Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.
ORGANIZAÇÕES DA SOCIEDADE CIVIL
GESTÃO FINANCEIRA - DESAFIOS
Conteúdo
Contexto
As Organizações
Desafios
Crescimento da População Mundial
Estimativas de crescimento da População Mundial
Crescimento da população mundial
NECESSIDADES e PROBLEMAS
 Produção de alimentos
 Geração de energia
 Serviços de saúde...
IMPACTOS E PREÇOS
a pagar
 O Ter, como critério de avaliação
 O consumir sempre mais e com satisfação imediata.
 A ansi...
IMPACTOS E PREÇOS
a pagar
Para os governos
 Problemas tornam-se cada vez mais complexos
 Problemas globais x autoridade ...
IMPACTOS E PREÇOS
a pagar
Para as empresas
 Aumento do poder de influência: concentração de recursos
econômicose de recur...
IMPACTOS E PREÇOS
a pagar
Para a sociedade civil
 É chamada a ocupar espaços estratégicos, não atendidos pelo
poder públi...
Organizações da Sociedade Civil
O TRÍPLICE PAPEL
TERCEIRO SETOR E ORGANIZAÇÕES SOCIAIS
UMA VISÃO DE PERFIL
Estudo
FASFIL
Fundações privadas e Associações Sem Fins Lucrativ...
FASFIL 2010 (CEMPRE/IBGE )
 Crescimento das organizações:
 157% entre 1996 e 2002
Nos anos 90, só na Cidade de São Paul...
FASFIL 2010 (CEMPRE/IBGE )
 44% na região Sudeste
 4.9% dos trabalhadores assalariados do país
 2.1 milhões (56.4% em S...
 O setor é amplo e em crescimento
 É diversificado, fragmentado e, ainda, pouco
“profissionalizado”, embora esta condiçã...
É preciso lembrar:
TODAS AS ORGANIZAÇÕES TÊM:
ESTRATÉGIA: Como resposta a desafios e oportunidades oferecidos
pelo Ambient...
“A tecnologia da informação conferiu à sociedade civil
mais poder para se tornar a verdadeira guardiã da
democracia e da g...
Contexto
Cenário econômico incerto
Aumento da concorrência
 Escassez de recursos
... Gestão financeira = sobrevivência!!!
Gestão Financeira
O gestor executa
a missão
objetivando a
sustentabilidade
da organização.
Fazer o bem não é suficiente,
é...
Gestão Financeira
• Gestão do Risco
• Interno (roubo, incêndio, organização, etc)
• Externo (mercado, investidores, etc)
•...
• Garantir disponibilidade de dinheiro
para as atividades fim
• Cumprir obrigações legais e fiscais
• Oferecer informações...
Organizações da Sociedade Civil
DESAFIOS
Desafios
Comprometimento X “salvar vidas”
• Pessoas em primeiro lugar
• Mas, alguém, em algum lugar, registra o uso
dos re...
Desafios
Controle Orçamentário
• Pressão para usar os recursos no prazo
• Alteração de valores orçados
• Recursos restrito...
Desafios
Gestão do Dinheiro
• Alta dependência de compras em dinheiro
• Projetos envolvem grandes somas de dinheiro
utiliz...
Desafios
Compras
• Processos e procedimentos difíceis de seguir
em um locais devastados (cotações,
aprovações, fornecedore...
Desafios
Manutenção de Registros Contábeis
• Registros em campo nem sempre realizados
• Dificuldades em obter notas fiscai...
Desafios
Um Projeto, Muitos Donos
• Diversas origens de recursos  complexidade
• Cada investidor tem regras próprias e in...
Boas Práticas
Sistemas financeiros robustos
• registros, políticas e procedimentos
• aplicável à organização e seu ambient...
Gestão financeira:
uso dos recursos
humanos,
materiais e
financeiros
Controle Financeiro
Somente ocorre quando os sistemas e
procedimentos são estabelecidos para
assegurar que os recursos est...
MUITO OBRIGADA
Beatriz Ribeiro Machado
beatriz@amfconsultoria.com
Nächste SlideShare
Wird geladen in …5
×

Organizações da Sociedade Civil - Gestão Financeira - Desafios

436 Aufrufe

Veröffentlicht am

Apresentação para turma do Terceiro Ano do Senac - Santo Amaro para apoio à preparação do Projeto Integrador - PI

