Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Terceira fase domodernismo no Brasil
Introdução
A terceira fase do modernismo ficou conhecida pela expressão“geração 45”, e nela cabe distinguir os rumos da prosa e dapoe...
Contexto histórico
Historicamente, vive-se, o final da segunda geração mundial e oinício da guerra fria.No Brasil, esse período concedi como ...
Características Principais
Caracterizou-se por sua oposição a liberdade de formal, aincorporação da linguagem coloquial e a temáticaregionalista ante...
Retrocesso em relação às conquistas de 22.Volta ao passado: revalorização da rima, da métrica, do vocabulário eruditoe das...
Principais autores e suas obras
João Cabral de Melo Neto (1920-1999)Nasceu em 1920, no Recife, PE. Passou a infância e partida juventude no ambiente dos e...
Autor de vasta obra poética, João Cabral já seafirma a partir de seu segundo livro O Engenheiro(1945) e da trilogia Psicol...
Ucrânia de nascimento veio pequena para o Brasil,tendo o passado a infância em Sergipe.Em 1937, órfã de mãe, a família mud...
Romancista e contista, e autora de obrarazoavelmente extensa da qual, entre outros, citamosos romances A maca no escuro, A...
Nasceu em Cordisburgo,MG. Formando-se em medicina, em BeloHorizonte, vai exercer a profissão no interior mineiro e narevol...
Bibliografia:http://pqgustavo.blogspot.com.br/2010/11/3-fase-do-modernismo.htmlhttp://pt.scribd.com/doc/3373897/Literatura...
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

