, que são entregues assim que recebemos dos fornecedores. O Estado comprou 8 mil coletes balísticos. As ações inclu- em, ainda, compra de equipamentos, investimentos em inteligência e a re- alização sistemática de operações para prisão de trafican- tes e combate às drogas. CAPILARIDADE – Para o secretário da Segurança Pública e Administração Pe- nitenciária, Wagner Mesquita, o reforço de pessoal e de estrutura é significativo. “Mais efetivo sendo aplicado nas ruas, mais viaturas e armas trazem capilaridade mai- or, uma presença maior da polícia que vai reverter na diminuição dos índices de criminalidade”, disse ele. “A presença, principalmente do policiamento preventi- vo e ostensivo, traz reflexos imediatos na redução dos índices”, afirmou. “Este reforço representa mais seguran- ça e confiança que a sociedade pode depo- sitar na Polícia Militar do Paraná, que com melhores condições, tanto qualitativa como quantitativa, assume o compromisso e a res- ponsabilidade de ampliar os níveis de segu- rança e garantir a ordem pública”, declarou o comandante-geral da PM, coronel Mau- rício Tortato. No Norte, segundo o comandante do 2º Comando Regional, todos os 89 muni- cípios receberão algum nível de reforço, seja diretamente, com a locação dos novos policiais, ou através de remanejamento. “Em Londrina, por exemplo, o reforço está na ordem de 140 policiais militares”, disse ele. Contador: Sandro da Silva Constituição e Encerramento de Empresas Imposto de Renda Assessoria Contábil, Empresarial, Financeira, RH Tel: 3357-3601, Celular 8462-3354 - 99105354 Rua Ilda C. Manasczuk, 4444 - Jd Aliança - Santa Cândida
  6. 6. 7 ABAETÉ – Palavra originária do Tupy que significa “ Homem bom, ver- dadeiro, de palavra, honrado”, através da junção dos termos abá( ‘’homem’’) e eté (‘’verdadeiro’’) Originalmente formado como um conjunto da antiga COHAB, de casas populares, tornou- se um espaço à parte no bairro da Boa Vista, que hoje possui vida própria e com todos os benefícios urbanos como comércio, escolas, igrejas, transporte e atendimento à saúde. Esta região não há muito tempo era praticamente ’mato’, conforme dito por moradores antigos. Podia-se pescar nos muitos córregos que por aqui passam, visto que é uma região alta, portanto pouco poluída, mesmo hoje em dia. Aqui ainda se preserva a boa convi- vência entre vizinhos, quando se diz bom dia, boa tarde, boa noite, ao con- trário de quem mora no centro de Curitiba e não conhece sequer o vizi- nho do apartamento ao lado. A comunidade abaeteense, morado- res fundaram a Associação Mãos Ami- gas, ( AMAI) que tem endereço na mercearia e bar da Sandra e do Alceu, onde a cada natal se realiza uma con- fraternização onde todos são bem-vin- CONJUNTO RESIDENCIAL ABAETÉ UM POUCO DE SUA HISTÓRIA dos, com doações de presentes para as crianças e não só, participando quem quiser como voluntário e proporcionan- do uma festa com o apoio dos bombei- ros, polícia militar e vizinhança. O ano 2016 nem a chuva atrapalhou, como comprova a presença maciça da vizinhança, com carreata contando com o Papai Noel, os motoqueiros e frequentadores em geral do bar do Alceu e familiares, com a criançada se divertin- do muito, tudo bem organizado e seguro. Na próxima edição deste jornal o as- sunto será sobre os pescadores do Abaeté com suas “estórias”, pesqueiros favoritos, tamanho dos peixes... Tudo contado sem muito exagero, mas muita mentira, pois será tudo coletado nos botecos da região. Quem puder colaborar com o resgate da história doAbaeté enviando fotos an- tigas ou qualquer lembrança, oral ou es- crita, pode entrar em contato com a re- dação pelo E-mail almagomes61@gmail.com que suas fo- tos e causos serão aqui publicados. Obrigado, até a próxima. Alfredo Maines Gomes ( colabora- dor do Gazeta do Santa Cândida)
