Successfully reported this slideshow.

Efeitos biológicos da radioactividade concluido 2

1.068 Aufrufe

Veröffentlicht am

Veröffentlicht in: Technologie, Business
  • Als Erste(r) kommentieren

Efeitos biológicos da radioactividade concluido 2

  1. 1. Efeitos Biológicos da Radioactividade
  2. 2. Que Efeitos Tem a Radioactividade • As radiações são um tipo de energia que fazem parte da natureza e também se encontram em aplicações artificiais e em certas aplicações médicas como a radioterapia para tratar do cancro e os raios X. Há muitos tipos de partículas nas radiações: as mais numerosas são do tipo gamam, que atravessam sem dificuldade os tecidos e entram em contacto com o DNA das células, precisamente onde se produz o efeito mais descrito já que podem provocar mutações celulares e provocar vários tipos de cancro.
  3. 3. Continuação• Por isso, desde que a radiação seja controlada, não representa qualquer risco para a saúde. O problema é quando a exposição deixa de ser um momento pontual e se transforma numa situação normal: neste caso pode provocar efeitos secundários como queimaduras na pele, queda de cabelo, diarreias, náuseas ou vómitos, ou ainda efeitos a longo prazo (fundamentalmente cancro), sobretudo leucemias.
  4. 4. Alterações Biológicas • Os efeitos biológicos provenientes deste contacto entre radiação e átomos podem ser categorizados em efeitos somáticos, que são alterações que ocorrem nas células somáticas, e que podem ser imediatos ou tardios consoante a quantidade total de radiação absorvida, e em efeitos sintomáticos hereditários que são transmitidos à descendência do individuo pois a radiação afectou as suas células reprodutoras.
  5. 5. Efeitos Somáticos • Os efeitos somáticos imediatos resultam de um grande nível de exposição num curto espaço de tempo, e revelam-se também num curto espaço de tempo (horas, dias ou semanas). • Alguns efeitos são: queimaduras, como já referido, radiodermite (que pode originar tumores malignos na PELE), cataratas, esterilidade temporária ou definitiva, anemias, leucemia, trombocitopenia e úlceras no aparelho digestivo.

×