Diese Präsentation wurde erfolgreich gemeldet.
Wir verwenden Ihre LinkedIn Profilangaben und Informationen zu Ihren Aktivitäten, um Anzeigen zu personalisieren und Ihnen relevantere Inhalte anzuzeigen. Sie können Ihre Anzeigeneinstellungen jederzeit ändern.

Modelo de Formação do "Pequeno" Jogador

13.638 Aufrufe

Veröffentlicht am

Carlos Sacadura - AF Guarda 2011

Veröffentlicht in: Sport
  • Als Erste(r) kommentieren

Modelo de Formação do "Pequeno" Jogador

  1. 1. ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DA GUARDA Carlos Sacadura Outubro de 2011
  2. 2.  Possibilitar a todas as crianças do nosso distrito a oportunidade de praticar futebol como um desporto de recreação, tempo livre e formação;  Utilizar as aprendizagens da prática do futebol para uma formação integral da criança, a aquisição de hábitos de educação, higiene e estudo, que lhe possam ser úteis no futuro como membros ativos da sociedade;  Descobrir talentos e formá-los de maneira a criarmos bases para as futuras equipas do distrito e do futebol nacional.
  3. 3. JUSTIFICAÇÃO “Planificar a formação do jovem futebolista é como preparar-se para uma viagem. É aconselhável ter um mapa (programa) à disposição e assim evitar perder-se e desaproveitar desnecessariamente tempo e energia” (Wein, 1995)
  4. 4. JUSTIFICAÇÃO “É necessário adaptar o jogo à criança e não obrigar o jovem futebolista a adaptar-se ao jogo dos adultos” (Wein, 1995)
  5. 5. 3X3 PETIZES 4X4 TRAQUINAS 5X5 BENJAMINS 7X7 INFANTIS 11X11 10x15 (4 balizas) 18x18m 40X20m 60x40m 110x64m
  6. 6. JOGADOR – BOLA – BALIZA – COMPANHEIROS E ADVERSÁRIOS (3X3) JOGADOR – BOLA – BALIZA – COMPANHEIRO E ADVERSÁRIO (2X2) RELAÇÃO JOGADOR – BOLA – BALIZA – ADVERSÁRIO (1X1) RELAÇÃO JOGADOR – BOLA - BALIZA RELAÇÃO JOGADOR - BOLA CAP. COORDENATIVAS
  7. 7. • Capacidade de reação, orientação espacial, lateralidade, equilíbrio, ritmo e a noção de tempo CAP. COORDENATIVAS • Domínio da bola e equilíbrio do corpo • Utilizar diferentes superfícies de contacto com a bola e retirar progressivamente o olhar da bola • Percepcionar as diferentes trajetórias da bola RELAÇÃO JOGADOR – BOLA • Construir a noção das balizas e as suas funções • Construir RELAÇÃO JOGADOR – BOLA a noção de defesa e ataque – BALIZA • Noção do adversário e o duelo 1x1 • Leitura do “espaço próximo” e “espaço médio” • Princípios do ataque: Penetração (ações técnico-tácticas associadas) • Princípios da defesa: Contenção (Marcação) (ações técnico-tácticas associadas) RELAÇÃO JOGADOR – BOLA – BALIZA – ADVERSÁRIO (1X1)
  8. 8. CAP. COORDENATIVAS RELAÇÃO JOGADOR – BOLA RELAÇÃO JOGADOR – BOLA – BALIZA RELAÇÃO JOGADOR – BOLA – BALIZA – ADVERSÁRIO (1X1) • Criar o hábito de se deslocar e estar constantemente em movimento, passar e receber a bola, “jogo a 2” •Desmarcações e combinações • Coberturas defensivas e ofensivas •Marcação zonal JOGADOR – BOLA – BALIZA – COMPANHEIRO E ADVERSÁRIO (2X2)
