Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
BIOMECÂNICAAula 2Estática – condições deequilíbrio: introduçãoProf. Dr. Felipe P CarpesWebsite de apoiohttp://sites.google...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaAVISOS
Operações básicas com vetoresComposição & decomposição de vetoresDeterminação de vetores resultantesCondições de equilíbri...
Avançar na revisão de funções trigonométricas básicas;Representar vetores utilizando uma escala e especificandointensidade...
Introdução à biomecânica;Terminologia e conceitos básicos em biomecânica;Formas de movimentos;Revisão de cálculo.Biomecâni...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaÂnguloβ αvérticeAαO
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaÂngulosÂngulo obtuso. Ângulo raso. Ângulo giro.(90° < α < 180°) (...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaDeterminando ângulos de modo simples1 grau = 57,3 radianos
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaÁlgebra vetorial - elementarGrandezas escalaresGrandezas vetoriai...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaGrandezas escalares ou vetoriais?MassaTemperaturaComprimentoTempo...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaGrandezas escalares ou vetoriais?
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaVetoresFpeso
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaVetorVetores são segmentos dereta orientados usados pararepresent...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaVetorPor enquanto, consideremos: Representação gráficaIntensidade...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaQuick reminderFunções trigonométricasTeorema de Pitágoras
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores?
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores?
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores++- -
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetoresab2b2avvtanvvv =θ+=
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetoresθ⋅⋅⋅++= cosvv2vvv ba2b2a
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Situação aplicadaForça (Fm) exercida pelo ______________...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Adiantando um pouco as coisas.....Fd TorqueT = F . d┴Com...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!ɵDado que:Fm = 450 N= 20ºɵsen 20º = 0,342cos 20º = 0,939...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Gastrocnêmio medialInserção Proximal: Côndilo medial dof...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!F
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Sendo F = 300 N, e o = 40ºɵQuanta força está sendo trans...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Sendo F = 300 N, e o = 40ºɵQuanta força está sendo trans...
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaPráticaExercícios lista 2
Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHK = Hamill J; Knutzen KM. Bases biomecânicas do movimento humano...
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