  7. 7. 8
  8. 8. 9
  9. 9. 10 A capital ecológica do Brasil tem mais uma comemoração a fa- zer: além do orgulho dos curitibanos no transporte público, limpeza e organização da cidade, agora as Academias ao Ar Livre es- tão virando a nova onda dos curitibanos. Curitiba possui cerca de 52 m² de área verde por habitante, uma das mais altas do país.As Academias vêm ampliar as opções de lazer entre bosques, praças, campos de futebol, pistas de skate, churrasqueiras e lagos que a cidade oferece aos mo- radores, proporcionando uma alter- nativa valiosa para a saúde e quali- dade de vida. Hoje são 131 academias espa- lhadas em quase todos os bairros da cidade. Em 2016 a empresa Favretto Painéis venceu a licita- ção da prefeitura para manter em perfeito funcionamento as acade- mias que estavam sem manuten- ção. Depois de um ano de traba- lho, todas estão em perfeitas con- dições de uso. Para pagar este in- vestimento, a Favretto lançou o produto chamado Fit Board, que são placas de 1,20 x 1,70 m para anúncios de propaganda próximas Academias ao Ar Livre são o novo sucesso de Curitiba às academias. “O Fit Board está se tornando um sucesso de ven- das por estar dentro do bairro, jun- to à comunidade, onde outra mídia não consegue entrar com facilidade”, afirma o gerente de Mídias Especiais da Favretto, Junior Odppis. Estes espaços são da comuni- dade, por isso os moradores precisam aju- dar a cuidar, preservar e evitar a ação de vândalos que des- troem o patrimônio público que é de todos. Segundo Junior a “Favretto tem interesse em pegar o solo das academias para cuidar, sendo o piso para fazer drenagem e limpeza e a roçada do mato, que hoje, neste contrato, está sob res- ponsabilidade da prefeitura”. Há 40 anos no mercado a Favretto é referência no sul do país em mídia exterior. Além das 250 faces de Fit Board, possui mais de 300 quadros de outdoor, mais de 200 painéis iluminados, os chama- dos Top e Front light, além de es- tar presente nas rodovias de entra- da e saída de Curitiba através dos Painéis Rodoviários. Serviço: Favretto Painéis 3013-5753 ou fitboard@favrettopaineis.com.br.
  10. 10. 11 Avacaeoboinomotel A vaca e o boi foram no motel, na hora de pagar a conta o boi se deu conta quenão tinha dinheiro para pagar e perguntou para a vaca: -Minha querida, vamos fazer uma vaquinha? -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o- A sogra em casa A sogra fala para o genro: -Eu vou ficar aqui nessa sua casa até você enjoar de mim. o genro responde: -Ah! Não vai ficar nem para o cafézinho? -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o- Medicofofoqueiro O caipira entrou no consultório e meio sem jeito foi falando: - Dotô, o negócio não sobe mais. Já tomei de tudo quanto foi chá de pranta mas não sobe mais memo. - Vou te passar um medicamento que vai deixar você novo em folha. São cinquenta comprimidos, um por dia. - Mais dotô, eu sou um home simpris da roça, só sei conta inté deiz nos dedos e mais nada. - Então você vai numa papelaria, compra um caderno de cinquenta folhas. Cada folha um comprimido Quando o caderno acabar vocâ já vai estar curado. A receita está aqui. - Brigado dotô. Vo angora memo compra o tar caderno. E logo que saiu do prédio avistou de fato uma papelaria ali perto. Entrou, a moça veio atender. - Eu precisava de um caderno de cinquenta foias. - Brochura? - Médico fio da