Veröffentlicht in: Bildung
  • Als Erste(r) kommentieren

Organizações da Sociedade Civil - Gestão Financeira - Desafios

  1. 1. ORGANIZAÇÕES DA SOCIEDADE CIVIL GESTÃO FINANCEIRA - DESAFIOS
  2. 2. Conteúdo Contexto As Organizações Desafios
  3. 3. Crescimento da População Mundial
  4. 4. Estimativas de crescimento da População Mundial
  5. 5. Crescimento da população mundial NECESSIDADES e PROBLEMAS  Produção de alimentos  Geração de energia  Serviços de saúde  Sistema de educação  Oportunidades de emprego  Tendência de urbanização: moradia, saneamento, transporte...
  6. 6. IMPACTOS E PREÇOS a pagar  O Ter, como critério de avaliação  O consumir sempre mais e com satisfação imediata.  A ansiedade causada pelo sentido de urgência e de não poder perder qualquer oportunidade.  O estímulo crescente para a competição.  O efeito “panqueca”: muita informação e pouco conhecimento.  Ausência de consciência crítica, disfarçada de falsa autonomia.  Perda do sentido de cidadania e da noção de espaço público.  A sensação de “não ser possível se fazer diferente”. Domínio da ética do ”primeiro eu”, marcada por uma profunda falta de solidariedade.
  7. 7. IMPACTOS E PREÇOS a pagar Para os governos  Problemas tornam-se cada vez mais complexos  Problemas globais x autoridade local  Inadequação das instituições  Crescente dependência e transferência de responsabilidades para outros setores
  8. 8. IMPACTOS E PREÇOS a pagar Para as empresas  Aumento do poder de influência: concentração de recursos econômicose de recursos de pesquisa e inovação.  Dependência da qualidade e da estabilidade do ambiente social: o Mão de obra qualificada o Disponibilidade de energia o Estabilidade no governo, respeito ao Estado de Direito e direitos de propriedade o Proteção ao consumidor e as empresas competitivas o Sociedade saudável que possibilite a efetiva expansão da demanda Sociedade, em grande parte, ainda despreparadas para assumir o seu papel social.
  9. 9. IMPACTOS E PREÇOS a pagar Para a sociedade civil  É chamada a ocupar espaços estratégicos, não atendidos pelo poder público.  Passa a desempenhar o papel de “fiel da balança” entre os outros dois setores.  Tem como um ponto forte a alta mobilidade, a possibilidade de funcionar em rede.  Tem como instrumento de ação, as organizações sociais, cujo perfil é muito diversificado. Organizações sociais são feitas de indivíduos. É para ele que deve estar voltado o olhar.
  10. 10. Organizações da Sociedade Civil O TRÍPLICE PAPEL
  11. 11. TERCEIRO SETOR E ORGANIZAÇÕES SOCIAIS UMA VISÃO DE PERFIL Estudo FASFIL Fundações privadas e Associações Sem Fins Lucrativos no Brasil IBGE – IPEA – ABONG – GIFE Base 2010 – Publicação 2012
  12. 12. FASFIL 2010 (CEMPRE/IBGE )  Crescimento das organizações:  157% entre 1996 e 2002 Nos anos 90, só na Cidade de São Paulo, foram registradas mais de 1.000 entidades por ano.  22.6% entre 2002 e 2005, e  8.8%: de 267.3 mil (2005) a 290.7 (2010)  Em 2010 a idade média das Organizações era de 14,4 anos
  13. 13. FASFIL 2010 (CEMPRE/IBGE )  44% na região Sudeste  4.9% dos trabalhadores assalariados do país  2.1 milhões (56.4% em SP, MG e RJ)  33% com nível superior  72.1% não possuem assalariados  1.2% das organizações com mais de 100 assalariados (1.3 milhões de pessoas) ftp://ftp.ibge.gov.br/Fundacoes_Privadas_e_Associacoes/2010/fasfil.pdf
  14. 14.  O setor é amplo e em crescimento  É diversificado, fragmentado e, ainda, pouco “profissionalizado”, embora esta condição tenha evoluído bastante.  Sua atuação ainda é pouco monitorada pelos órgãos de fiscalização.  Representatividade expressiva de organizações voltadas para a defesa de direitos e interesses dos cidadãos.  A atuação em rede ainda muito limitada Visão Geral TERCEIRO SETOR
  15. 15. É preciso lembrar: TODAS AS ORGANIZAÇÕES TÊM: ESTRATÉGIA: Como resposta a desafios e oportunidades oferecidos pelo Ambiente Externo. ESTRUTURA: Entendida como recursos existentes para dar corpo à Estratégia. CULTURA: Valores e práticas que regem a vida da organização. CONHECIMENTO: Maior patrimônio da organização. Envolve tudo que ela aprendeu no exercício concreto da luta pela sua causa e pelo cumprimento de sua Missão.