Biomecânica - Aula 3 oper vetoriais e cond equilibrio

4.583 Aufrufe

Veröffentlicht am

  • Als Erste(r) kommentieren

Biomecânica - Aula 3 oper vetoriais e cond equilibrio

  1. 1. BIOMECÂNICAAula 2Estática – condições deequilíbrio: introduçãoProf. Dr. Felipe P CarpesWebsite de apoiohttp://sites.google.com/site/biomecunipampa
  2. 2. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaAVISOS
  3. 3. Operações básicas com vetoresComposição & decomposição de vetoresDeterminação de vetores resultantesCondições de equilíbrio: aplicabilidade práticaBiomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaEstática – condições de equilíbrio
  4. 4. Avançar na revisão de funções trigonométricas básicas;Representar vetores utilizando uma escala e especificandointensidade, direção e sentido;Realizar operações com grandezas vetoriais, determinandoforças resultantes;Introduzir a resolução de diagramas de corpo livre paraanálises estáticas.Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaObjetivos
  5. 5. Introdução à biomecânica;Terminologia e conceitos básicos em biomecânica;Formas de movimentos;Revisão de cálculo.Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaRetrospectivaNo triângulo retângulo abaixo, encontre o x.
  6. 6. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaÂnguloβ αvérticeAαO
  7. 7. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaÂngulosÂngulo obtuso. Ângulo raso. Ângulo giro.(90° < α < 180°) (α = 180°) (α = 360°)α α αÂngulo nulo. Ângulo agudo. Ângulo reto.(α = 0°) (0° < α < 90°) (α = 90°)Ângulos complementares. Ângulos suplementares. Ângulos vertic. opostos.(α + β = 180°) (α + β = 90°) (α + β + α’ + β’ = 360°)α α ααβαββαα’ β’
  8. 8. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaDeterminando ângulos de modo simples1 grau = 57,3 radianos
  9. 9. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaÁlgebra vetorial - elementarGrandezas escalaresGrandezas vetoriaisVetoresDecomposição de vetoresAdição de vetores
  10. 10. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaGrandezas escalares ou vetoriais?MassaTemperaturaComprimentoTempoForçaVelocidadeAceleração
  11. 11. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaGrandezas escalares ou vetoriais?
  12. 12. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaVetoresFpeso
  13. 13. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaVetorVetores são segmentos dereta orientados usados pararepresentar grandezasvetoriais. Um vetor possuiintensidade ou módulo,direção e sentido.
  14. 14. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaVetorPor enquanto, consideremos: Representação gráficaIntensidadeOrientaçãoPonto deaplicaçãoDireção
  15. 15. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaQuick reminderFunções trigonométricasTeorema de Pitágoras
  16. 16. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores?
  17. 17. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores
  18. 18. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores
  19. 19. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores?
  20. 20. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetores++- -
  21. 21. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetoresab2b2avvtanvvv =θ+=
  22. 22. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaOperações com vetoresθ⋅⋅⋅++= cosvv2vvv ba2b2a
  23. 23. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Situação aplicadaForça (Fm) exercida pelo ______________ na sua _____________
  24. 24. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Adiantando um pouco as coisas.....Fd TorqueT = F . d┴Componente rotatória, Componente de compressão
  25. 25. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!ɵDado que:Fm = 450 N= 20ºɵsen 20º = 0,342cos 20º = 0,939tang 20º = 0,363Qual o valor da componente de rotação?Qual o valor da componente de compressão?Digamos que a inserção do deltóide está distante 10 cm do centro de rotação doombro, qual o torque gerado pelo deltóide?
  26. 26. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Gastrocnêmio medialInserção Proximal: Côndilo medial dofêmurInserção Distal: CalcâneoInervação: Nervo Tibial (S1 - S2)Ação: Flexão do joelho e flexãoplantar do tornozeloGastrocnêmio lateralInserção Proximal: Côndilo lateral dofêmurInserção Distal: CalcâneoInervação: Nervo Tibial (S1 - S2)Ação: Flexão do joelho e flexãoplantar do tornozeloAs duas cabeças do gastrocnêmio trabalhamjuntas para produção de força. Na situação aolado, quanta força está sendo gerada?M = 30 NL = 25 N= 50ºƟsen 50º = 0,766cos 50º = 0,642tang 50º = 1,191
  27. 27. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!F
  28. 28. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Sendo F = 300 N, e o = 40ºɵQuanta força está sendo transmitidapara a rotação?Digamos que uma pessoa de 70 kgempurre o pedal com uma força de300 N, e o pedivela tenha 175 mm decomprimento.Qual o torque gerado?sen40º = 0,642cos40º = 0,766tan40º = 0,839F
  29. 29. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHands on!Sendo F = 300 N, e o = 40ºɵQuanta força está sendo transmitidapara a rotação?Digamos que uma pessoa de 70 kgempurre o pedal com uma força de300 N, e o pedivela tenha 175 mm.Qual o torque gerado?FFtsen40º = 0,642cos40º = 0,766tan40º = 0,839
  30. 30. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaPráticaExercícios lista 2
  31. 31. Biomecânica - http://sites.google.com/site/biomecunipampaHK = Hamill J; Knutzen KM. Bases biomecânicas do movimento humano. 2ªedição. Editora Manole, 2008OF = Okuno E; Fratin L. Desvendando a física do corpo humano. Biomecânica.Editora Manole, 2003.HA = Hall S. Biomecânica básica. 4ª edição. Guanabara Koogan, 2009.ENO = Enoka RM. Bases neuromecânicas da cinesiologia. 2ª edição. Manole,2000.NF = Nordin M; Frankel VH. Biomecânica básica do sistema musculoesquelético.3ªedição. Guanabara Koogan, 2008.WZ = Whiting WC; Zernicke RF. Biomecânica funcional e das lesõesmusculoesqueléticas. 2ª edição. Guanabara Koogan, 2009.Referências básicas

×