  9. 9. CAP. COORDENATIVAS RELAÇÃO JOGADOR – BOLA RELAÇÃO JOGADOR – BOLA – BALIZA RELAÇÃO JOGADOR – BOLA – BALIZA – ADVERSÁRIO (1X1) JOGADOR – BOLA – BALIZA – COMPANHEIRO E ADVERSÁRIO (2X2) • Jogar com os companheiros, progredindo no terreno e tendo uma ocupação racional do espaço • Princípios específicos JOGADOR – BOLA – BALIZA – COMPANHEIROS E ADVERSÁRIOS (3X3
  10. 10. CATEGORIA ACTIVIDADE ESPAÇO BALIZAS BOLA TEMPO JOGO Nº MÍN E MÁX DE JOGADORES BENJAMINS 5X5 40x20 m 3x2m Nº4 3x10’ e 2x 2’ intervalo 7/10 TRAQUINAS 4X4 20x15 m 3x2m Nº4 2x10’ 5’ intervalo 6/8 PETIZES 3X3 15x10 m 1x1m Nº3 2x10’ 5’ intervalo 5/6
  11. 11. 2011/12
  12. 12. Nos Encontros de Benjamins será disputado um mini-torneio de Futebol de 5, para o efeito são utilizadas as regras de futebol de 11 com as seguintes adaptações:  Campo de Futebol de Futsal (40X20, aprox) e balizas de 3x2;  5 Jogadores efectivos e 5 suplentes;  Bola Nº4;  A lei do fora de jogo é abolida;  Substituições corridas;  Jogos com 3 x 10´ e 2 x 2´de intervalo;  Todos os jogadores têm que obrigatoriamente jogar pelo menos 1 período completo de 10’;  Os jogos serão arbitrados por colegas/ “árbitros” de outras equipas.  A “reposição da bola em jogo” pelo guarda-redes (após a bola ter saído pela linha de fundo ou após uma defesa) deve ser efectuada apenas com as mãos.  Os lançamentos de linha lateral são efectuados com as mãos.
  13. 13. OBJETIVOS GERAIS:  Proporcionar situações de aprendizagem no contexto da arbitragem para a criação de uma futura “Escola de Árbitros”;  Dar a possibilidade de atletas menos talentosos participarem no âmbito desportivo com outras tarefas e funções;  Desenvolver o gosto pela arbitragem e proporcionar uma carreira desportiva desse âmbito.
  14. 14. BENJAMINS INFANTIS FUT. JOVEM • SUB13 • INICIAÇÃO • GOSTO CLUBE CLUBE • SUB15 • ÁRBITRO ASSISTENTE • FORMAÇÃO • SUB 19 • ÁRBITRO JOVEM ARBITRAGEM
  15. 15. Nos Encontros de Traquinas será disputado um mini-torneio de Futebol de 4, para o efeito são utilizadas as regras de futebol de 11 com as seguintes adaptações: • ½ campo de Futsal (de acordo com o esquema em anexo) e balizas de 3x2; • 4 jogadores efectivos e 4 suplentes; / Bola Nº4; • Gr “avançado”, qualquer jogador pode assumir durante o decorrer do jogo as funções de GR, no entanto, em cada jogada só pode ser um elemento a assumir essas funções; • A lei do fora de jogo é abolida; • Substituições corridas; • Jogos com 2 x 10´ e 5´de intervalo; • Os jogos serão “controlados” pelos responsáveis técnicos das equipas; • A “reposição da bola em jogo” pelo guarda-redes (após a bola ter saído pela linha de fundo ou após uma defesa) deve ser efectuada apenas com as mãos. • Os lançamentos de linha lateral são efectuados com as mãos.
  16. 16. Nos Encontros de Petizes será disputado um mini-torneio de Futebol de 3, para o efeito são utilizadas as regras de futebol de 11 com as seguintes adaptações: • 1/4 campo de Futsal (de acordo com o esquema em anexo) e 4 balizas de 1x1; • 3 jogadores efetivos e 3 suplentes; / Bola Nº3; • A lei do fora de jogo é abolida; • Substituições corridas; • Jogos com 2 x 10´ e 5´de intervalo; • Os jogos serão “controlados” pelos responsáveis técnicos das equipas; • Os lançamentos de linha lateral são efectuados com as mãos.

×