  16. 16. “A tecnologia da informação conferiu à sociedade civil mais poder para se tornar a verdadeira guardiã da democracia e da governabilidade em toda a parte. Os opressores não podem mais se esconder nos limites de suas fronteiras. Uma sociedade civil fortalecida, unida através de todas as fronteiras com a ajuda das comunicações modernas, não lhes permitirá fazê-lo. De certo modo, a sociedade civil tornou-se a nova superpotência: pessoas determinadas a promover melhores padrões de vida numa liberdade mais ampla. Cada movimento começa em algum lugar - usualmente da ruptura. Não existem mais limites ao que pode ser alcançado pelas campanhas do amanhã, campanhas ainda não concebidas, para causas não articuladas, defendidas por corações e mentes ainda em formação. E basta àquelas mentes únicas acreditarem que suas missões são mais importantes, e também serão provavelmente capazes de torná-las as mais bem sucedidas”. Equador, Março de 2001. Fórum das Américas. Secretário Geral da ONU, Kofi Annan.
  17. 17. Contexto Cenário econômico incerto Aumento da concorrência  Escassez de recursos ... Gestão financeira = sobrevivência!!!
  18. 18. Gestão Financeira O gestor executa a missão objetivando a sustentabilidade da organização. Fazer o bem não é suficiente, é necessário Fazer Bem-Feito.
  19. 19. Gestão Financeira • Gestão do Risco • Interno (roubo, incêndio, organização, etc) • Externo (mercado, investidores, etc) • Gestão Estratégica • Manter a visão do todo Conhecer o ambiente onde atuam para reagir às mudanças de condições e se antecipar a elas
  20. 20. • Garantir disponibilidade de dinheiro para as atividades fim • Cumprir obrigações legais e fiscais • Oferecer informações precisas para a tomada de decisão • Apoiar a organização na busca constante de melhores resultados Principais objetivos do gestor financeiro:
  21. 21. Organizações da Sociedade Civil DESAFIOS
  22. 22. Desafios Comprometimento X “salvar vidas” • Pessoas em primeiro lugar • Mas, alguém, em algum lugar, registra o uso dos recursos • Se a organização falha no controle financeiros, prestações de contas podem ser recusadas e a credibilidade, perdida
  23. 23. Desafios Controle Orçamentário • Pressão para usar os recursos no prazo • Alteração de valores orçados • Recursos restritos X Recursos Irrestritos • Gastos no campo – difícil monitorar gastos limitados aos valores orçados • Relatórios semanais para acompanhamento nem sempre disponíveis
  24. 24. Desafios Gestão do Dinheiro • Alta dependência de compras em dinheiro • Projetos envolvem grandes somas de dinheiro utilizadas rapidamente • Fluxo de Caixa – disponibilidade quando precisa • Estrutura bancária pode ser limitada • Segurança do dinheiro – em trânsito e no campo
  25. 25. Desafios Compras • Processos e procedimentos difíceis de seguir em um locais devastados (cotações, aprovações, fornecedores, etc) • Logística para aquisição, estocagem e transporte de grande volume de material • Autoridade para gastar nem sempre clara • Grandes oportunidades para fraude
  26. 26. Desafios Manutenção de Registros Contábeis • Registros em campo nem sempre realizados • Dificuldades em obter notas fiscais e orçamentos • Pagamentos efetuados em locais diferentes, por pessoas diferentes dificultam a captura das transações em tempo real Decreto nº 7.979, de 8 de abril de 2013, Instrução Normativa RFB nº 1.420, de 19 de dezembro de 2013
  27. 27. Desafios Um Projeto, Muitos Donos • Diversas origens de recursos  complexidade • Cada investidor tem regras próprias e incluem: o Pouca flexibilidade entre itens do orçamento o Data para disponibilização do recurso o Registros mandatórios e relatórios requeridos
  28. 28. Boas Práticas Sistemas financeiros robustos • registros, políticas e procedimentos • aplicável à organização e seu ambiente Sistemas abertos e confiáveis • incluindo relatórios a todos os stakeholders Equipe preparada • gestão financeira integrada à gestão de projetos
  29. 29. Gestão financeira: uso dos recursos humanos, materiais e financeiros
  30. 30. Controle Financeiro Somente ocorre quando os sistemas e procedimentos são estabelecidos para assegurar que os recursos estão sendo utilizados para gerar o máximo efeito.
  31. 31. MUITO OBRIGADA Beatriz Ribeiro Machado beatriz@amfconsultoria.com

×