Terceira fase do Modernismo no Brasil

128.778 Aufrufe

Veröffentlicht am

Terceira fase do Modernismo no Brasil

  1. 1. Terceira fase domodernismo no Brasil
  2. 2. Introdução
  3. 3. A terceira fase do modernismo ficou conhecida pela expressão“geração 45”, e nela cabe distinguir os rumos da prosa e dapoesia.No campo da prosa deu-se propriamente continuidade eaprofundamento das propostas do “romance de 30”, não só emsua virtude regionalismo, mas também na linha urbana e nalinha introspectiva, psicológica, acentuando-se, porem, apreocupação técnico-formal. No primeiro caso, o melhorexemplo e João Guimarães rosa, que inicia com seu livro decontos Sagarana (1946), assim como na linha intimista se destacaClarice Lispector, estreando com o romance Perto do coraçãoselvagem (1994).Na poesia, essa geração também foi chamada de neomodernistae ate pos-modernista.
  4. 4. Contexto histórico
  5. 5. Historicamente, vive-se, o final da segunda geração mundial e oinício da guerra fria.No Brasil, esse período concedi como fim da ditadura Vargas e oinicio de uma fase democrática e desenvolvimentista.E a parte daí que o Brasil começa a ter visão de crescimento,como não podia deixar de ser, a literatura também sentiunecessidade de renovação.A terceira fase toma rumos diferentes tanto na prosa como napoesia.Na poesia, as tendências para a preocupação social, filosófica,religiosa e política já não satisfaz mais as necessidades de nossospoetas. Há um interesse por novas propostas.O mesmo com a prosa, tanto o romance quanto o conto estãovoltados para uma prosa de introspecção e também se voltampara um regionalismo renovado.
  6. 6. Características Principais
  7. 7. Caracterizou-se por sua oposição a liberdade de formal, aincorporação da linguagem coloquial e a temáticaregionalista anteriormente propostas e propunha-se umatemática universalista, e uma volta ao rigor expressional,revalorizando o verso metrificado e o cultivo da normaculta. Péricles Eugenio, Geir Campos, Ledo Ivo, Domingoscarvalho da Silva, são alguns dos poetas maisrepresentantes dessa tendência, que na opinião de muitoscríticos constitui um retrocesso ao formalismo parnasiano.Nesse período, porem, sobressai-se João Cabral, quemembora adotado as propostas formalistas consiga superaras limitações ai contidas.
  8. 8. Retrocesso em relação às conquistas de 22.Volta ao passado: revalorização da rima, da métrica, do vocabulário eruditoe das referências mitológicas. Passadismo, academicismo. Introdução de uma nova cultura internacional nas letras brasileiras.Os grandes criadores de 45, que retomam e fecundam as experiênciasdesenvolvidas no país Prosa João Guimarães Rosa e Clarice Lispector. Poesia: João Cabral de Melo Neto.Literatura: constante pesquisa da linguagem + senso do compromisso entrearte e realidade, engajamento. Síntese de ambas as gerações: experimentalismo + maturidade artística;nacionalismo + universalismo. Guimarães Rosa: narrativas mito poéticas, que resgatam a sutileza do eloentre a fala e o texto literário.Clarice Lispector: romances e contos introspectivos, que dialogam com asfronteiras do indizível. João Cabral: poesia que associa compromisso social e precisãoarquitetônica, substantiva.
  9. 9. Principais autores e suas obras
  10. 10. João Cabral de Melo Neto (1920-1999)Nasceu em 1920, no Recife, PE. Passou a infância e partida juventude no ambiente dos engenhos do nordeste.Após a estréia com seu livro de poemas Pedro doSono,em 1942, mudou-se para o rio de janeiro.Ingressou na carreira diplomática, tendo servido emBarcelona, Londres, Servilha, Genebra e várias outrascidades européias, na America Latina e África.Aposentando-se, foi morar no Rio de Janeiro, ondefaleceu em 1991.
  11. 11. Autor de vasta obra poética, João Cabral já seafirma a partir de seu segundo livro O Engenheiro(1945) e da trilogia Psicologia da Composição,Fabula de Anfion e Antiode.Suas poesias apresentam diversas facetas ecaracterísticas.•Preocupação explicita com os aspectos formais daconstrução do poema.•O interesse pela questão social.•A metalingüística- função da linguagem que utilizacódigo- usa a poesia para falar da poesia.
  12. 12. Ucrânia de nascimento veio pequena para o Brasil,tendo o passado a infância em Sergipe.Em 1937, órfã de mãe, a família muda-se para o RJ.Quando cursava direito, escreveu e publicou seuprimeiro romance: Perto do Coração, Selvagem(1944), com o qual ganhou o premio Graça Aranha.Morreu no Rio de Janeiro, vitima por câncergeneralizado.
  13. 13. Romancista e contista, e autora de obrarazoavelmente extensa da qual, entre outros, citamosos romances A maca no escuro, A Hora da Estrela.Características marcantes:•Suas obras e densamente introspectiva.•Linguagem simples.•Ocorrência da “epifania”, ou seja, a personagem emdado momento de sua vida.•Atemporalidade, não se preocupa com a unidade decomeço, meio e fim.
  14. 14. Nasceu em Cordisburgo,MG. Formando-se em medicina, em BeloHorizonte, vai exercer a profissão no interior mineiro e narevolução Constitucionalista de 32, engrena voluntariamente,como medico na Forca Publica.Em 1934, presta concursa no Itamarati e entra para a carreiradiplomática, desempenhando missões na Alemanha, Colômbia efrança (1938-1951). Eleito em 63 para a academia Brasileira deletra, foi adiando a posse, pois receava que a emoção lhe pudesseser fatal, só tomou a posse em 16 de novembro de 1967. Três diasdepois morria, vitima de infarto.Como contista, e autor de Iagarena (1946), Corpo de baile (1956).Como romancista escreveu grande sertão: Veredas (1956).Suas narrativas brotam do universo sertanejo, que o escritorrecria pela forca de sua função e linguagem.
  15. 15. Bibliografia:http://pqgustavo.blogspot.com.br/2010/11/3-fase-do-modernismo.htmlhttp://pt.scribd.com/doc/3373897/Literatura-Aula-26-Modernismo-no-Brasil-3-fase.Cd:MegaPrayBox

×