puta. Já andou espaiando meu pobrema por aí ... -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o- Jo Joao O homem, ao dar entrevista para conseguir trabalho, responde à primeira pergunta: -Qual é o seu nome? O homem responde: -Jo-Jo-João S-Silva -O senhor é gago? -Não. Gago era meu pai. E o cara do cartório, um filho da puta. -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o- No hospício, o doido, sentado num banquinho, segura uma vara de pescar mergulhada num balde de água. O médico passa e pegunta: - O que você está pescando? - Otários, doutor. - Já pegou algum? - O senhor é o quinto! -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o- O ziper aberto A secretária notou que o chefe estava com o zíper aberto, no meio de uma reunião de diretoria. Tenta avisá-lo, sem chamar atenção das outras pessoas ali presentes: - Doutor... O senhor esqueceu a porta da sua garagem aberta! Ele entende, fecha rapidamente o zíper e fala no ouvido dela: - Por acaso a senhora viu o meu bmw vermelho? E a secretária, rindo: - Não, senhor! Tudo o que vi foi um fusquinha desbotado, com os dois pneus dianteiros murchos! Teste para descobrir a melhor polícia do mundo: Quem capturasse um coelho mais rápido dentro de uma floresta ganharia. A primeira equipe a tentar foi da CIA. Entrou na floresta cheia de equipamentos de visão a laser e os mais avançados rastreadores. O coelho foi solto e depois de vinte minutos os policiais norte- americanos voltaram com o coelho. A segunda a ser testada foi a equipe da KGB com equipamentos de guerra, sensores de movimentos e roupas camufladas. A equipe se embrenhou no mato, o coelho foi solto depois de quinze minutos os russos voltaram com o coelho. Todos achavam impossível alguém ser mais rápido. Ate que os terceiros a fazerem o teste foram policiais brasileiros. Chegaram com uma veraneio velha, armas obsoletas, e o coelho foi solto. Depois de cinco minutos eles voltaram. Os organizadores abriram a porta da veraneio e encontraram um porco espinho amarrado, chorando e dizendo: - Eu juro, eu sou o coelho, eu juro. -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o- Brasil X EUA Um brasileiro estava calmamente tomando o café da manhã quando um norte- americano tí-pico, mascando chicletes, senta-se ao lado dele. O brasileiro ignora o americano que, não se conformando, começa a puxar conversa: - Você como esse pão inteirinho? - É claro - responde o brasileiro de mal humor. - Não, não, não. Nós comemos só o miolo, a casca nós vamos juntando num container, depois processamos, transformamos em croissant e vendemos para o Brasil. O brasileiro ouve calado. - Você come essa geléia com pão? - insiste o americano. - É claro. -Não, não, não. Nós comemos frutas frescas no café da manhã, jogamos todas as cascas, sementes e bagaços em containers, depois processamos, transformamos em geléia e vendemos para o Brasil. O brasileiro já de saco cheio diz: - E o que vocês fazem com as camisinhas depois de usadas? - Jogamos fora, claro! - Não. Não, não. Nós vamos guardando tudo em containers, processamos, transformamos em chicletes e vendemos para os Estados Unidos. -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o- Conversandocomoabajur? A mulher foi ao médico: - Doutor, o meu marido está completamente louco! Vira e mexe ele conversa com o abajur! - E o que ele diz? - Eu não sei! - Como não sabe? A senhora não disse que viu ele conversando com o abajur? - Não, eu não disse isso... eu disse apenas que ele conversa com o abajur. - Mas, então, como foi que a senhora descobriu? - Foi o abajur que me contou!
