Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
Ambiente:    Portaria do Ed. Saint`Gall, na Rua Barão da Torre, 247, Ipanema, RJ. Edifício residencial, com lojas no      ...
Desenvolvimento:Como “objetos” para segurança se destacam: a grade (moderna, em alumínio nacor branca); o remanejamento da...
Mapa de setorização       Descrição de sistemas e resumo esquemático                                                      ...
Portaria do Ed. Saint`gall / Disposição atual         Análise resumida do ambiente encontradoO sistema de entrada e portar...
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

Portaria Proj 2003

375 Aufrufe

Veröffentlicht am

  • Als Erste(r) kommentieren

  • Gehören Sie zu den Ersten, denen das gefällt!

Portaria Proj 2003

  1. 1. Ambiente: Portaria do Ed. Saint`Gall, na Rua Barão da Torre, 247, Ipanema, RJ. Edifício residencial, com lojas no térreo. Possui 10 apartamentos mais a residência do porteiro. Eduardo Histórico: O edifício residencial, necessita de uma modernização, com ênfase na segurança e elegância da portaria.SAGGESE Proposta: A principal preocupação é que o ambiente alem de bonito , fosse totalmente seguro. Mantendo o que se encontra no local, com pequenas adaptações, pode-se obter um bom resultado, elevar o gabarito do archi_designer ambiente e criar uma identidade visual.
  2. 2. Desenvolvimento:Como “objetos” para segurança se destacam: a grade (moderna, em alumínio nacor branca); o remanejamento das portas de vidro; instalações elétricas eeletrônicas; iluminação adequada.Se destacam pelo aspecto da decoração: Parede com técnica de stuco emsubstituição das placas de paviflex e na retirada dos espelhos; espelhosrealocados próximo ao elevador social como fundo para o aparador; pintura dasplacas de alumínio, que revestem o reservatório de gás; revestimento da fachadaem mármore e nesta, colocação da numeração do edifício. EduardoSAGGESE archi_designer
  3. 3. Mapa de setorização Descrição de sistemas e resumo esquemático Elevador Elevador Social Serviços Rampas de acesso especialAmbiente Amarelo: Ambiente Azul:A entrada principal do edifício, na Posto de trabalho do porteiro. É nestealteração feita, passa a ser espaço que devem se encontrarfechada por grades na fachada e todos os dispositivos de controle eem seguida à uma determinada ação do funcionário responsável, taisdistância, portas de vidro como: interruptores; interfone; Ambiente Verde:reforçam a segurança e cria-se monitores; alarmes; e etc. O menor espaço, mas não menos importante,uma câmara entre a grade e a O campo de visão deste posto é pois é nele que circula e comunica o fluxo que vaiporta, que funciona para melhorar bastante abrangente, pode-se vigiar para garagem, escadas e elevador de serviço.a ventilação, permitir o pontos estratégicos dos setores Aqui se faz a distribuição com todas as partes dorecebimento de correspondência amarelo e verde, pois se posiciona no edifício.e etc. centro da edificação, em posição Sugiro para melhorar o controle desta área, aLogo em seguida, destaco com mais elevada que na amarela. substituição da porta de madeira, por uma deimportância a área de espera ou Aqui o porteiro controla visualmente a vidro, aproveitando o blindex que sobra dahall de visita. É necessário que se entrada do edifício, a sala de espera, portaria, uma vez que a mesma não necessita deposicione as pessoas “estranhas” os elevadores e a passagem para as 2 portas “iguais” e de mesma função.ao condomínio na parte que escadas. ps.: O quadro de avisos merece uma atençãoantecede o local de vigilância do ps.: É relevante no projeto acentuar a especial. Mudanças simples e que não pesam noporteiro, para que o mesmo possa decoração desse ambiente, com bolso, como: fixa-lo em uma parede mais discretanão só controlar o visitante sem iluminação e ornamentação e selecionar as informações que nele sãotirar a atenção da entrada, bem adequadas, para manter o afixadas. É muito arriscado fornecer em local,como agir em caso de uma funcionário concentrado em suas que apesar de “reservado”, tais informações deeventualidade. atividades. moradores como: aniversariantes, etc.
  4. 4. Portaria do Ed. Saint`gall / Disposição atual Análise resumida do ambiente encontradoO sistema de entrada e portaria do Ed. Saint`Gall sofreu nesses últimos 30 anos uma série de modificações desde aalteração do próprio espaço físico. Pelo que sei o Edifício tivera no passado 2 entradas, sendo a principal pela ruaVinicius de Moraes (antiga Montenegro) e a outra na rua Barão da Torre, formando assim uma galeria. Remetendo-nos aos dias atuais, observamos que a passagem para a rua Vinicius não existe mais, e esta deu lugar a uma loja, Elevador Serviçosficando o espaço restante destinado ao uso da portaria principal de uso social. Conclui-se que o espaço utilizadoatualmente não foi pensado inicialmente como portaria.Uma das preocupações do condomínio, motivo de mudanças no esquema de organização desse espaço, asegurança do Edifício, é mais acentuada nos últimos tempos. Nota-se também que na medida em que avançam osperigos, a necessidade crescente de transformar o prédio em uma “fortaleza impenetrável”, traz alguns bonsresultados e por outro lado conseqüências negativas do ponto de vista funcional e até mesmo falhas de segurança.É bom lembrar antes de qualquer alteração, em um ambiente como este, que alterações mal resolvidas tendem a seperpetuar, ou pelo menos levam de 5 a 10 anos para serem corrigidas.No Ed. Saint`Gall temos alguns exemplos, que podemos tomar como base: Elevador Social1º No caso da portaria, se encontram, duas portas de “Blindex”, essas portas têm como característica “vedar” umambiente, mantendo a visibilidade. Sabemos que neste mesmo local se encontra a instalação de todo o gás deedifício, são 11 relógios e sempre tem algum vazamento. É nesse mesmo ponto que está instalado o posto doporteiro.2º O posto de trabalho do porteiro, é um ambiente mal resolvido, seu posicionamento em relação a dinâmica doedifício é ineficaz. Tendo o funcionário um campo de visão lateral à entrada e estando “preso” entre portas de vidro,aumentando a sensação de desconforto com a falta de circulação de ar, distanciado-o do acesso a parte interna doprédio e deixando o mesmo vulnerável à ação de bandidos, podendo ser rendido ao abrir a porta ou recebendoquaisquer correspondência.3º A porta de entrada (“Blindex” com “Insulfilme” escuro aplicado) tem como objetivo idealizado, a proteção do interiorda portaria, uma vez que a torna indevassável de fora para dentro. Mas esse mesmo efeito se torna um problema,quando uma ocorrência acontece dentro da portaria e o infrator tem a garantia de que o fato não será percebido porninguém que passe na rua.4º O sistema de controle a entrada ao edifício, não se apresenta operante, tendo o prédio principalmente nosmomentos em que há ausência de porteiro e não tendo vigia noturno, as suas portas trancadas a chave e semnenhum dispositivo ou mecanismo que permita ao morador abri-las de suas residências. Havendo a necessidade domorador descer, para pessoalmente abrir a portaria e ao entrar abrir 3 portas, podendo facilitar u se expor a perigos.5º A iluminação, é original da construção e não atende as necessidades de uma portaria moderna, o mesmo pode serdito para a instalação eletroeletrônica aparente. É bom lembrar a importância de uma boa iluminação, pode-se dizerque ela faz o fechamento de um ambiente, tornando um posto de trabalho até mais eficiente.

×