Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Maria João Spilker
06/2016
Introduction
“We tend to overestimate the effect
of a technology in the short run
and underestimate the effect in the
long...
Cadeia de Valor da …
Aprendizagem
Transferência do Conhecimento
Desenvolvimento de Competências
Alteração de Comportame...
Micro-Learning
• Alterações no mundo empresarial globalizado
• Tecnologia
• Necessidade de constante atualização de conhec...
Micro-learning
Obstáculos à Formação
• Falta de tempo
• Falta de suporte
• Falta de recursos
• Falta de interesse e
motiva...
Micro-Learning
Motivante e interessante
Rápida e efetiva no atualizar de conhecimentos
Eliminar lucas de conhecimentos
Con...
Micro-Learning
Aprendizagem informal
Aprendizagem situada local de trabalho
Aprendizagem móvel
Micro-Learning | Nano-Learn...
Do it Yourself
Maria João Spilker
06/2016
Maria João Spilker
06/2016
Maria João Spilker
06/2016
Micro-Learning
Micro-
Meso- Learning
Macro-
Programa de Formação
Reorganização em mini-cursos
Pequenos fragmentos de inf...
Microlearning
• Interação com os microconteúdos
Plataformas, blogs, microblogs, wikis, etc.
• Realização de uma tarefa de ...
Microlearning
• Aumento da produtividade:
o Módulos curtos  menor ausência do local de trabalho
o “fits into workflow”
• ...
“Bago a bago, enche a galinha o papo”“Bago a bago, enche a galinha o papo”
https://www.flickr.com/photos/unitedsoybean/962...
Maria João Spilker
06/2016
Referências
• Hug, T. (2005): Micro learning and narration. Exploring possibilities of utilization
of narrations and story...
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

Inspired training: Micro-Learning

188 Aufrufe

Veröffentlicht am

Inspired training: Micro-Learning

Veröffentlicht in: Bildung
  • Als Erste(r) kommentieren

  • Gehören Sie zu den Ersten, denen das gefällt!

Inspired training: Micro-Learning

  1. 1. Maria João Spilker 06/2016
  2. 2. Introduction “We tend to overestimate the effect of a technology in the short run and underestimate the effect in the long run.” Roy Charles Amara (1925-2007) Institute for the Future Amara’s Law Maria João Spilker 06/2016
  3. 3. Cadeia de Valor da … Aprendizagem Transferência do Conhecimento Desenvolvimento de Competências Alteração de Comportamentos Impacto no Negócio Retorno do investimento (ROI) Maria João Spilker 06/2016
  4. 4. Micro-Learning • Alterações no mundo empresarial globalizado • Tecnologia • Necessidade de constante atualização de conhecimentos Introdução Maria João Spilker 06/2016
  5. 5. Micro-learning Obstáculos à Formação • Falta de tempo • Falta de suporte • Falta de recursos • Falta de interesse e motivação Maria João Spilker 06/2016
  6. 6. Micro-Learning Motivante e interessante Rápida e efetiva no atualizar de conhecimentos Eliminar lucas de conhecimentos Contribuir para a alteração de comportamentos e atitudes Formação
  7. 7. Micro-Learning Aprendizagem informal Aprendizagem situada local de trabalho Aprendizagem móvel Micro-Learning | Nano-Learning | Learning nuggets Tendências Maria João Spilker 06/2016
  8. 8. Do it Yourself Maria João Spilker 06/2016
  9. 9. Maria João Spilker 06/2016
  10. 10. Maria João Spilker 06/2016
  11. 11. Micro-Learning Micro- Meso- Learning Macro- Programa de Formação Reorganização em mini-cursos Pequenos fragmentos de informação Micro-Learning “… deals with relatively small learning units and short-term learning activities.” (Hug, 2009) Maria João Spilker 06/2016
  12. 12. Microlearning • Interação com os microconteúdos Plataformas, blogs, microblogs, wikis, etc. • Realização de uma tarefa de curta duração (< 15 min) • Desenvolvimento pessoal e profissional • Utilização de ferramentas tecnológicas • Estratégia de aprendizagem Caraterísticas Maria João Spilker 06/2016
  13. 13. Microlearning • Aumento da produtividade: o Módulos curtos  menor ausência do local de trabalho o “fits into workflow” • Potencia a retenção o Somente informações chave são apresentadas • Acessíveis o Redução de custos de criação e disponibilização • Flexibilidade o On-demand Benefícios Maria João Spilker 06/2016
  14. 14. “Bago a bago, enche a galinha o papo”“Bago a bago, enche a galinha o papo” https://www.flickr.com/photos/unitedsoybean/9624502532/
  15. 15. Maria João Spilker 06/2016
  16. 16. Referências • Hug, T. (2005): Micro learning and narration. Exploring possibilities of utilization of narrations and storytelling for the designing of “micro units” and didactical micro-learning arrangements. In: Proceedings of the International Conference "Media in Transition 4: The Work of Stories " at the M.I.T. in Cambridge (MA), USA, May 6-8, 2005. • ____ (2006). Microlearning: A new pedagogical challenge. In K. Habitzel, T. D. Mark, B. Stehno, & S. Prock (Eds.). Conference Series: Innsbruck University Press, 7-12. • ____ (2010). Mikrolernen - konzeptionelle Überlegungen und Anwendungsbeispiele. In Jahrbuch • Medienpädagogik 8: Medienkompetenz und Web 2.0, Wiesbaden: VS Verlag, 221- 238. Fotos: https://stocksnap.io/ Maria João Spilker 06/2016

×