  11. 11. 12 Ainternet,hoje,nosauxiliaemdiversos aspectos do cotidiano. Compras, inscrições,reclamaçõeseumainfinidade de serviços podem ser realizados no ambiente online. Nesse conjunto de coisas, se destaca a forma de consumir informações e divulgar produtos ou marcas. Muitas pessoas afirmam que a internetrevolucionouocampoedeixou obsoletos os demais meios de comunicação – pregam que ninguém mais tem tempo ou paciência de ler jornais ou revistas e o investimento em publicidade deve ser orientado às plataformasdigitais. Será que é isso mesmo? Anunciar em jornais e revistas ainda vale a pena? Publicaçõesimpressascontinuamtendo mais credibilidade e, geralmente, ainda pautam os assuntos que diariamente, semanalmenteoumensalmente,acabam indopararnainternet.Emmuitoscasos os anúncios impressos ainda são bem vistos pelo público. Um meio substitui o outro Quando surgiu a imprensa, muitos disseram que o livro ia sumir. Quando surgiu a televisão, decretaram o fim do rádio. Isso acontece até hoje e podemos ver que não faz muito sentido – o livro e o rádio estão aí para provar que cada meio tem a sua linguagem distinta e por consequência, o seu público. A publicidade, então, se organiza para usar as ferramentas adequadas a cada um deles. Nenhum meio substitui outro. Cada meio tem sua utilidade. Para o publicitário, eles se complementam. O jornalimpressoeodigital,porexemplo, são complementares, cada um com um modelo de informação adequado ao momento do leitor. Em países emergentes como o Brasil, percebe-se até um aumento da Anunciar em jornais de bairros ainda é um bom negócio? circulação de jornais, pois a população cada vez mais tem acesso a esses bens, principalmente a impressos populares. O leitor de jornais e revistas está mais preparado para ser “convencido” Sim,oleitordejornaiserevistasestá mais preparado para ser “convencido” das ideias que seu anúncio pretende vender. Isso porque esse leitor absorve conteúdosmaislongoseargumentativos – ele é um leitor de fato e gosta de ler o impressopelamanhã,emummomento de grande concentração e prazer. Impressos ainda têm mais credibilidade Segundo estudos realizados todos os anos pelos mais diversos veículos, a principal característica do jornal ou da revista impressos é a credibilidade. É o que os tornam diferente dos demais meios.Apesar de ser uma mídia cara, é importante porque dá peso a uma marca e é lida por formadores de opinião. Outro ponto importante que traz grande vantagem a quem anuncia em impressos é que esse meio apresenta conteúdos mais profundos, enquanto a interneteasmídiaseletrônicasemgeral apresentam notícias mais superficiais. Ou seja, o leitor fixa mais o conteúdo que está no impresso. Jornais de bairro – vantagens em anunciar Pode acreditar – muitas pessoas ainda não acessam a internet regularmente. Mas muitas dessas pessoas não teriam condições (ou mesmo vontade) de comprar um impresso. É aí que entra um veículo muito importante para os anunciantes: o jornal ou revista de bairro. O bom impresso de bairro é de fácil manuseio eestásempredisponívelnavizinhança. Anúnciosemrevistasejornaisdebairro buscam atingir um público específico, da região do seu negócio. Visam a fixação da marca e a venda de produtos. O mundo globalizado permite o acesso a praticamente tudo, mas, ao mesmo tempo, as pessoas cada vez mais formam nichos.Apersonalização e o culto do que é regional se fortalece a cada dia. Portanto, os jornais e revistas de bairros são uma excelente opção para divulgar empresas ou marcas.Alémdisso,oferecemumcusto muitomenordoqueosgrandesveículos de massa. A grande maioria dos jornais e revistas de bairro são gratuitos. A aceitação, por isso, é de praticamente 100%. Mas importante: o material só será plenamente aceito se tiver boa impressão, bom conteúdo e, principalmente,agregarvalor. Edson Carlos Krug, idealizador da Cria3.PossuicertificaçõesemInbound marketing e marketing digital, pela ResultadosDigitais.Especializaçãoem Facebook marketing. Mais de 20 anos de experiência no mercado de comunicação,publicidade,propaganda e design. Atua como gestor de marketing digital e de conteúdo para clientes da agência.Além disso é Co- Founder e Diretor de Marketing da startup ByPrice.

×